Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Atualize já

Últimas Notícias

Agregador Estadão mostra Lula com 51% dos votos válidos e Bolsonaro 36%

5 ações para comprar agora

Por Felipe MirandaResumo do Mercado20.09.2022 10:18
br.investing.com/analysis/5-acoes-para-comprar-agora-200452122
5 ações para comprar agora
Por Felipe Miranda   |  20.09.2022 10:18
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
 
CL
+0,19%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar a uma lista de Favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
CSAN3
-1,10%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar a uma lista de Favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
IGTA3
+0,00%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar a uma lista de Favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
ITUB4
+0,73%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar a uma lista de Favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
MULT3
-1,60%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar a uma lista de Favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
ETHc1
0,00%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar a uma lista de Favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

Um grande investidor brasileiro, pouco conhecido do grande público, mas muito esperto, costuma repetir que, se você conhecer realmente de perto todas as empresas da Bolsa, acaba não comprando uma ação sequer.

Os processos, a tecnologia e as pessoas, sobretudo as pessoas, são sempre mais feios do que admitem os formulários de referência e as belas apresentações trimestrais. De perto, ninguém é normal. “Não se aproxima muito ou você vai se decepcionar. Cada ser humano tem um ponto fraco”, alerta o bilionário.

O CTO não paga pensão alimentícia, o CFO é viciado em jogo, o programador esconde carreiras de cocaína sob o mousepad, o CEO introduziu a amante no plano de stock options, a CMO tenta converter o edifício inteiro em crente e atribui o próprio sucesso à intervenção divina – fico imaginando que generosidade divina é essa que escolheu essa CMO e ferrou a vida da sua concorrente –, o gerente de RI, casado, gosta de meninos e meninas, alternando sua preferência entre terças e quintas, manifestada às escondidas na escada de incêndio do prédio – ah, se aqueles extintores falassem…

Eu, que sou apenas um rapaz latino-americano, “tenho ouvido muitos discos, conversado com pessoas” e, hoje, acho que o sujeito tem um ponto. Todas as empresas têm seus problemas. Na minha adaptação da frase do Millôr, “como são boas as companhias que não conhecemos de perto."

Contudo, há uma nuance aqui. O perfeccionismo, por vezes tido como uma virtude e prescrito em manuais de autoajuda por aí, na verdade, é um defeito paralisante. Se você for procurar algo sem defeitos (e isso inclui a si mesmo), não vai achar nem realizar nada. O bom investimento não é feito em ativos ou empresas sem problemas ou riscos, mas, sim, na identificação adequada de quais problemas e riscos são toleráveis.

Se é tudo meio problemático, se os juros mundo afora vão subir mais do que se supunha e o Renato Augusto não vai pra Copa, o que nos resta? Quem poderá nos defender? 

Direto ao ponto, entendo que a resposta esteja no quality barato. Mais pragmaticamente, empresas com marca forte, management competente, vantagens competitivas claras, balanço robusto, alto retorno sobre o capital investido (ou sobre o patrimônio) e múltiplos baixos. Existe pouca coisa listada com essas características, mas elas existem. Cito algumas.

Na crise, o dinheiro flui em direção aos donos do capital. O juro alto mata as fintechs, acaba com as promessas sonháticas, traz as métricas de avaliação para o presente (porque o Ebitda de 2050 vale muito pouco hoje depois de ser descontado por uma taxa alta), inibe aventuras em geral. A grana fica no banco. “Ah, mas essa alta de juro é circunstancial e logo volta o financial deepening” – olha, pode ser… talvez seja mesmo. Entretanto, oferece tempo aos bancos para mudar processos e tecnologia. Uma mudança conjuntural que permite uma arrumação da casa para um enfrentamento estrutural.’

Itaú (BVMF:ITUB4) me parece um bom nome para o momento. Tem conseguido avançar na mudança de cultura e na tecnologia, voltando a ser um nome premium entre os bancões. Negocia a múltiplos baratos e estancou a sangria de perda de clientes, pessoas e dinheiro para as plataformas e para as fintechs diante do juro alto. Fica cada vez mais claro como é difícil dar crédito no Brasil e como Itaú é um banco de qualidade mundial.

Ainda no setor financeiro – e aqui escrevo obviamente conflitado por razões óbvias –, BTG Pactual (BVMF:BPAC11) é outra companhia que se encaixa na prescrição. Banco transcendeu as características exclusivas de ser um case ligado ao processo de financial deepening, se alinhando mais a uma tese de “all weather stock” (uma ação para qualquer clima). Mesmo diante de um ambiente desafiador para a atividade tradicional de mercado de capitais, dado o juro alto e dada a ausência de IPOs, tem conseguido crescer as principais linhas de negócio de maneira consistente. Pode expandir cerca de 30% as receitas, a partir de pura alavancagem operacional. Guidance informal de 20% de ROE vem sendo entregue, até com ligeira folga. Caminha rapidamente para um lucro líquido anual de R$ 10 bilhões. Poderia ser negociado a 3x book e 15x lucros com certa facilidade.

Nem só de bancos vive o homem. 

Acho Cosan (BVMF:CSAN3) extremamente barata nesses níveis e vejo a ação, mesmo sem considerar projetos novos, podendo valer R$ 25 por soma das partes. Se admitirmos valor para os novos projetos, em particular o etanol de segunda geração, isso vai acima de R$ 30. Dada a característica defensiva, a diversificação de negócios e demonstrada capacidade de alocação de capital da companhia, é um potencial de valorização expressivo frente aos R$ 17,90 do preço de tela. As ações apanharam recentemente diante de preocupação com PEC dos biocombustíveis e mudança no ICMS, no que consideramos uma reação exagerada, dado o impacto material pouco representativo no Ebitda consolidado. Mercado também tem castigado as ações por privilegiar nomes que estão devolvendo capital ao acionista, enquanto Cosan ainda teria muito capex para fazer. Ora, ter um projeto de TIR superior a 25% deveria ser uma virtude, não um problema. Cosan é um nome de crescimento e com Preço sobre Lucro inferior a 10x para 2023. Com perfil defensivo, negócios diversificados e essa qualidade do management, não vejo opções tão atrativas quanto essa.

E temos também Iguatemi (BVMF:IGTA3) (BVMF:IGTI11). Empresa com discurso bastante adequado sobre disciplina na alocação de capital. Comprando fatia remanescente do JK a um bom cap rate e num nível de valution muito convidativo – mais de 400 pontos-base de desconto sobre a B, níveis semelhantes à era Dilma e muito descontado frente a Multiplan (BVMF:MULT3). Esperamos um bom terceiro trimestre, com inadimplência negativa novamente. Nome com ativos premium, com proteção da inflação e muito barato.

Você não contou errado. São quatro nomes na lista do quality barato, enquanto o título deste texto faz referência a cinco ações para comprar agora.

Completo a relação com um nome de commodity, classe que costuma andar bem em períodos inflacionários e capaz de compor bem o portfólio junto às demais. Ressalva importante: commodity é sempre um bicho complicado, difícil de prever, cujos múltiplos baixos podem subitamente ficar altos a partir de uma potencial desvalorização da matéria-prima subjacente. No entanto, o mercado de petróleo nos parece bastante apertado, com muito subinvestimento nos últimos anos e pouca oferta nova entrando até 2025. Ainda que uma recessão global possa vir a abater a demanda por petróleo, a disparada dos preços do gás tem produzido um efeito-substituição em direção ao óleo que poderia preencher esse espaço. Nosso nome favorito no setor é 3R Petroleum (BVMF:RRRP3), que negocia com os múltiplos mais baixos do segmento e já tem entregado uma ambiciosa expansão de produção.

5 ações para comprar agora
 

Artigos Relacionados

5 ações para comprar agora

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (15)
Rafa D Jr
MagnataOpcoes 23.09.2022 12:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
fefito vai cagar
William Alencar
William Alencar 21.09.2022 20:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Maior baixa hoje foi da BPAC11 a 2o maior CSNA3. Deixando de seguir JÁ
Adriano Maciel
Adriano Maciel 21.09.2022 20:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
cosan caiu muito mas tem potencial e realmente esta muito descontada. Vale a pena sim . Analise dele esta correta
José Artur Medina
José Artur Medina 21.09.2022 13:54
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Marfrig é bem melhor que todas as sugestões porquê não está - TÃO - atrelada tanto á política quanto o setor financeiro em que a maré é influenciada por Selics e fluxos de moeda estrangeira, fora questões políticas. Já CSN pode sofrer influência do valor do minério que PG disse que continuará alto por um tempo, a questão é que é imprevisível o preço do minério de ferro que já está alto, então não gosto de apostar que algo que já subiu. Cosan parece uma excelente escolha DY de 4.33 e p?L de 6.8. Marfrig tem DY de 27 e P/L de 1.2. A expectativa é a de que o preço da carne suba mais ainda no ano que vem. Acerca da menor demanda chinesa pela carne no ano que vem, de 20-25%, acredito que ela é super estimada, o mercado exagera para cima e para baixo, e neste momento os fundamentos que esse exagero é maior no tocante á Merfrig, principalemente se vislumbrado o horizonte de 2-3 anos. Multipplans parece uma excelente escolha mas esbarra num DY de 1.x e p/l de 22 (fonte bullrun)
Rodrigo Zwetsch
Rodrigo Zwetsch 21.09.2022 13:54
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Boa Jose!
Bruno Camilo
Bruno Camilo 21.09.2022 11:30
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Tem recomendação de compra em TRAD3 ou segue a manipulação? quer dizer short**
Marcelo Fonseca
Marcelo Fonseca 21.09.2022 0:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
As recomendações da Empiricus são tão boas, mas tão boas, que o fundo da antiga Vítreo, agora corretora Empiricus que replica as estratégias e recomendações da série "A palavra do estrategista" tem resultado de -28% de rentabilidade desde o início e entrega 22% abaixo de benchmark. O fundomque replica a série As Melhores Ações da bolsa" tem -33% de rentabilidade desde o início! Que baita máquina de moer o dinheiro dos cotistas dos fundos! 🤡
Carlos Bastos
Carlos Bastos 21.09.2022 0:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Falou tudo. Isso sem contar os escandalos que estão envolvidos
Marcelo Fonseca
Marcelo Fonseca 21.09.2022 0:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
As recomendações da Empiricus são tão boas, mas tão boas, que o fundo da antiga Vítreo, agora corretora Empiricus que replica as estratégias e recomendações da série "A palavra do estrategista" tem resultado de -28% de rentabilidade desde o início e entrega 22% abaixo de benchmark. O fundomque replica a série As Melhores Ações da bolsa" tem -33% de rentabilidade desde o início! Que baita máquina de moer o dinheiro dos cotistas dos fundos! 🤡
Diego Morais
Diego Morais 20.09.2022 23:23
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
🤡 ⏳
Eduardo Finamore
Eduardo Finamore 20.09.2022 23:01
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Esqueceu da trad3?
Ricardo Hoffmann
Ricardo Hoffmann 20.09.2022 22:57
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Um belo dia, um leigo ouviu esse rapaz. A casa de análises independente e com resultados impensáveis, não com essas palavras exatas, mas indo por aí. Um super pacote de opções. Que buraco para um leigo tolo se enfiar. Quem encabeçava era o Amstalden (sei lá se é assim o nome), os mão na massa eram, um que nunca mais ouvi falar e o tal Bruce, pelo amor de Deus, quanto dinheiro pelo ralo. Depois ouvindo a proposta das tais "vacas leiteiras", interessante e mais dentro daquilo que posso chamar de racional para o meu entendimento na época. AGRO3, um dividendo gigante, em anos, seria o segundo dividendo da tal vaquinha. Só não me contaram da queda no valor do papel após o dividendo. Perspectiva de novos dividendos, bom, sabe, foi pela venda super boa de uma propriedade, o próximo, sabe Deus (muito tempo passou, eu sei). Tenho que dizer que não sei se vi o alerta, acho que não, o tal investimento de risco não tem garantia de ganho. Uma casa imbatível, como meu prejuízo. Escapei da Betina!!!
José Artur Medina
José Artur Medina 20.09.2022 22:57
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
AGRO3 DY de 15, excelente empresa e o principal com lucros crescentes!!!
Bruno Panvequi
Bruno Panvequi 20.09.2022 22:33
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Itau batendo topo é coisa linda pra comprar.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail