Garanta 40% de desconto
⚠ Alerta de Balanço! Quais ações estão prontas para disparar?
Veja as ações no nosso radar ProPicks. Essas estratégias subiram 19,7% desde o início do ano.
Não perca a lista completa

Crise da Credit Suisse: Os Fundos Imobiliários da gestora no BR estão em risco?

Publicado 05.10.2022, 12:15
Atualizado 09.07.2023, 07:32

Com mais de R$ 10 bilhões sob gestão, a Credit Suisse Hedging-Griffo (CSHG) é a quinta maior gestora do mercado de Fundos Imobiliários (FIIs).

Com a crise do Credit Suisse (SIX:CSGN) no exterior, os cotistas dos FIIs, geridos pela gestora no Brasil, querem saber se há riscos para os fundos.

Não há riscos de perda patrimonial para os cotistas dos fundos da gestora, como é o caso do HGLG11, HGRU11, HGRE11, HGPO11, HGFF11, HGRI11, entre outros.

Por que os cotistas não precisam se preocupar?

Apesar da severa crise de confiança no Credit Suisse, os FIIs não serão impactados por terem seus patrimônios separados da tesouraria do banco.

Os FIIs pertencem aos cotistas, e não à gestora, que é ‘apenas’ uma prestadora de serviços. Nesse sentido, o patrimônio líquido dos fundos é totalmente segregado do patrimônio do gestor/administrador, de modo a justamente evitar qualquer risco de contágio financeiro por problemas associados aos prestadores de serviços.

Risco é perder talentos e/ou troca de gestora

Apesar das incertezas relacionadas à saúde financeira da CSHG, não há risco de perda patrimonial para os cotistas dos FIIs da gestora.

No pior cenário, o que poderia ocorrer com esses fundos em um caso limite seria uma eventual troca do time de gestão ou até mesmo da gestora, o que seria ruim, visto que o atual time do Credit Suisse entrega um ótimo trabalho.

Ainda assim, é precoce trabalhar com esse cenário no momento.

Entenda a crise do Credit Suisse

A crise de confiança sobre o Credit Suisse, segundo maior banco da Suíça, cresceu durante o final de semana.

Na segunda-feira, 3, a instituição financeira tentou amenizar os temores sobre a fase crítica em um memorando a funcionários.

É esperado que o banco precise de US$ 4 bilhões a US$ 6 bilhões para conter problemas dentro do banco.

Ao que tudo indica, em 2021, dois escândalos causaram prejuízos bilionários para o Credit Suisse: o Archegos Capital Management e o Greensill.

 

Últimos comentários

Acredito que apesar de não estarem diretamente ligado, certeza que o papel será afetado. Principalmente pelos especuladores e com maiores liquidações venda dos papeis, de fato, isto vai além da própria gestora.
cota cai lá no esgoto
teuku.....uma enxurrada de vendas
o estagiário está com problemas na barra de espaço
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.