Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Mercados Mundiais Recuam com a China em Desaceleração e o Petróleo Sob Pressão

Por Haramoto Resumo do Mercado15.07.2021 07:35
br.investing.com/analysis/mercados-mundiais-recuam-com--a-china--em-desaceleracao-e-o-petroleo-sob-pressao-200443323
Mercados Mundiais Recuam com a China em Desaceleração e o Petróleo Sob Pressão
Por Haramoto   |  15.07.2021 07:35
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

ÁSIA: As bolsas asiáticas fecharam sem direção na madrugada desta quinta-feira, à medida que a China relatou uma desaceleração de seu crescimento.

O PIB da China cresceu 7,9% no comparativo anual no segundo trimestre, menor do que as expectativas dos economistas em uma pesquisa da Reuters de uma alta de 8,1% e bem abaixo dos 18,3% registrado no trimestre entre janeiro e março. Enquanto isso, as vendas no varejo em junho subiram 12,1% em relação ao ano anterior, acima das expectativas de um aumento de 11%, de acordo com a Reuters. A produção industrial chinesa cresceu 8,3% no comparativo anual em junho, contra as expectativas de analistas em uma pesquisa da Reuters de um aumento de 7,8%.

Na China Continental, o composto de Xangai subiu 1,02%, para 3.564,59 pontos, enquanto o Shenzhen Composto avançou 0,75%, para 15.169,33 pontos. O índice Hang Seng de Hong Kong subiu 0,83%.

No Japão, o Nikkei fechou 1,15% menor em 28.279,09 pontos, enquanto o índice Topix caiu 1,2% e encerrou o dia em 1.939,61 pontos.

O Kospi da Coreia do Sul avançou 0,66%, fechando em 3.286,22 pontos. O Banco da Coreia anunciou nesta quinta-feira a decisão de deixar a sua taxa básica de juros inalterada em 0,5%, em linha com as expectativas de analistas consultados pela Reuters.

O S & P / ASX 200 na Austrália caiu 0,26% para fechar em 7.335,90 pontos, à medida que a disseminação da variante delta do Covid, altamente contagiosa, saiu de Sydney e ultrapassou a fronteira estadual e levou autoridades de Melbourne a discutir e declarar um bloqueio de cinco dias em todo o estado de Victoria, com investidores ignorando os dados laborais. A taxa de desemprego com ajuste sazonal da Austrália caiu para 4,9% em junho, segundo o Bureau de Estatísticas do país na quinta-feira, menor do que os 5,0% esperados em uma pesquisa da Reuters e também aquém dos 5,1% de maio.

As principais mineradoras e empresas de serviços públicos avançaram, enquanto grandes bancos, empresas de saúde, ações de energia, varejistas e empresas de tecnologia caíram. A BHP (ASX:BHP) (SA:BHPG34) subiu 1,1%, para US$ 51,53, enquanto a Rio Tinto (ASX:RIO) (SA:RIOT34) fechou 2,2% maior, a US$ 131,14. A Fortescue Metals (ASX:FMG) ganhou 2,1%, a US$ 25,72, a maior alta desde o início de janeiro. As mineradoras de metais preciosos também avançaram. Newcrest (ASX:NCM) subiu 1,5%, Northern Star (ASX:NST) subiu 21% e Evolution Mining (ASX:EVN) ganhou 2,7%. Entre as produtoras de petróleo, Oil Search (ASX:OSH) subiu 0,5%, enquanto Santos (ASX:STO) e Woodside Petroleum (ASX:WPL) recuaram 0,2% e 1,4%, respectivamente, à medida que os preços do petróleo caíram durante o horário asiático.

O índice MSCI para a Ásia-Pacífico exceto Japão subiu 0,82%.

EUROPA: As bolsas europeias caem nesta quinta-feira, à medida que os preços do petróleo caem e os investidores ponderam uma desaceleração da economia chinesa.

O pan-europeu Stoxx 600 cai 0,58% no meio da manhã, com baixa nas ações de petróleo e gás depois que a OPEP+ supostamente chegou a um acordo sobre os níveis de produção de petróleo, enquanto ações de viagens recuam à medida que a disseminação da variante delta altamente transmissível do COVID-19, segue avançando, agora em 111 países.

O alemão DAX 30 cai 0,75%, o francês CAC 40 perde 0,46%, enquanto o IBEX 35 da Espanha e o FTSE MIB da Itália, caem 0,92% e 0,78%, respectivamente.

Em Londres, o FTSE 100 cai 0,26%. Entre as mineradoras listadas na LSE, Anglo American (LON:AAL) cai 0,6%, BHP (LON:BHPB) cai 0,1%, enquanto Antofagasta (LON:ANTO) e Rio Tinto (LON:RIO) sobem 0,5%. Entre as gigantes petrolíferas, BP (LON:BP) (SA:B1PP34) cai 2,2% e Royal Dutch Shell (LON:RDSa) (SA:RDSA34) recua 1,3%.

A libra cai 0,2% em relação ao dólar, para US$ 1,3822, depois que o presidente do Banco da Inglaterra, Andrew Bailey, disse que não seria pressionado a tomar nenhuma decisão sobre o aumento das taxas de juros, mesmo em meio às pressões crescentes de inflação.

EUA: Os futuros dos índices de ações dos EUA operam em baixa nas negociações matinais de quinta-feira, com os investidores se preparando para mais balanços corporativos e dados do mercado de trabalho.

Na quarta-feira, o Dow Jones subiu 44 pontos ou alta de 0,13%, ajudado por um ganho de 2,4% nas ações da Apple (NASDAQ:AAPL) (SA:AAPL34). O S&P 500 subiu 0,12% depois de bater um recorde intradiário no início da sessão. O Nasdaq Composite caiu 0,2%, no entanto, o Nasdaq 100 fechou em alta.

O índice Russell 2000 de "small caps" caiu 1,60% na quinta-feira, elevando suas perdas semanais para mais de 3,4%.

O presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, em depoimento ao Comitê de Serviços Financeiros da Câmara, sugeriu que a inflação provavelmente permanecerá elevada, mas eventualmente moderada, reforçando a posição do Banco Central de que o aumento da inflação é um impacto temporário da economia em recuperação. “Em nossa reunião de junho, o Comitê discutiu o progresso da economia em direção às nossas metas de compra de ativos que adotamos em dezembro passado. Embora o padrão de "progresso adicional substancial" ainda esteja um pouco distante, os participantes do comitê esperam que o progresso continue”, disse Powell.

Os preços ao produtor de junho apontaram uma inflação maior do que o esperado na quarta-feira.

Powell deve continuar a testemunhar, agora perante o Senado nesta quinta-feira a partir das 10h30. Segundo analistas, Powell ajudou a acalmar temores ao sugerir novamente que os relatórios de inflação são transitórios, enquanto observam a queda nos rendimentos dos títulos. O rendimento do título do Tesouro de 10 anos caiu para 1,34%, ante 1,41% da terça-feira.

A temporada de ganhos continuou com fortes resultados de bancos como o Bank of America (NYSE:BAC) (SA:BOAC34) e outras corporações; Todas as 12 empresas do S&P 500 que divulgaram resultados fiscais trimestrais nesta semana até a manhã de quarta-feira superaram as estimativas de lucro por ação, mas apresentaram um declínio médio de 0,56% após os resultados.

Os relatórios continuarão nesta quinta-feira com Morgan Stanley (NYSE:MS) (SA:MSBR34), US Bancorp (NYSE:USB) (SA:USBC34), UnitedHealth (NYSE:UNH) (SA:UNHH34), Cintas (NASDAQ:CTAS) (SA:C1TA34) e Progressive (NYSE:PGR) (SA:P1GR34), entre outras.

Os investidores também esperam uma recuperação do mercado de trabalho nos EUA. Os pedidos iniciais de seguro-desemprego da semana passada devem ser divulgados às 9h30. Economistas esperam que 360.000 pedidos iniciais de seguro desemprego sejam solicitados, em comparação com 373.000 na semana encerrada em 3 de julho. No mesmo horário está prevista a divulgação do Empire State Manufacturing Index, Índice de manufatura do FED de Filadélfia e o Import Prices (preços de bens importados, excluindo petróleo). A produção industrial e a taxa de utilização das indústrias sairão às 10h15.

ÍNDICES FUTUROS - 7h10:

Dow: -0,037%

SP500: -0,21%

NASDAQ: +0,22%

%COMMODITIES:

MinFe Dailan: +1,61%

Brent: -1,01%

WTI: -0,76%

Soja: +0,12%

Ouro: +0,36%

Bitcoin: -0,63%

OBSERVAÇÃO: Este material é um trabalho voluntário, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. O texto da sessão asiática está no tempo passado, enquanto a europeia e a americana estão no presente devido ao horário em que este relatório é redigido. Atentem-se para o horário de disponibilização dos dados. O texto não é indicação de compra ou venda de ativos.

Mercados Mundiais Recuam com a China em Desaceleração e o Petróleo Sob Pressão
 

Artigos Relacionados

Mercados Mundiais Recuam com a China em Desaceleração e o Petróleo Sob Pressão

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (2)
Fernando Figueiral
Fernando Figueiral 15.07.2021 8:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bom dia e obrigado!!!
Liedson Souza
Liedson Souza 15.07.2021 7:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
ótimo artigo!
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail