Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Petrobras e Petróleo em Retrospectiva

br.investing.com/analysis/petrobras-e-petr%EF%BF%BD%EF%BF%BDleo-em-retrospectiva-11793
Petrobras e Petróleo em Retrospectiva
Por Sebastião Buck Tocalino   |  03.09.2015 08:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

Este fim de semana fez aniversário aquela que se mostraria a mais "reveladora" dentre minhas análises e opiniões publicadas. Lamentavelmente, não alcançou um maior número de leitores devido ao seu conteúdo polêmico. De forma complementar, ainda chocado pela então recente barbárie do grupo revolucionário e extremista islâmico, eu também decidira abordar ali a fé como algo, por vezes, não tão espiritual assim, mas vulnerável, influenciável e manipulável por interesses escusos - políticos e/ou econômicos. Afinal, o assunto é pertinente.

Contudo, quem não sentiu desconforto na leitura daquela abordagem difícil (para mim) e um tanto longa (para alguns leitores), veio até a se impressionar diante do timing (ou oportuna pontualidade no momento) da publicação. Tratava-se sim de uma análise sobre a ausência de fundamentos que pudessem justificar a negociação de barris de petróleo nos arredores dos US$ 100, como acontecia na altura em que o texto foi escrito e publicado.

Petrobras
Petrobras

A bem da verdade, eu já havia escrito em setembro de 2011, de forma bem mais sucinta, que o petróleo não contava com fundamentos demográficos para se manter naquelas alturas. Aquele foi um texto dedicado à relação entre demografia e mercados, um assunto que ainda hoje parece ser muito subestimado pelo público em geral, bem como por investidores e profissionais do mercado.

Entre aquela breve pincelada no assunto e o texto finalmente dedicado ao petróleo se passaram 3 anos. Nesse intervalo, os preços da commodity oscilaram nervosos, abaixo e acima, mas insistentes naquele abusivo patamar. Depois de publicá-lo no Brasil, eu o traduzi e enviei para avaliação e possível publicação em alguns sites dos EUA. Recebi algumas respostas de editores que se interessaram pelo tema principal, mas me solicitaram a retirada dos parágrafos de conteúdo religioso e político. Desapontado e não disposto a omiti-los, eu tentei reescrevê-los de forma diferente e abreviada. Depois de uma sequência de alterações, o texto foi publicado por alguns e finalmente declinado por outros.

Contudo, mesmo aqueles que apreciaram o teor econômico, viriam a se impressionar com o desenrolar dos eventos nas semanas e meses que se seguiriam. A análise não só teria se mostrado certeira, como especialmente oportuna no "cronograma" dos mercados. Foi, aparentemente, presciente da longa derrocada nos preços do petróleo que rapidamente se iniciaria e se estenderia até o presente.

Outra coisa interessante foi que logo começaram a aparecer os podres indícios da corrupção (assombrosa mesmo para o padrão brasileiro) instalada e mediada por políticos e executivos relacionados à Petrobras (SA:PETR4). Ora, logo na abertura do texto eu já dizia que "Para uma nação que não tenha sólidas instituições democráticas, seu petróleo pode se tornar uma maldição política, social e cultural".

Por muito pouco, o Brasil não serviu de exemplo naquela análise! E, também neste quesito, o texto parecia presciente do que se revelaria à nação brasileira...

Naquela análise, eu também descartava como improvável a ensaiada alta dos juros nos EUA e chamava a atenção para a compra dos Treasuries (juros) longos...

Por estas e outras razões, considero o mais polêmico dos meus artigos, recusado por alguns sites e não lido por muitos, uma espécie de "filho pródigo" para mim! Passado já um ano no tempo e muita água por baixo da ponte (tanto no Brasil como nos mercados internacionais), eu cedo à vaidade de um "pai orgulhoso" e volto a exibi-lo aqui!

Confira: Manchas de Óleo na Fé e as Máculas da Fé no Óleo.

Preço do Barril de Petróleo
Preço do Barril de Petróleo

A bolsa estimula a cidadania! Compartilhe, divulgue e indique este texto pelas redes do LinkedIn, Twitter, Facebook e Google+.

Copyright © Sebastião Buck Tocalino - Todos os direitos reservados.

Petrobras e Petróleo em Retrospectiva
 

Artigos Relacionados

Petrobras e Petróleo em Retrospectiva

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail