Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Powell: Não descartamos aumentar juros em todas as reuniões deste ano

Dados Econômicos26.01.2022 17:42
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Powell: Não descartamos aumentar juros em todas as reuniões deste ano

O presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, disse nesta quarta-feira (26) que há bastante espaço para aumentar as taxas de juros sem prejudicar o emprego e o crescimento dos Estados Unidos, deixando claro que o comitê de política monetária do banco central está pronto para iniciar o ciclo de alta pós-pandemia.

Segundo ele, as altas podem acontecer inclusive “em todas as reuniões” deste ano, a possivelmente começar em março.

Após o comentário, o dólar acelerou a queda para 0,13%, a R$ 5,4364, enquanto o Ibovespa (IBOV) mantinha a forte alta, seguindo o exterior

O principal índice brasileiro chegou a subir mais de 2% após o anúncio e negociava perto dos 112.160 pontos às 16h52

Mais cedo, o Fed decidiu manter a taxa de juros americana inalterada, conforme comunicado divulgado nesta quarta, mas apontando que “em breve” será apropriado iniciar o ciclo de altas.

A taxa dos Fed Funds foi mantida no intervalo entre 0,0% e 0,25%, como esperado pelo mercado.

“Com a inflação bem acima de 2% e um mercado de trabalho forte, o comitê espera que em breve seja apropriado aumentar o intervalo da meta a taxa Fed Funds”

LEIA MAIS: Fed não altera taxa de juros nos EUA; estabelece plano para redução do balanço

Acompanhe os comentários ao vivo:

Jerome Powell comenta decisão do Fed, 16h32

  • Fomc tem em mente elevar juros no encontro de março
  • A política fiscal deste ano será menos favorável ao crescimento. Podemos aumentar as taxas sem ter que prejudicá-lo
  • Não descartamos aumentar as taxas de juros em todas as reuniões do Fomc
  • Há bastante espaço para aumentar as taxas de juros sem prejudicar o emprego
  • A economia está muito mais forte, a força de trabalho está forte e a inflação está acima das nossas projeções
  • A redução do balanço ocorrerá de maneira previsível
  • Vamos ajustar a gestão do balanço conforme necessário
  • A economia não precisa mais de fortes estímulos como na era da pandemia. É claro que o cenário permanece altamente incerto
  • A inflação continua muito além da nossa meta de longo prazo. Esperamos que a inflação recue ao longo deste ano
  • Acreditamos que a melhor coisa que podemos fazer é incentivar a expansão de longo prazo, o que exige estabilidade de preços. O Fed está comprometido com a meta de estabilidade de preços.
  • A produção é prejudicada por gargalos e restrições de fornecimento
  • A inflação excessiva agora está se espalhando mais amplamente. Os problemas de abastecimento são mais graves e duradouros do que se supunha anteriormente
  • A atual onda de vírus pode ter um impacto de longo prazo na força de trabalho
  • Os salários estão aumentando no ritmo mais rápido em anos. A participação da força de trabalho aumentou, mas ainda é moderada
  • Houve uma melhoria generalizada no mercado de trabalho. A demanda por mão de obra ainda é historicamente alta
  • A ômicron sem dúvida terá um impacto no crescimento econômico neste trimestre
  • A economia mostrou grande força. A política evoluiu em resposta ao ambiente em mudança
  • Com a inflação em alta e um mercado de trabalho saudável, continuaremos ajustando a política

Ver mais em Bloomberg Línea Brasil

Powell: Não descartamos aumentar juros em todas as reuniões deste ano
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail