Últimas Notícias
0

Fique por dentro das 5 principais notícias do mercado desta sexta-feira

Economia07.12.2018 08:54
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters.

Investing.com - Confira as cinco principais notícias desta sexta-feira, 7 de dezembro, sobre os mercados financeiros:

1. Preços do petróleo caem enquanto Opep não consegue chegar a um acordo

Os preços do petróleo continuaram caindo na sexta-feira, enquanto a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) lutava para chegar a um acordo sobre o corte da produção de petróleo.

Os contratos futuros de petróleo dos EUA com vencimento em em janeiro, caíam 0,43%, para US$ 51,27 por barril, enquanto o petróleo Brent, referência para preços fora dos EUA, subia 0,17%, para US$ 60,16.

A sessão de quinta-feira da reunião da Opep em Viena terminou sem qualquer decisão sobre o corte de oferta de petróleo, já que o Irã busca uma isenção de qualquer corte devido às sanções americanas que já pesam sobre as suas exportações.

A contagem semanal de sondas da Baker Hughes, indicador importante sobre a produção de petróleo e a demanda de derivados de petróleo, será divulgada mais tarde.

2. Wall Street continua cautelosa

Um grande volume no final de ano parece improvável para Wall Street, já que as preocupações comerciais e uma queda nos preços do petróleo pressionaram os futuros para baixo.

Wall Street indicava movimento de baixa: os futuros do S&P 500 caíam 0,31%, enquanto os futuros do Dow recuavam 0,33% e o índice futuro de tecnologia Nasdaq 100 perdia 0,37%.

O Dow e o S&P 500 fecharam em vermelho na quinta-feira quase apagando ganhos anuais.

Enquanto isso, o comércio na Europa estava em alta, com DAX da Alemanha, CAC 40 da França e FTSE 100 de Londres todos no verde.

Enquanto isso, na Ásia ações estavam em diferentes direções. Em Hong Kong, o Hang Seng caiu 0,35% e o China A50 Index diminuiu 0,10%. O Shanghai Composite avançou 0,03% enquanto no Japão, o TOPIX subiu 0,61% e o Nikkei 225 ganhou 0,82%.

3. Criptomoedas caem 90% de máxima recordes

Os preços da criptomoedas caíram nesta sexta-feira, com quase todas as principais moedas digitais alcançando pelo menos 90% em relação às maiores altas de todos os tempos.

As moedas virtuais caíram drasticamente nas últimas semanas, com notícias de procedimentos regulatórios e uma grande dificuldade em termos de caixa citados como grandes ventos contrários para a indústria de criptografia.

As criptomoedas operavam em leve baixa de forma geral, com o valor total de capitalização de mercado total a US$ 107 bilhões no momento de redação desta matéria, em comparação com US$ 120 bilhões na quinta-feira. O bitcoin caía 12%, negociando perto de uma sessão em baixa de US$ 3.377,40

Enquanto isso, é pouco provável que tenhamos em breve um fundo negociado em bolsa de bitcoin, disse um representante da Securities and Exchange Commission.

“Não segure a respiração. A SEC levou muito tempo para estabelecer Finhub. Pode levar ainda mais tempo para aprovar um produto negociado em bolsa”, disse Hester Peirce, que discordou da decisão da SEC de rejeitar um ETF Bitcoin.

4. Relatório de empregos em pauta

O esperado relatório mensal de empregos está previsto para ser liberado às 11h30.

Espera-se que as {{ec-227||folhas de pagamento não agrícolas}} para novembro caiam de 250.000 no mês anterior, para 200.000, enquanto a taxa de desemprego deve permanecer estável em 3,7%. Espera-se, ainda, que os {{ecl -8||ganhos médios por hora}} aumentem ligeiramente em 0,3%.

Enquanto isso, o índice de percepção do consumidor da Universidade de Michigan tem divulgação marcada para as 13h00.

5. Dólar se aproxima da maior queda semanal em dois meses

O dólar estava mais baixo na sexta-feira em meio à preocupação de que o Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) pudesse interromper o aumento da taxa de juros em meio a preocupações quanto à desaceleração do crescimento global.

O Wall Street Journal informou na quinta-feira que o Fed deve considerar uma abordagem de "esperar para ver" depois de aumentar a taxa de juros em sua próxima reunião em dezembro.

O índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, subiu 0,10% para 96,85. No entanto, em uma base semanal, o dólar estava definido com a sua maior queda em mais de dois meses contra uma cesta de seus rivais.

Queda dos os rendimentos do Tesouro também pesaram sobre o dólar, com o valor de referência rendimento do Tesouro em 10 anos alcançando 2,896, após ter mergulhado durante a noite no seu nível mais baixo desde o final de agosto.

Fique por dentro das 5 principais notícias do mercado desta sexta-feira
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias ou ataques pessoais dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Registrar-se com Google
ou
Registrar-se com o e-mail