Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Petróleo impacta menos na economia da Rússia e no rublo

Moedas14.01.2022 06:11
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters.

Por Yana Shebalina, do Investing.com Rússia

Investing.com - Antes do início de 2014 e da introdução das primeiras grandes sanções contra a Rússia devido à situação na Ucrânia, quase ninguém pensava na correlação entre os preços do rublo e os do petróleo. Mas após o início da crise, a correlação entre os indicadores se tornou evidente; nos últimos anos, o custo do petróleo afetou diretamente o orçamento russo.

E embora a economia interna venha tentando se distanciar, afastar da dependência do petróleo e do gás natural, ela ainda segue nesse padrão de dependência. No entanto, no início deste ano, os especialistas do Tribunal de Contas da Federação Russa disseram que a dependência do orçamento em relação aos preços do petróleo começa a diminuir. No resumo do Monitoramento Econômico, elaborado pelo Departamento de Auditoria do Desenvolvimento Econômico do Tribunal de Contas, os especialistas escreveram que, ao longo dos anos, o coeficiente de correlação entre o preço do petróleo e a taxa de câmbio do dólar diminuiu de -0,91 em 2016 para -0,61 em 2020.

O Tribunal de Contas explicou que a queda no índice foi registrada após a introdução de uma taxa de câmbio flutuante, a transição do Banco Central para uma política de metas de inflação e a aplicação da regra orçamental. Assim, em 2014-2017, quando os preços do petróleo passaram de US$ 112 para US$ 24 por barril, uma mudança absoluta de mais de 3,6 vezes, a flutuação do rublo em relação ao dólar passou de 33 para 84 rublos, ou 1,5 vezes.

Ao mesmo tempo, para o período de janeiro de 2018, quando a regra orçamental entrou em vigor, até fevereiro de 2020, quando as cotações do petróleo passaram de US$ 85 para US$ 48 por barril, ou cerca de 80%, a flutuação do rublo em relação ao dólar esteva em uma faixa relativamente estreita de 56 a 70 rublos, ou 25%.

Como resultado, os analistas da JV concluíram que os preços do petróleo continuam a afetar o rublo, mas existem outras influências mais importantes. Eles incluem a redução das transações correntes no balanço de pagamentos da Rússia e os riscos geopolíticos externos, incluindo a ameaça constante de novas sanções.

Andrey Kochetkov, analista da Otkritie Broker, diz que o rublo é uma das moedas mais subvalorizadas do mundo, e não é por causa do alto preço do petróleo, mas devido a fortes fundamentos. A Rússia tem um excedente comercial, um excedente de transações correntes e uma dívida externa bastante reduzida.

LEIA MAIS: Moedas de Brasil, China e Turquia estão 'subvalorizadas', diz IIF

"Estamos acostumados ao petróleo custar 3.000 - 3.500 rublos por barril. Nos últimos anos, porém, a taxa de câmbio do rublo deixou de se correlacionar com o preço do petróleo. A regra orçamental é, em parte, a culpada por isso. Na verdade, o preço elevado do petróleo começou a ter um impacto negativo na taxa de câmbio do rublo. Quanto mais altos forem os preços do petróleo, mais recursos são gastos pelo Ministério das Finanças para a compra de moeda estrangeira, o que exerce pressão sobre o rublo", diz Kochetkov.

De acordo com os dados do final de outubro de 2021, apesar da implementação da regra orçamentária, a correlação entre a dinâmica do ouro negro e o rublo atingiu um valor recorde desde o segundo semestre de 2020, em 50%. Vladimir Bragin, chefe de pesquisa da Alfa Capital Asset Management, prevê que a taxa de câmbio do rublo continuará a ser influenciada pelos movimentos dos preços do petróleo em 2022, além dos fatores fundamentalistas. Além disso, ela será afetada por sanções e riscos geopolíticos.

Bragin concluiu que, fundamentalmente, pouco importa para o rublo se o petróleo custará US$ 60 ou US$ 100 por barril em 2022. Segundo ele, a única diferença será a velocidade de acumulação de reservas cambiais. Por isso, acrescentou o analista, se considerarmos o preço do petróleo como relacionado ao rublo, faremos isso apenas como um indicador da situação geral na economia e nos mercados.

Petróleo impacta menos na economia da Rússia e no rublo
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (4)
Elisio Pedro
Elisio Pedro 14.01.2022 8:43
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O único país produtor de petróleo a adotar os tais "preços internacionais" para abastecer o mercado interno é o brasil....essa é a verdadeira jabuticaba brasileira...
Amaury Carrapato
Amaury Carrapato 14.01.2022 8:43
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
e foi no governo dilma em 2015
Mansur Staim
Mansur Staim 14.01.2022 8:43
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Vão pra Rússia!
Claudio M Br
Claudio M Br 14.01.2022 8:43
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Cala a boca, Magda esquerdista.
Elisio Pedro
Elisio Pedro 14.01.2022 8:43
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Mansur Staim e vc vai pra p q p kkk
Mamoru Uehara
Mamoru Uehara 14.01.2022 8:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
no brasil petroleo ja chegou em 100 a 150 na epoca e nem valia tudo isso 6,20 litro. pense bem.
Mauricio Moreira
Mauricio Moreira 14.01.2022 8:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
e quanto estava o valor do dólar na época? já se fez essa pergunta. É cada uma que tem nesse site
Claudio M Br
Claudio M Br 14.01.2022 8:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Dólar custava 3,00. Sai fora, esquerdalha, só acredito nas tias do zap.
Claudio M Br
Claudio M Br 14.01.2022 8:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se escrever Esquerdalha, o site proibe o post é? Interessante...
Claudio M Br
Claudio M Br 14.01.2022 8:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ué, cadê meu post anterior produção?
Jorge Luis Ramos
Jorge Luis Ramos 14.01.2022 7:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Artigo confuso …Afirmações inconsistentes…
Felipe Moreira
Felipe Moreira 14.01.2022 7:10
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
kkkkk só desinformação
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail