x
Últimas Notícias
0

Bradesco retomada de crédito a partir do fim de 2017, diz Trabuco

Ações e Financeiro24.08.2017 20:50
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Bradesco retomada de crédito a partir do fim de 2017, diz Trabuco

Por Gabriela Mello

SÃO PAULO (Reuters) - O Brasil está saindo de um ciclo de retração do crédito e o volume de concessões de empréstimos tende a aumentar gradativamente a partir do fim de 2017, tendo as privatizações e licitações como motor de crescimento, afirmou nesta quinta-feira o diretor-presidente do Bradesco (SA:BBDC4), Luiz Carlos Trabuco.

"A retomada do crédito vai depender do PIB e da taxa de investimento da economia", disse Trabuco a jornalistas em encontro de executivos da instituição com analistas e investidores, em São Paulo.

A projeção do Bradesco é de que o Produto Interno Bruto brasileiro suba 2 por cento no ano que vem, destacou o economista-chefe do banco, Fernando Honorato Barbosa, também presente no evento. “Estamos na ponta neutra (das estimativas do mercado), com viés para cima, mas tudo vai depender do ambiente político”, comentou.

O segundo maior banco privado do país ainda projeta a inflação em alta de 4 por cento em 2018, e a Selic em 7,5 por cento ao fim deste ano. “Ouso dizer que talvez tenhamos o período mais prolongado de juros baixos na história”, acrescentou o economista-chefe.

Por ora, a instituição vê diversos indicadores sustentando uma perspectiva de que economia pode sair de recessão dos últimos três anos, que para Trabuco foi um “real teste de estresse para o Bradesco e para todo o sistema bancário”.

Perguntado sobre possíveis revisões em estimativas de inadimplência e provisões para o terceiro trimestre, o presidente do banco ponderou que todos os casos específicos já estão mapeados e que as renegociações com empresas estão feitas com reforços de garantias.

"Não vemos necessidade de revisão de 'guidance' porque a expectativa é de que a queda das margens será compensada por aumento no volume de operações", afirmou Trabuco, citando também o programa lançado na véspera pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

"Vamos ser ativos em capital de giro para pequenas e médias empresas", disse.

O diretor financeiro e de relações com investidores, Alexandre Glüher, afirmou que o segmento pessoa física já vem registrando mais pedidos de crédito, enquanto a carteira de pessoa jurídica encontra-se perto da estabilização, devendo registrar expansão mais perto do fim deste ano.

SINERGIAS

A aquisição do HSBC Brasil pelo Bradesco deve gerar 3,5 bilhões de reais em redução de custos e sinergias antes de impostos, informou Glüher. De acordo com ele, a integração sistêmica das operações foi concluída com sucesso e a captura de sinergias deve ser finalizada no fim de 2018.

O banco já registrou crescimento de 51 por cento nas linhas de crédito, e de 41 por cento em investimentos e previdência com os clientes oriundos do HSBC.

CARTÕES

A bandeira Elo, do Bradesco e do Banco do Brasil (SA:BBAS3), atingiu uma participação de mercado de 12 por cento desde sua implementação, acumulando 118 milhões de cartões emitidos, ressaltou o diretor vice-presidente do Bradesco, Marcelo Noronha, que durante o encontro falou sobre a estratégia do banco para atacado e cartões.

Noronha também disse que o programa de fidelidade Livelo atingiu “break-even” em seu primeiro ano de operação, com mais de 15 milhões de clientes cadastrados.

Bradesco retomada de crédito a partir do fim de 2017, diz Trabuco
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material  relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias ou ataques pessoais dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de registro no futuro, a critério Investing.com.

 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Escreva o que você pensa aqui
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
Postar
Postar também no :
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
Postar 1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Registrar-se com Google
ou
Registrar-se com o e-mail