Últimas Notícias
Investing Pro 0
PROMOÇÃO prorrogada Cyber Monday: Até -60% no InvestingPro+ GARANTA A OFERTA

Prioridade urgente na Ucrânia é facilitar negociações de paz, diz China

Gerais 24.09.2022 14:35
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - A China apoia todas as tentativas que conduzam a uma resolução pacífica da crise na Ucrânia, disse seu ministro das Relações Exteriores, Wang Yi, à assembleia-geral da ONU neste sábado, enfatizando prioridade urgente de facilitar negociações de paz.

"A solução fundamental é lidar com as legítimas preocupações de segurança de todas as partes e construir uma arquitetura de segurança equilibrada, efetiva e sustentável", disse Wang.

A China, parceira estratégica da Rússia, tem fico em cima do muro, criticando sanções do Ocidente contra a Rússia, mas sem chegar a endossar ou ajudar a campanha militar.

Em uma admissão surpresa, o presidente russo, Vladimir Putin, disse na semana passada que o líder da China, Xi Jinping, tinha preocupações sobre a Ucrânia.

Wang também disse que Pequim continuaria a trabalhar por uma "reunificação pacífica" com Taiwan e que combateria "atividades separatistas independentes", tomando medidas firmes para se opor à interferência externa.

"Somente prevenindo resolutamente atividades separatistas podemos forjar uma verdadeira base para a reunificação pacífica. Apenas quando a China estiver completamente reunificada pode haver paz no Estreito de Taiwan", disse.

Wang se reuniu com o secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, em Nova York na sexta-feira. Após a reunião, a China acusou os EUA de enviarem "sinais muito errados e perigosos" sobre Taiwan, após Blinken dizer a Wang que a manutenção da paz e da estabilidade em relação a Taiwan é vitalmente importante.

Tensões em torno de Taiwan cresceram após uma visita ao local em agosto da presidente da Câmara, Nancy Pelosi - seguida por exercícios militares de grande escala do Exército chinês -, assim como a promessa do presidente dos EUA, Joe Biden, de defender a ilha democraticamente governada.

(Por Michelle Nichols, Daphne Psaledakis e Humeyra Pamuk)

Prioridade urgente na Ucrânia é facilitar negociações de paz, diz China
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail