Últimas Notícias
Garanta 40% de desconto 0
🔎 Confira as ProTips completas de NVDA e descubra riscos e retornos DESCONTO de 40%

Campos Neto diz haver “muito trabalho pela frente” na busca pela redução da inflação

Publicado 08.12.2023 15:19 Atualizado 08.12.2023 15:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto 15/02/2023 REUTERS/Adriano Machado

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, disse haver “muito trabalho pela frente”, apesar de avanços alcançados, ao mencionar a busca pelo controle da inflação no país.

Em vídeo gravado no dia 28 de novembro e apresentado nesta sexta-feira durante evento do Conselho Empresarial Lide Rio de Janeiro, Campos Neto afirmou que é importante consolidar o processo de redução da inflação.

Segundo ele, o BC atuou de forma tempestiva, o que está possibilitando uma redução da inflação no Brasil com custo relativamente baixo, na comparação com outros países.

"Estamos cientes que ainda temos muito trabalho pela frente", disse Campos Neto.

"É importante consolidar processo de redução da inflação e avançar na nossa agenda de modernização do sistema financeiro cujas ações incluem Pix, open finance, modernização cambial e o Drex, nossa moeda digital."

O Comitê de Política Monetária (Copom) do BC se reunirá na próxima semana, quando a expectativa é que anuncie na quarta-feira o quarto corte consecutivo de 0,5 ponto percentual da taxa básica de juros, que iria a 11,75% ao ano.

(Por Rodrigo Viga Gaier)

Campos Neto diz haver “muito trabalho pela frente” na busca pela redução da inflação
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por esse motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (5)
Gustavo Lima
Gustavo Lima 08.12.2023 16:53
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Calma campos neto, voce disse no dia 30/03/2023 que a selic precisaria ser 26,5% se quiséssemos manter a inflacao dentro da meta em 202, nao me parece que suas falas sao muito técnicas kkkk ta mais para um politico a mando do ex ministro kkkk
Paulo gontijo de
Paulo gontijo de 08.12.2023 16:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Este deveria dar explicação, sobre rombo em 2022 banco central , 298.5 bilhoes , operacoes cambiais .
Mat Newman
Mat Newman 08.12.2023 16:19
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O trabalho é se livrar deste pilantra aventureiro. Deixou de legado o maior endividamento familiar da história brasileira e diversas empresas que acreditaram na Selic de 2% quebradas.
Maura Carvalho
Maura Carvalho 08.12.2023 15:42
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Custo baixo? Veja os balanços das varejistas e todas as empresas de produção deste país, com endividamentos históricos, sem contar o rombo aos cofres públicos pelo recordes sobre recordes de juros da divida pública. Tá...
Patty Faria
Patty Faria 08.12.2023 15:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Papo furado para manter a rapinagem do orçamento público via taxa de juros estratosférica.
Marcel Pascoski
Marcel Pascoski 08.12.2023 15:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Eu se fosse Campo Neto Renunciaria ! Deixava essa porcaria de inflação bater recode e mais records. Dai esquerdista Burro iria acreditar
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar esse comentário

Diga-nos o que achou desse comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail