🚀 Ações escolhidas por IA em alta. PRFT com alta de +55% em 16 dias. Não perca as ações de junho!Acessar lista completa

Fundo que tem Tanure Como sócio leva Emae

Publicado 20.04.2024, 04:38
© Reuters.  Fundo que tem Tanure Como sócio leva Emae
EMAE4
-
EMAE3
-

O Fundo Phoenix, que tem o empresário Nelson Tanure entre os cotistas, venceu o leilão de privatização da EMAE (BVMF:EMAE4) (Empresa Metropolitana de Águas e Energia), realizado nesta sexta-feira, 19, na Bolsa de Valores (B3 (BVMF:B3SA3)), em São Paulo. A oferta foi de R$ 70,65 por ação, totalizando R$ 1,04 bilhão, com ágio de 33,68% em relação ao preço mínimo, de R$ 780 milhões.

Esta foi a primeira privatização da gestão de Tarcísio de Freitas à frente do governo do Estado - a Emae era a última estatal paulista do setor elétrico, que agora passará às mãos do setor privado. E tem significado importante para Tarcísio, que consegue avançar com um processo que vinha sendo considerado um teste para a venda da Sabesp (BVMF:SBSP3).

O leilão de ontem foi concorrido. O Fundo Phoenix disputou com a francesa EDF (EPA:EDF), segunda colocada com proposta de R$ 70,31 por ação, correspondente a um prêmio de 33,04%, e com a Matrix Energia, que ofereceu ágio de 12%. Como as propostas iniciais tinham diferença inferior a 20%, a disputa foi para as ofertas em viva voz, com 53 lances até o final.

Vitorioso na disputa, o Fundo Phoenix passará a gerir um ativo com capacidade de 906 megawatts (MW) em geração hidrelétrica, suficiente para abastecer 825 mil residências na Grande São Paulo.

O governador Tarcísio de Freitas comemorou o resultado e reafirmou a meta de chegar a R$ 220 bilhões em investimentos contratados para o Estado, citando entre os projetos já estruturados a privatização da Sabesp. Segundo ele, seu governo aprendeu a estruturar projetos, e que com as privatizações e licitações será possível ter mais capital e fôlego para investimentos. "A gente realmente está focado em atrair investimentos e chegar à marca de R$ 220 bilhões", disse.

Controle de cheias

A hidrelétrica de Henry Borden é a principal das quatro usinas da empresa. Inaugurada em 1920 e localizada ao pé da Serra do Mar, a usina produz sozinha 889 MW. O portfólio da Emae conta ainda com outras três Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH), oito barragens e duas usinas elevatórias. A empresa também tem papel importante no controle das cheias no Estado, regulando os níveis dos rios Pinheiros e Tietê, que cruzam a capital, e ajudando a prevenir alagamentos. Para isso, é feito o bombeamento das águas do rio para o Reservatório Billings.

Outro serviço prestado pela Emae é a travessia por meio de balsa. A empresa transporta diariamente pessoas e veículos nas travessias Bororé, Taquacetuba e João Basso. "Mensalmente, o serviço da Emae realiza uma média de 14 mil viagens e transporta gratuitamente 161 mil passageiros e 158 mil veículos", informou o governo do Estado em comunicado.

No ano passado, a Emae teve receita líquida de R$ 603 milhões, com valor de mercado de R$ 2,3 bilhões. Além do governo paulista, participam da composição acionária da estatal a Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô), a Eletrobras (BVMF:ELET3), restando uma parcela minoritária de ações nas mãos de outros acionistas. A fatia vendida corresponde às participações do governo e do Metrô, com quase 40% do capital da empresa.

Volatilidade

Após o final do leilão na B3, as ações da Emae tiveram forte queda no pregão da Bolsa de Valores (B3). O fato de serem pouco negociados faz com que os papéis sejam muito voláteis. Logo em seguida ao leilão, os papéis recuaram 15,79%, queda que aumentou até o final do pregão para 21,6%, com as ações cotadas a R$ 54,40.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.