⌛ Perdeu a alta de 13% da ProPicks em maio? Assine agora e receba mais cedo as ações de Junho.Desbloquear ações

Prates elogia decisão sobre dividendos e nega intervenção

Publicado 21.04.2024, 10:06
© Reuters Prates elogia decisão sobre dividendos e nega intervenção
PBR
-
PETR3
-
PETR4
-

O presidente da Petrobras (BVMF:PETR4), Jean Paul Prates, avaliou positivamente a decisão de levar a proposta de pagar 50% dos dividendos extraordinários da estatal à Assembleia Geral Ordinária. O executivo também entendeu que “não teve intervenção” e é natural que o governo oriente seus representantes no Conselho de Administração.

Em reunião na 6ª feira (19.abr.2024), o Conselho de Administração da Petrobras informou que o eventual pagamento de 50% dos dividendos extraordinários “não comprometeria a sustentabilidade financeira da companhia”. Trata-se de um sinal verde para o novo entendimento do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) –a ideia inicial da administração petista era não pagar nada.

Agora, caberá à assembleia de acionistas, marcada para 5ª feira (25.abr), decidir sobre o tema.

Prates explicou em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo que a reunião de 6ª feira (19.abr) foi iniciada depois do fechamento do mercado de ações, por volta das 18h30, para evitar vazamentos. A decisão recebeu apenas 1 voto contrário, da conselheira representante dos empregados, Rosângela Buzanelli.

“A reunião ocorreu sem problemas, foi harmônica, uma atmosfera legal”, disse o presidente da Petrobras, que anteriormente se absteve de votar. “Não houve prejuízo que não aquele causado por uma especulação exagerada. A legislação foi respeitada, o acionista controlador fez valer sua prudência e transparência, e a governança foi seguida à risca”, completou.

Prates também defendeu o direito do governo de orientar os conselheiros que o representam nas decisões do órgão. “Não tem nada de mais, eles têm todo o direito. Não teve intervenção, foi tudo feito através do Conselho e é legítimo o governo orientar seus conselheiros”, disse o líder da petroleira.

Leia mais em Poder360

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.