🚀 Ações escolhidas por IA em alta. PRFT com alta de +55% em 16 dias. Não perca as ações de junho!Acessar lista completa

Barriga de aluguel é "desumana", diz Meloni, da Itália

Publicado 12.04.2024, 14:34
Atualizado 12.04.2024, 14:35
© Reuters. A primeira-ministra italiana, Giorgia Meloni, participa de reunião científica em Roma, Itália
05/04/2024
REUTERS/Remo Casilli

ROMA (Reuters) - A "barriga de aluguel" é "desumana" e trata as crianças como "produtos de supermercado", disse a primeira-ministra da Itália nesta sexta-feira, pedindo ao Parlamento que aprove um projeto de lei para processar aqueles que vão para o exterior em busca da prática.

A maternidade por meio de barriga de aluguel já é ilegal na Itália, punível com prisão e multas, mas a coalizão de direita de Giorgia Meloni prometeu impor uma proibição ainda mais como parte de sua agenda conservadora.

"Ninguém pode me convencer de que é um ato de liberdade alugar o próprio útero, ninguém pode me convencer de que é um ato de amor considerar as crianças como um produto de venda livre em um supermercado", disse Meloni em um evento em Roma.

"Eu ainda considero a prática do aluguel de útero desumana e apoio a proposta de lei que a torna um crime universal."

O Parlamento italiano discute um projeto de lei elaborado pelo partido Irmãos da Itália, de Meloni, para proibir os italianos de terem um bebê em países onde a barriga de aluguel é legal, caso dos Estados Unidos e do Canadá.

A posição do partido ecoa a do Vaticano.

© Reuters. A primeira-ministra italiana, Giorgia Meloni, participa de reunião científica em Roma, Itália
05/04/2024
REUTERS/Remo Casilli

Aprovada pela Câmara dos Deputados da Itália e agora em tramitação no Senado, a proposta foi criticada por grupos de direitos e por alguns políticos da oposição, que a consideram direcionada às pessoas LGBTQ.

"A questão não pode ser tratada com proibição universal, mas com regulamentação que equilibre os direitos em jogo", disse a ex-ministra das Relações Exteriores Emma Bonino ao jornal Corriere della Sera nesta semana.

(Reportagem de Angelo Amante e Matteo Negri)

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.