Libere dados premium: até 50% de desconto InvestingProGARANTA JÁ SUA OFERTA

Trump apaga vídeo com referência a "Reich unificado" após repercussão negativa

Publicado 21.05.2024, 13:58
© Reuters. O ex-presidente dos EUA, Donald Trump, sentado no tribunal do Tribunal Criminal de Manhattan com o advogado Todd Blanche
21/05/2024
Michael M. Santiago/Pool via REUTERS

Por Nathan Layne

(Reuters) - O candidato presidencial republicano Donald Trump apagou um vídeo publicado em sua conta no Truth Social que incluía referência a um "Reich unificado" após a campanha do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e outros criticarem o uso do termo frequentemente associada ao regime nazista.

Postado na tarde de segunda-feira, o vídeo de 30 segundos já não estava mais disponível na plataforma nesta terça-feira. Uma pessoa familiarizada com o assunto confirmou que a publicação havia sido removida do site.

O vídeo retratava uma visão positiva para o país caso o ex-presidente derrote Biden na eleição de novembro, apresentando manchetes hipotéticas de jornais sobre uma economia em expansão e uma repressão à imigração na fronteira sul dos EUA.

Em dois momentos do vídeo, o texto abaixo de uma manchete diz: "A FORÇA INDUSTRIAL AUMENTOU SIGNIFICATIVAMENTE... IMPULSIONADA PELA CRIAÇÃO DE UM REICH UNIFICADO". O texto está um pouco borrado, o que dificulta sua compreensão à primeira vista.

Trump tem feito uma série de comentários inflamados durante a campanha, chamando seus adversários políticos de "vermes" e dizendo que os imigrantes que entraram ilegalmente nos EUA estão "envenenando o sangue do nosso país". As declarações atraíram críticas pesadas dos democratas e de alguns historiadores, consideramdo que elas ecoam a retórica nazista.

Karoline Leavitt, porta-voz da campanha de Trump, disse em um comunicado na segunda-feira que o vídeo foi criado por alguém de fora da campanha e compartilhado por um funcionário que não notou o uso da palavra "Reich" antes de postar.

Ela disse que Trump, que enfrenta um julgamento criminal em Nova York por conta de um pagamento secreto a uma estrela pornô, estava no tribunal no momento da publicação. Ele não respondeu a pergunta sobre o vídeo feita por jornalista quando se dirigia ao tribunal nesta terça-feira.

A campanha de Biden criticou o uso da palavra frequentemente associada ao Terceiro Reich da Alemanha nazista sob o comando de Adolf Hitler.

"América, pare de rolar a tela e preste atenção. Donald Trump não está brincando; ele está dizendo aos Estados Unidos exatamente o que pretende fazer se recuperar o poder: governar como um ditador sobre um 'Reich unificado'", disse o porta-voz da campanha de Biden, James Singer.

© Reuters. O ex-presidente dos EUA, Donald Trump, sentado no tribunal do Tribunal Criminal de Manhattan com o advogado Todd Blanche
21/05/2024
Michael M. Santiago/Pool via REUTERS

Singer também acusou Trump de "papaguear" o "Mein Kampf", o manifesto de Hitler, embora o texto do vídeo pareça ter sido copiado de uma página da Wikipédia sobre a Primeira Guerra Mundial e se refira, em parte, a acontecimentos muito anteriores ao governo de Hitler.

"A força industrial e a produção alemãs aumentaram significativamente após 1871, impulsionadas pela criação de um Reich unificado", diz a página da Wikipédia.

(Reportagem de Nathan Layne em Wilton, Connecticut; reportagem adicional de Jarrett Renshaw e Andy Sullivan)

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.