Garanta 40% de desconto
⚠ Alerta de Balanço! Quais ações estão prontas para disparar?
Veja as ações no nosso radar ProPicks. Essas estratégias subiram 19,7% desde o início do ano.
Não perca a lista completa

Ações europeias caem pressionadas por setor de saúde e com dados da inflação alemã em foco

Publicado 02.04.2024, 14:22
Atualizado 02.04.2024, 14:25
© Reuters. Bolsa de Frankfurt
20/03/2024. REUTERS/Staff/File Photo

Por Johann M Cherian e Ankika Biswas

(Reuters) - As ações europeias tiveram um início de segundo trimestre negativo, pressionadas pelos papéis do setor de saúde, enquanto investidores analisavam os dados de inflação da Alemanha em busca de pistas sobre o momento dos cortes de juros pelo Banco Central Europeu (BCE).

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em queda de 0,80%, a 508,57 pontos, nesta terça-feira, caindo para o nível mais baixo em uma semana depois de ter atingido um pico intradiário recorde, com os investidores retornando após um fim de semana prolongado e o feriado da Páscoa.

A especulação sobre cortes iminentes nas taxas de juros convenceu investidores a comprar ativos de risco nas últimas semanas, mesmo com o índice de referência sendo negociado perto de recordes de alta, depois de registrar seu segundo trimestre consecutivo de ganhos.

No entanto, as ações recuaram nesta terça-feira, também pressionadas pela alta dos rendimentos dos títulos da zona do euro.

Dados preliminares mostraram que a inflação alemã diminuiu um pouco mais do que o esperado em março, ajudada pelos preços mais baixos da energia. Isso ocorreu um dia antes dos dados mais amplos sobre a inflação da zona do euro.

Entre os principais setores, o de saúde perdeu 1,6% após ganhos recentes. A Siegfried Holding caiu 5,4%, já que o presidente-executivo da empresa farmacêutica suíça, Wolfgang Wienand, deixará o cargo para se juntar à Lonza.

Os setores de varejo, imobiliário e viagens e lazer também caíram mais de 2% cada.

Por outro lado, as ações do setor de energia ganharam 2,5%, atingindo o maior nível em mais de cinco meses, conforme os preços do petróleo subiram devido a novas ameaças de ataques ucranianos a instalações de energia russas e à escalada do conflito no Oriente Médio.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,22%, a 7.935,09 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 1,13%, a 18.283,13 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,92%, a 8.130,05 pontos.

© Reuters. Bolsa de Frankfurt
20/03/2024. REUTERS/Staff/File Photo

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 1,22%, a 34.325,23 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,89%, a 10.975,60 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,43%, a 6.307,21 pontos.

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.