Últimas Notícias
0

Conta de luz no Rio de Janeiro terá alta de dois dígitos

Commodities13.03.2018 13:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Conta de luz no Rio de Janeiro terá alta de dois dígitos

Por Luciano Costa

SÃO PAULO (Reuters) - As contas de luz no Rio de Janeiro terão neste mês aumentos de dois dígitos, após a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovar nesta terça-feira uma revisão nas tarifas da distribuidora Enel (MI:ENEI) Rio e um reajuste para a Light (SA:LIGT3), empresas que atendem o Estado.

As tarifas da Enel Rio, que atende 66 municípios, incluindo Niterói e Cabo Frio, subirão em média 21 por cento, enquanto a Light, que opera na região metropolitana, verá elevação média de 10,36 por cento.

Os reajustes, válidos a partir de 15 de março, acontecem em um momento em que o Rio de Janeiro vive uma crise fiscal e sofre uma operação de intervenção federal em sua área de segurança pública, devido aos elevados índices de violência no Estado.

Os aumentos bem acima da inflação brasileira, que fechou 2017 em 2,95 por cento, vêm uma semana após o próprio diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Romeu Rufino, admitir que as contas de luz estão subindo muito no país.

Entre as principais causas para a forte elevação das contas, algo que também tem acontecido em outros Estados, estão aumentos em encargos que custeiam subsídios e maiores custos das distribuidoras com a compra de energia, devido a chuvas desfavoráveis que exigiram o uso no ano passado de mais usinas termelétricas, mais caras que as hídricas.

Também impacta as faturas o repasse aos consumidores de custos com o pagamento de indenizações bilionárias a empresas de transmissão de energia pela renovação antecipada de seus contratos de concessão em 2013.

As compensações às elétricas haviam sido prometidas pela União às empresas por investimentos feitos por elas e ainda não amortizados na época da prorrogação dos contratos, mas posteriormente o governo decidiu repassar o custo do pagamento às tarifas.

A Aneel também propôs na semana anterior a abertura de uma audiência pública sobre as tarifas da Cemig (SA:CMIG4), uma das maiores distribuidoras do Brasil, que atende Minas Gerais, com uma proposta que elevaria em média em 25,8 por cento as contas de luz dos clientes da empresa.

No final do ano passado, outros reajustes elevados, como uma alta de 37 por cento nas tarifas da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) e de 17 por cento na Eletrobras (SA:ELET3) Distribuição Amazonas, já haviam levado empresas e políticos da região Norte a se queixarem junto ao órgão regulador.

(Por Luciano Costa)

Conta de luz no Rio de Janeiro terá alta de dois dígitos
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias ou ataques pessoais dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Registrar-se com Google
ou
Registrar-se com o e-mail