x
0

Dólar sobe e volta a encostar em R$3,10, mas tem 9ª semana seguida de queda acumulada

Moedas17.02.2017 19:37
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Pacote de notas de cinco dólares dos Estados Unidos passam por inspeção em Washington, nos Estados Unidos

Por Claudia Violante

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar fechou em alta nesta sexta-feira, pelo segundo pregão seguido e que o levou a encostar no patamar de 3,10 reais, novamente com movimento de correção após as quedas durante a semana atraírem compradores.

Mesmo assim, a moeda norte-americana encerrou sua nona semana consecutiva com queda acumulada, com profissionais afirmando que a trajetória continuava de baixa diante da perspectiva de fluxo positivo ao país.

O dólar avançou 0,28 por cento, a 3,0928 reais na venda, depois de ter subido 0,56 por cento no pregão passado, em movimento de correção após ter batido a mínima intradia na casa de 3,03 reais.

Na semana, acumulou recuo de 0,53 por cento e, em nove semanas consecutivas de baixa, a perda foi de 8,78 por cento.

Neste pregão, o dólar chegou a 3,1096 reais na máxima e a 3,0775 reais na mínima. O dólar futuro operava com alta de cerca de 0,10 por cento no final da tarde.

"Houve apenas um ajuste de posição com a cautela vista hoje no exterior", comentou um operador sênior de uma corretora.

Lá fora, o dólar passava por correção neste pregão, às vésperas do feriado nos Estados Unidos (Dia do Presidente) na segunda-feira. A moeda norte-americana avançava ante uma cesta de moedas e divisas de países emergentes, como o peso chileno.

"E o feriado nos Estados Unidos na segunda-feira acabou levando muitos investidores a adiantarem ajustes nesta sessão", disse o operador da Advanced Corretora, Alessandro Faganello.

A tendência de baixa do dólar no mercado brasileiro vem sendo sustentada principalmente pela expectativa de ingresso de recursos internacionais, sobretudo diante das recentes captações feitas por empresas no exterior. O mercado também estava otimista com a perspectiva de aprovação de reformas no Congresso Nacional, como a Previdência, necessária à recuperação das contas públicas.

O Banco Central realizou nesta sessão seu quarto leilão de até 6 mil swaps tradicionais --equivalentes à venda futura de dólares--, para rolagem dos vencimentos de março e que somam quase 7 bilhões de dólares. Com esta oferta, o BC continuou indicando que fará apenas rolagem parcial, faltando ainda 5,754 bilhões de dólares do total.

Dólar sobe e volta a encostar em R$3,10, mas tem 9ª semana seguida de queda acumulada
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material  relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias ou ataques pessoais dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de registro no futuro, a critério Investing.com.

 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
Postar 1000
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
Postar 1000
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
 
 
 
Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Anexar um gráfico a um comentário
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.