Últimas Notícias
Investing Pro 0
💎 Descubra ações subvalorizadas fora do radar em qualquer mercado Iniciar

Economistas preveem que BC manterá postura rígida e minará esperanças de redução da Selic

Moedas 17.03.2023 11:35
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Sede do Banco Central, em Brasília 14/02/2023 REUTERS/Adriano Machado

Por Gabriel Burin

BUENOS AIRES (Reuters) - O Banco Central do Brasil vai insistir em sua postura agressiva na próxima semana, deixando a taxa Selic no nível mais alto em seis anos, ao mesmo tempo em que provavelmente afastará as esperanças de qualquer afrouxamento iminente da política monetária, previram economistas em uma pesquisa da Reuters.

Seria a quinta reunião consecutiva em que o BC manteria a Selic em 13,75%, após interromper um ciclo agressivo de alta dos juros. Mas os riscos internos altistas para a inflação persistem e os problemas recentes em alguns bancos menores dos EUA estão tornando o cenário global mais desafiador.

No comunicado que acompanhará sua decisão de quarta-feira que vem, o Comitê de Política Monetária (Copom)  deve reiterar uma visão cautelosa sobre as contas públicas do Brasil, no aguardo da forma final do novo arcabouço fiscal planejado pelo governo.

Todos os 30 economistas da pesquisa realizada de 13 a 16 de março disseram esperar que a Selic fique em 13,75%, um nível restritivo que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem criticado, alegando que é prejudicial à economia.

“Este é um momento de cautela e de olhar os esforços do governo para continuar mobilizado em direção à responsabilidade fiscal e à boa gestão de despesas e receitas”, disse Julio Hegedus, economista-chefe da Mirae Asset.

Alguns analistas citaram a turbulência do mercado em relação a questões do setor bancário como um fator que poderia suavizar a postura do BC, num momento de crescente especulação de que o setor bancário dos EUA pode forçar o Federal Reserve a moderar seu aperto.

No entanto, autoridades do Brasil e de outras economias de mercados emergentes estariam relutantes em seguir qualquer movimento potencial do Fed para lidar com preocupações que até agora estão limitadas principalmente a alguns credores menores dos EUA e ao suíço Credit Suisse (SIX:CSGN).

O BC provavelmente desejará evitar alimentar as pressões inflacionárias ao exacerbar a desvalorização recente do real com quaisquer medidas inesperadas, dada a desconexão entre a economia doméstica e as preocupações com os bancos no exterior.

A expectativa é de que a autarquia prepare o terreno para um período mais longo de juros elevados, e agora a maioria dos entrevistados questionados sobre suas perspectivas para o terceiro trimestre projetam a Selic em 13,75%, ante 13,50% no mês passado.

Uma maioria de 14 dos 25 economistas não viu mudanças na Selic pelo menos até junho, em comparação com 11 de 25 em contagem final de uma pesquisa de fevereiro. A estimativa de consenso para o quarto trimestre ainda prevê um corte, mas a taxa do final do trimestre ficou 0,25 ponto percentual mais alta, em 12,75%.

Economistas preveem que BC manterá postura rígida e minará esperanças de redução da Selic
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (28)
osmar biason
osmar biason 20.03.2023 7:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se não cair nessa reunião, os juros cairão não próxima, não dá para manter os juros reais elevados por tanto tempo. O último trimestre trouxe retração na economia, quebradeira de bancos lá fora. Vão manter os juros porque alguns querem....kkk
Genaro Ribeiro
Genaro Ribeiro 19.03.2023 14:06
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ainda bem que o texto veio da Argentina, se tivesse vindo do Camboja não entenderia kkkk
Geraldo R Silva
LeoMoreira 19.03.2023 10:34
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se isto acontecer o X9 bota o país definitivamente no abismo....
mauricio batista
mauricio batista 19.03.2023 8:37
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
o governo quer o juros menos, mas aumentou despesas criando ministérios wue Poderiam ser secretarias, tudo para quando o ministro for trocado continuar recebendo por 6 meses sem trabalhar aí vem criticar o BC. temos que organizar a casa antes de fazer compromisso. manda do PT de jogar a culpa nos outros 4 anos foi co tra tudo posto pelo governo atual e agora quer ser vitma o povo não é mais burro depois da rede social.... acorda brasil
Douglas Sathler
Douglas Sathler 18.03.2023 21:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Espero que os empresarios que estão quebrando por conta do BC quebrem. Importante é ser Bolsonaro. O resto é detalhe.
Carlos Alberto Guimaraes
Carlos Alberto Guimaraes 18.03.2023 21:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Isto é ser Patriota, prefere que empresas quebrem, por defender um político, seja ele quem for....me desculpe... é asqueroso e mesquinho.....
Adir Boeira
Adir Boeira 18.03.2023 21:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se os empresários quebrarem, quem passa fome são os "trabalhadores" os que fizeram o L principalmente que se acomodaram na vida de empregado
Adriel Sants
Adriel Sants 18.03.2023 20:14
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Por mim essa desgraç@ vai a 40%. E viva o rentismo! Ôôô... o rentismo voltou, o rentismo voltou, o rentismo voltoou...
Alberto Lima
Alberto Lima 18.03.2023 19:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
sem chances...vai ter que baixar sim...talvez não neste agora, mas sem dúvidas que na próxima vai baixar...senão a economia vai entrar em colapso.. TODOS sabe.disso...
ASMODEUS ASMODEUS
ASMODEUS ASMODEUS 18.03.2023 17:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Selic 13% em breve, não tem jeito.
Renan Coelho Silva
Renan Coelho Silva 18.03.2023 13:39
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Absurdo manter essa taxa com juro real acima de 100% da inflação. O Brasil foi vanguarda quando começou a subir a taxa antes dos países desenvolvidos. Agora é hora de reverter e estimular a economia e gerar empregos.
Marcos Colombo
Marcos Colombo 18.03.2023 10:34
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
o Lula está pagando quantos por esses artigos???? Enquanto o governo não reduzir a máquina pública, a SELIC será a proteção contra a inflação!!!!
Arthur Phillipe
Arthur Phillipe 18.03.2023 10:34
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
A ânsia de criticar o inepto presidente prejudica sua análise. A matéria é frontalmente contrária ao discurso do governo de plantão.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail