Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Pesquisa indica as 38 melhores empresas para profissionais LGBT+ trabalharem

Ações 10.06.2022 17:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Pesquisa indica as 38 melhores empresas para profissionais LGBT+ trabalharem

Uma pesquisa divulgada na quinta-feira, 9, selecionou as 38 melhores empresas para pessoas LGBT+ trabalharem no Brasil. Em sua primeira edição, o estudo "Melhores Lugares para Trabalhar para Pessoas LGBTI+ 2022" foi realizado pelo Instituto Mais Diversidade em parceria com o Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+ e a Human Rights Campaign Foundation (HRC), que realiza, nos Estados Unidos, o Índice de Igualdade Empresarial desde 2002.

O estudo fez uma análise abrangente sobre a adoção de políticas inclusivas relacionadas a pessoas LGBT+ em empresas de diversos tamanhos e setores. Na metodologia, os critérios foram baseados na experiência de implantação do Índice de Igualdade Empresarial do HRC, considerado uma referência dos requisitos que uma empresa deve cumprir para ser considerada inclusiva em relação à população LGBT+ nos Estados Unidos.

Para avaliar as práticas, foram considerados cinco pilares fundamentais: Políticas e documentos institucionais de não-discriminação; Governança em Diversidade e Inclusão; Educação para a diversidade LGBT+; Compromissos Públicos e Monitoramento da inclusão LGBT+.

Mais de 100 organizações nacionais e multinacionais atuantes no Brasil aderiram ao estudo, mas 60 completaram o questionário. Dessas, 38 receberam a nota máxima de 100 pontos e 22 obtiveram notas entre 0 e 90 pontos.

Segundo Ricardo Sales, CEO do Instituto Mais Diversidade, a pesquisa mostra que as questões de diversidade e inclusão têm se firmado nas agendas do meio empresarial brasileiro, mas que ainda há muito a ser feito.

"Temos o desafio de fazer o tema avançar em organizações de pequeno e médio porte, além de empresas fora do Sudeste. Para avançar, é preciso comprometimento das lideranças, visão estratégica para o tema e definição de metas e objetivos claros para esta pauta", disse Sales.

O CEO também destaca que os avanços não chegam para todas as pessoas nem na velocidade necessária. "Precisamos avançar na inclusão de pessoas trans e de pessoas LGBT negras", ressalta.

Confira abaixo as 38 empresas que obtiveram a pontuação máxima no Índice de Melhores Lugares para Pessoas LGBTI+ Trabalharem:

  • 3M do Brasil
  • Accenture do Brasil
  • Adidas do Brasil
  • Alcoa
  • Atento Brasil
  • Bain & Company
  • BASF
  • Becton Dickinson
  • C6 Bank
  • Carrefour Comercio e Industria (SA:CRFB3)
  • Chubb
  • CI&T
  • Corteva Agriscience do Brasil
  • Cummins (NYSE:CMI)
  • Demarest Advogados
  • Flex
  • GE do Brasil
  • Gerdau (SA:GGBR4)
  • J.P. Morgan
  • Kearney
  • Lexmark International do Brasil
  • Localiza (SA:RENT3)
  • Mondelez
  • NielsenIQ
  • Novo Nordisk Produção Farmacêutica do Brasil
  • Oracle do Brasil Sistemas (SA:ORCL34)(NYSE:ORCL)
  • Philip Morris Brasil
  • Pricewaterhousecoopers Auditores Independentes
  • Renaissance São Paulo Hotel
  • SAP
  • Symrise Aromas e Fragrâncias
  • TE Connectivity Brasil
  • Thomson Reuters
  • TozziniFreire Advogados
  • Trench Rossi (SA:RSID3) Watanabe Veirano Advogados
  • Via (SA:VIIA3)
  • Yara Brasil Fertilizantes
Pesquisa indica as 38 melhores empresas para profissionais LGBT+ trabalharem
 

Artigos Relacionados

Rede D'Or tem queda de 25% no lucro do 2º tri
Rede D'Or tem queda de 25% no lucro do 2º tri Por Reuters - 15.08.2022

SÃO PAULO (Reuters) - A rede de hospitais D'Or teve lucro líquido de 358,4 milhões de reais no segundo trimestre, 25% abaixo do desempenho de um ano antes, em resultado...

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail