😎 Promoção de meio de ano - Até 50% de desconto em ações selecionadas por IA no InvestingProGARANTA JÁ SUA OFERTA

Mais de 40 são detidos na Itália por fraude em vistos de imigração após denúncia de premiê

Publicado 10.07.2024, 11:56
Atualizado 10.07.2024, 12:00
© Reuters. Primeira-ministra da Itália, Giorgia Meloni, durante reunião de cúpula da União Europeia, em Bruxelasn27/06/2024 REUTERS/Yves Herman

Por Alvise Armellini

ROMA (Reuters) - Mais de 40 pessoas foram detidas na Itália por fraude na obtenção de vistos de imigração, informaram a polícia e promotores nesta quarta-feira, semanas depois que a primeira-ministra Giorgia Meloni reclamou que grupos mafiosos estavam explorando o sistema para obter lucro.

Quarenta e quatro pessoas foram detidas, incluindo 13 na prisão, 24 em prisão domiciliar e sete sob custódia. Elas foram acusadas de vários crimes, como associação criminosa com o objetivo de favorecer a imigração ilegal, lavagem de dinheiro e faturamento falso.

Outros 10 suspeitos foram proibidos de exercer atividades comerciais por 12 meses.

De acordo com uma declaração dos promotores da cidade de Salerno, no sul do país, perto de Nápoles, os suspeitos apresentaram pedidos de visto fraudulentos em nome de imigrantes, que precisam do patrocínio de empregadores para iniciar o processo.

Eles entraram com "cerca de 2.500" pedidos a partir de 2020 "com base em dados inexistentes ou falsificados", disseram os promotores, acrescentando que os imigrantes pagaram até 7.000 euros cada um para levar o processo adiante por meio de vários obstáculos burocráticos.

Bens no valor de cerca de 6 milhões de euros foram apreendidos como lucro dos supostos crimes, disseram os promotores, indicando que alguns dos suspeitos acusados de lavagem de dinheiro estavam ligados à Camorra, a máfia de Nápoles e arredores.

Falando aos repórteres, o procurador-chefe de Salerno, Giuseppe Borrelli, disse que as investigações foram aceleradas depois que Meloni, em junho, afirmou que havia relatado suas preocupações sobre uma possível fraude ao procurador nacional antimáfia.

© Reuters. Primeira-ministra da Itália, Giorgia Meloni, durante reunião de cúpula da União Europeia, em Bruxelas
27/06/2024 REUTERS/Yves Herman

Como parte de sua postura rígida em relação à imigração, o governo de Meloni tem aprovado uma série de medidas para conter a chegada de imigrantes ilegalmente, mas também tem expandido os canais para imigração legal em resposta à crescente escassez de mão de obra.

No ano passado, o governo aumentou as cotas de vistos de trabalho para cidadãos de fora da União Europeia para um total de 452.000 para o período de 2023-2025, uma alta de quase 150% em relação aos três anos anteriores. Em 2019, antes da pandemia da Covid-19, a Itália emitiu apenas 30.850 vistos.

No mês passado, Meloni disse que uma quantidade desproporcional de solicitações de vistos tinha vindo da Campânia - a região economicamente deprimida que inclui Nápoles e sua máfia Camorra -, o que fez soar o alarme.

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.