🚀 Ações escolhidas por IA em alta. PRFT com alta de +55% em 16 dias. Não perca as ações de junho!Acessar lista completa

Guerra e investimentos: Tenha uma carteira protegida de cenários incertos

Publicado 17.04.2024, 10:00
USD/BRL
-
CL
-
A escalada do conflito no Oriente Médio ao ponto de um confronto direto entre Irã e Israel, um dos piores cenários dos pontos de vista geopolítico e de mercado, se materializou no sábado (13/04), com o ataque aéreo das forças iranianas (rapidamente contido).
 
No momento em que escrevo essa coluna, acontecem reuniões diplomáticas para aconselhar os dois países sobre os próximos passos. Ainda não é seguro assumir que os ataques de sábado não gerarão respostas mais contundentes. Nesse cenário, a palavra de ordem é incerteza — um termo que tende a significar, para quem investe, volatilidade.
 
É comum que eventos geopolíticos como esse causem uma sensação de desconforto, principalmente entre pessoas que investem com algum grau de risco na carteira. A primeira atitude para minimizar esse sentimento seria garantir que seu portfólio esteja o mais adequado possível ao seu perfil de investidor. Se a volatilidade dos seus investimentos tira o seu sono, o primeiro passo poderia ser revisitar a sua exposição a ativos de risco (suitability) e, possivelmente, realizar adequações.
 
Ao mesmo tempo, independentemente do seu apetite ao risco, uma carteira equilibrada seria composta de ativos descorrelacionados, que respondam a momentos como esse de formas distintas.
 
Nos dias que antecederam o ataque, por exemplo, a resposta imediata foi de quedas generalizadas no mercado de ações e outros ativos voláteis, como criptoativos; e altas para o petróleo (commodity diretamente afetada pelo conflito), dólar e ouro (considerados “safe heavens”, ou ativos mais seguros). Até mesmo os preços das Treasuries americanas tiveram movimento positivo na sexta-feira que antecedeu os ataques — apesar do comportamento oposto nos dias anteriores, motivado pela inflação acima do esperado nos EUA. Isso indica uma maior demanda pela renda fixa americana, amplamente reconhecida como a mais segura do mundo (e, portanto, mais comuns em carteiras conservadoras).
 
Já na segunda-feira (15/04), o mercado abriu “mais tranquilo”, com bolsas do mundo inteiro, aparentemente, assumindo que o pior já estaria precificado e haveria espaço para correções positivas. Então, quem decidiu iniciar o dia com posição vendida, pensando em fazer “market timing” dos ataques, pode ter realizado prejuízos. Horas depois da abertura, a aversão a risco voltou a se impor, precificando outras incertezas.
 
No fim das contas, um brasileiro com uma carteira diversificada — contendo investimentos ligados a mercados, moedas e setores diferentes dos domésticos — tende a estar mais protegido da volatilidade resultante de eventos adversos, não apenas no Brasil, como no mundo. Em resumo, uma alocação eficiente em ativos descorrelacionados e de acordo com seu perfil de risco deve ser constante e estrutural, evitando sustos e visando a sua saúde financeira de longo prazo.

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.