⌛ Perdeu a alta de 13% da ProPicks em maio? Assine agora e receba mais cedo as ações de Junho.Desbloquear ações

Bernie Sanders: Farei o possível para EUA apoiarem taxação de super-ricos proposta pelo Brasil

Publicado 18.04.2024, 19:19
© Reuters.  Bernie Sanders: Farei o possível para EUA apoiarem taxação de super-ricos proposta pelo Brasil

"Precisamos de justiça em todo o mundo e farei o meu melhor para garantir que os Estados Unidos sigam o exemplo", disse o senador americano, a jornalistas, após participar de uma reunião bilateral com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, nesta tarde, em seu escritório.

Sanders disse que não será possível avançar nessa direção no curto prazo, mas que esse é um problema global e é preciso endereçá-lo. Também acusou a "ganância corporativa" pela elevada inflação nos Estados Unidos, mencionando os elevados lucros das empresas de alimentação e de petróleo.

"É difícil unir os países do mundo. Mas aplaudo a liderança do Brasil, a liderança do ministro, e é algo que temos que fazer", afirmou.

Além de uma possível simpatia dos EUA, considerando a agenda do atual presidente Joe Biden, o Brasil também tem o apoio da França e alguns países europeus para o projeto de taxação de super-ricos.

Na outra ponta, a Alemanha já se opôs ao movimento. "Não achamos que seja adequado", disse o ministro das Finanças alemão, Christian Lindner, acrescentando que a atual tributação de renda é adequada.

Questionado sobre a oposição da Alemanha ao projeto, Haddad disse, ao lado de Sanders, que vai convencer o ministro alemão a apoiar o projeto de taxação dos super-ricos proposto pelo Brasil. Conforme o Estadão/Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) antecipou, Arábia Saudita, Emirados Árabes e Japão também não teriam mostrado interesse em avançar no tema no momento.

O Brasil, que está na presidência do G20 neste ano, trabalha para obter apoio de outros países membros do Grupo, que reúne as maiores economias do mundo, para uma declaração conjunta sobre a taxação internacional de super-ricos na reunião de julho entre ministros de Finanças e banqueiros centrais.

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.