Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

5 principais assuntos para acompanhar nos mercados esta semana

Economia 26.06.2022 15:42
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters

Por Noreen Burke

Investing.com -- O Banco Central Europeu realizará seu retiro anual em Portugal, durante o qual sua Presidente, Christine Lagarde, participará de um debate junto com o Presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, e o Governador do Banco da Inglaterra, na quarta-feira. A primeira metade do que tem sido um ano excepcionalmente turbulento nos mercados está terminando, com os investidores se perguntando se os próximos seis meses trarão algum descanso ou mais volatilidade. O calendário econômico inclui o índice de preços das despesas de consumo pessoal (DCP) - um indicador da inflação monitorado pelo Fed - além dos mais recentes dados de inflação da zona do euro e das PMIs chinesas.

Aqui está o que você precisa saber para começar a sua semana.

  1. Fórum de Sintra

O fórum de três dias do BCE em Sintra, Portugal, começa na segunda-feira, num cenário de dúvidas sobre se a ação do banco central para acabar com o maior aumento da inflação em décadas pode atirar a economia global numa recessão.

O fórum vai se concentrar nos "desafios da política monetária num mundo em rápida mudança".

Os investidores acompanharão de perto o debate de quarta-feira com Lagarde, Powell e Bailey, em busca de sinais sobre a forma como os chefes dos bancos centrais enxergam o equilíbrio entre a contenção da inflação e a tentativa de garantir um pouso suave para a economia global.

Os comentários dos dirigentes do BCE também serão acompanhados com atenção em busca de mais detalhes sobre os planos para o instrumento de antifragmentação.

Confira o calendário econômico para esta semana.

  1. Primeiro semestre tórrido se encerra

Seis meses caraterizados pelo maior ciclo de aumento dos juros em décadas, turbulência nos mercados e uma guerra que desencadeou a espiral da inflação estão chegando ao fim, fazendo os investidores se perguntarem o que o segundo semestre reserva.

O S&P 500 registra queda acumulada de cerca de 18% no ano, e os títulos tiveram desempenho um pouco melhor: O mercado de títulos dos EUA, segundo a medição do Vanguard Total Bond Market Index Fund (NASDAQ:BND), tem baixa de 10,8% no ano.

Com as expectativas dos investidores oscilando entre a continuação da inflação elevada e uma recessão econômica causada pela agressividade do Fed, poucos acreditam que a volatilidade do mercado irá desaparecer em breve.

"A inflação ainda está aumentando e isso significa que o Fed irá realizar aumentos cada vez maiores, o que irá exercer uma pressão de queda sobre a economia, portanto é isso que está alimentando os receios de uma recessão", Seema Shah, estrategista chefe da Principal Global Investors, disse à Reuters.

"Também há sinais crescentes de fragilidade econômica chegando antes do esperado".

  1. Dados econômicos dos EUA

Os EUA vão divulgar uma série de dados econômicos na próxima semana, os quais irão evidenciar o desempenho da economia em meio ao ciclo agressivo de aumento dos juros do Fed.

Os investidores estarão com as atenções voltadas para a divulgação, na quinta-feira, dos dados de maio para o índice de preços das despesas de consumo pessoal, em busca de indícios sobre uma possível desaceleração da inflação.

Os economistas esperam desaceleração das encomendas de bens duráveis, maior deterioração da confiança do consumidor e mais fragilidade nas pesquisas industriais, contribuindo para a preocupações em relação às perspectivas econômicas.

Um relatório sobre as vendas pendentes de imóveis residenciais e o índice de preços de habitação Case-Shiller devem evidenciar o tamanho do impacto do aumento dos juros imobiliários sobre o setor de habitação.

Vários dirigentes do Fed também devem fazer aparições ao longo da semana, incluindo o Presidente do Fed de Nova York, John Williams, a Presidente do Fed de São Francisco, Mary Daly, a Presidente do Fed de Cleveland, Loretta Mester, e o Presidente do Fed de St. Louis, James Bullard.

Na passada sexta-feira, Daly - em geral, dovish em matéria de política monetária - indicou que apoiava uma elevação de 0,75 ponto percentual durante a próxima reunião do Fed, em julho.

Fique por dentro dos movimentos do mercado europeu.

  1. Inflação da zona do euro

A zona do euro deve divulgar na sexta-feira dados sobre a inflação dos preços ao consumidor em junho, que deverá atingir um novo recorde de 8,3% na comparação anual com a continuidade dos reajustes dos preços de energia e alimentos.

A inflação na zona do euro atingiu um recorde de 8,1% em maio, mais de quatro vezes superior à meta do BCE de 2% ao ano.

Os dados sobre a inflação provavelmente irão acalorar ainda mais o debate sobre se o BCE deve ou não efetuar aumentos maiores das taxas de juros após a elevação de 0,25 ponto percentual assinalada para julho, numa ação que representará seu primeiro passo no sentido de aperto da política monetária em mais de uma década.

Os dados sobre a inflação nacional da Espanha e da Alemanha serão divulgados na quarta-feira.

Entretanto, os dados da confiança do consumidor na zona do euro no mesmo dia devem se manter deprimidos, num cenário de preocupações recorrentes com o impacto econômico da inflação em alta e da guerra na Ucrânia.

Um pouco mais para o leste, a China deve divulgar dados sobre lucros industriais na segunda-feira, seguidos dos dados de PMI na quinta e na sexta-feira, respectivamente.

Números positivos podem trazer certa esperança para os abatidos mercados financeiros.

Os lockdowns de Covid zero e a desaceleração da economia global forçaram o preço do cobre, um termômetro do crescimento, a cair quase 10% em duas semanas em Xangai.

Mas os lockdowns foram flexibilizados e, se os dados apontarem para um retorno ao crescimento, seria um sinal bem-vindo para a economia e para aqueles que consideram as ações chinesas como um porto seguro em relação aos temores de estagflação que tomaram o Ocidente.

Confira as cotações das ações brasileiras

  1. Próximos capítulos da Petrobras (SA:PETR4)

O Comitê de Elegibilidade (Celeg) da Petrobras aprovou o currículo de Caio Paes de Andrade para que ele assuma como Conselheiro e Presidente da estatal na sexta-feira, 24. O Conselho de Administração da companhia deve se reunir nesta segunda-feira, 27, para dar continuidade nos trâmites necessários para que Andrade se torne o CEO da empresa.

A aprovação de Andrade pelo Celeg, porém, não recebeu o voto favorável do presidente do Comitê, Francisco Petros. Ao votar contra a sua aceitação, Petros disse que a aprovação de Andrade deveria acontecer apenas em uma assembleia de acionistas, uma vez que a o candidato não possui experiência comprovada no setor de óleo e gás.

Porém, Petros, assim como os outros conselheiros que votaram pela aprovação de Andrade, Luiz Henrique Caroli, Ana Silvia Corso Matte e Tales José Bertozzo Bronzato, entenderam que não há uma obrigação legal para que o presidente da Petrobras tenha experiência no setor, mesmo que seja preferível.

O mercado acompanha com atenção a mudança no comando da Petrobras, diante dos ataques cada vez mais frequentes do presidente Jair Bolsonaro e seus aliados à política de preços da companhia. A alta dos combustíveis preocupa os planos de reeleição de Bolsonaro, assim como a inflação persistente que também pesa no bolso da população descontente.

Esta semana também deve trazer mais notícias sobre os plano do governo de aumentar o Auxílio Brasil para R$ 600 e de criar de um voucher de R$ 1 mil aos caminhoneiros, sendo essas duas propostas parte do projeto de Bolsonaro de melhorar a sua imagem junto ao eleitorado.

Enquanto isso, no calendário econômico, os dados do Caged devem ser divulgados nesta quinta-feira, 31, com a expectativa de criação líquida de 187.500 novos empregos.

-- a Reuters contribuiu para este artigo

5 principais assuntos para acompanhar nos mercados esta semana
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (14)
Mauricio Malagrino
Mauricio Malagrino 27.06.2022 10:09
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
a Sra. Cristina o que tem de elegante e bonita tem de burrice ao Quadrado e a esquerda bandida, tô.ara que fiquem só na vontade mesmo. nunca vi pessoas egoístas e indecentes torcendo para dar tudo errado.
Lucas Zimmer
Lucas Zimmer 27.06.2022 8:29
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
seja patriota...nem miliciano da rachadinha nem cachaceiro ladrão... não adote bandido de estimação...
José Artur Medina
José Artur Medina 27.06.2022 8:29
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bozo vacinou seu braço e criou 4 milhões de empregos, PIB de 4.6, a esquerda produziu 3 milhões de desempregados e PIB negativo, mas o pior de tudo é a falta de auto crítica, destruíram a carreira de professor e a violência explodiu exxatamente nos governos do PT, que segundo gravações tem um negócio cabuloso com o PCC e que lutou pela libertação dos sequestradores do Abílio Diniz. Se a esquerda voltar temos mais é que se fod..er mesmo.
José Artur Medina
José Artur Medina 27.06.2022 8:29
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bozo é HONESTO!!!!!!Engole essa, HONESTO!!!!!Não basta seu acho.
Mannt Neumann
Mannt Neumann 27.06.2022 8:29
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
José Artur Medina  Honesto?? Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Rodrigo Matos
Rodrigo Matos 26.06.2022 20:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
powell fed =manipulação legalizada
Fernando Borelli
Fernando Borelli 26.06.2022 19:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Tentar tirar voto do Bolsonaro com esta conversa sobre uma senhora inexpressiva? Esqueçam, já detectamos esta estratégia! Acabou esquerdalha!
Daniel Sr
Daniel Sr 26.06.2022 19:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Papagaio de político medíocre, vá chatear os outros na jovem pan e vaza desse site investimentos.
José Artur Medina
José Artur Medina 26.06.2022 19:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Melhor presidente da história
Fernando Borelli
Fernando Borelli 26.06.2022 19:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Chama o Bombeiro para apagar este incêndio!
Lucas Zimmer
Lucas Zimmer 26.06.2022 19:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
ele tá ocupado apagando o fogo da Micheque BOZOTÁRIA...
Fernando Borelli
Fernando Borelli 26.06.2022 19:23
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Tem um outro assunto, no governo do PT: Presidentes dos Correios, BNDES, Petrobras, Banco do Brasil,Eletrobras, Nuclebras, Valec, CEF, 3 presidentes do partido, 3 tesoureiros, 5 secretários, o líder na Câmara, o líder no Senado, o Presidente e muitos outros TODOS FORAM PRESOS. E tem gente que ainda defende? Vergonhoso!
roberto gadioli
roberto gadioli 26.06.2022 19:23
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Fernando vc foi T.R.O.U.X.A.D.O pela F.A.R.S.A da lava jato montada pela "república de curitiba" (pelo ex-político-juiz moro, aquele que saiu batendo a porta cuspindo marimbondo e xingando b.o.l.s.o.n.a.r.o de C.O.R.R.U.P.T.O, em conluio com MPF e PF).
Vagner Dias
Vagner Dias 26.06.2022 19:23
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se todos esses foram presos é porque mesmo de forma ruim as instituições funcionavam e agora nem Isso.E quantos dos bandidos presos tiveram indulto presidencial mesmo?
José Artur Medina
José Artur Medina 26.06.2022 19:23
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
roberto gadioli  1) devolveram milhões aos cofres públicos!!!!!2) Tem foto do Lula no apartamento!!!!3) Ele é corrupto, ficou provado, não tem dúvida disso, roubou mais que o Maluf.
Cicero Andrade
Cicero Andrade 26.06.2022 18:32
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Enfim a terceira via tem uma candidata sem vícios e honesta. Vamos com ela!!!
José Smigle
José Smigle 26.06.2022 18:32
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Alexandre Oliveira
Alexandre Oliveira 26.06.2022 18:32
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Dificil ela emplacar, essa terceira via começou muito tarde, acho que a disputa será entre Lula e Bolsonaro.
Hector Ducatti Silveira
Hector Ducatti Silveira 26.06.2022 18:32
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
É LULA JÁ Está eleição já está definida e ponto final
Emerson De Faveri
Emerson De Faveri 26.06.2022 18:32
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
vamos com ela pra ela entregar o que sobrou do país aos americanos democratas satanist.... kkkkkkkkkk
José Artur Medina
José Artur Medina 26.06.2022 18:32
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Albuquerque Tomaz
Albuquerque Tomaz 26.06.2022 18:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
assim caminha a república dos milicianos
Waldemir Comin
Waldemir Comin 26.06.2022 18:14
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
isso mesmo Simone Tebet.
jp jp
jp jp 26.06.2022 17:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
VOTAREMOS EM SIMONE TEBET!
José Smigle
José Smigle 26.06.2022 17:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
kkkkkkkkkkkkkkkk
Marco Antonio Wartchow
Marco Antonio Wartchow 26.06.2022 17:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
É está que se calou na CPI do circo, quando mulheres honradas foram atacados por bandidos com mandato no senado? Mais de mesmo. classificação U.B. uma bosta
Hector Ducatti Silveira
Hector Ducatti Silveira 26.06.2022 17:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Só vc Kkkk É LULA JÁ
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail