Últimas Notícias
Fecha
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Atualize já

Guedes diz que governo pode liberar recursos do FGTS para alimentar crescimento

Economia 22.02.2022 11:21
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Ministro da Economia, Paulo Guedes 25/01/2022 REUTERS/Adriano Machado

Por Marcela Ayres

BRASÍLIA (Reuters) - O governo pode liberar os recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) em uma tentativa de impulsionar o crescimento econômico até o final do ano, afirmou nesta terça-feira o ministro da Economia, Paulo Guedes.

Tanto o governo do presidente Jair Bolsonaro quanto o de seu predecessor, Michel Temer, implementaram medidas para liberar o FGTS.

Em conferência organizada pelo banco de investimentos BTG Pactual (SA:BPAC11), Guedes também afirmou que um programa de crédito será em breve lançado para empresas "sem grande impacto fiscal", renovando o que já foi oferecido durante a pandemia.

Ele reforçou ainda que o governo pretende cortar o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) em 25% para ajudar a indústria local. Também acrescentou que está no horizonte um programa para criar 2 milhões de empregos, nos moldes do plano Verde e Amarelo de contratação simplificada. O governo já encaminhou propostas nesse sentido ao Congresso, mas elas perderam a validade antes de serem aprovadas.

"Há várias iniciativas que podemos ter daqui até o final do ano que devem ajudar a economia a crescer", afirmou Guedes.

"Podemos mobilizar recursos do FGTS também, porque são fundos privados, são pessoas que têm recursos lá e estão passando dificuldade. Às vezes o cara está devendo dinheiro no banco e está credor no fundo. Por que não pode sacar dessa conta e liquidar a dívida dele do outro lado?", completou.

Ele disse ainda que, a partir de agora, a inflação irá cair e as projeções do mercado para o crescimento econômico serão continuamente ajustadas para cima.

Guedes disse ainda que a arrecadação federal cresceu 16% em termos reais, acrescentando que o resultado será em breve anunciado pelo governo mas sem especificar a qual período se refere.

A Receita Federal vai divulgar os dados de janeiro nos próximos dias.

Guedes diz que governo pode liberar recursos do FGTS para alimentar crescimento
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (13)
Erico Cisi
Erico Cisi 24.02.2022 8:21
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Tem que corrigir a tabela do IR URGENTE. Chega dos assalariados pagarem a conta !!!
Tiago Moreira
Tiago Moreira 23.02.2022 15:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
!Pode! Não disse como e quando. Igual a promessa de baixar a alíquota do IPI em 25% - onde o governo irá compensar esse enxágue tão expressivo no IPI?
Marcos Alberto De Oliveira Alberto
Marcos Alberto De Oliveira Alberto 23.02.2022 15:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Melhor ministro de economia ! mito Paulo Guedes . Parabéns Deus o abençoe !!!!!
Vinicius Gasparri
Vinicius Gasparri 23.02.2022 7:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O futuro dirá quem está fazendo o coisa certa .
Marcos Brito
Marcos Brito 23.02.2022 7:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se hoje é o presente e representa o resultado do passado, acredito que possamos avaliar qual dos ministros anteriores fez a coisa certa ?
Renato Dos Santos
Renato Dos Santos 22.02.2022 22:28
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Emprego no molde verde amarelo= bico, usando o FGTS, desde Temer usando o FGTS e a economia só cai, e vai continuar caindo, essa é a política da miséria para o trabalhador e lucro máximo para o patrão parasita.
Fabiano Giovanelli
Fabiano Giovanelli 22.02.2022 17:08
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
parabéns Guedes é que tem um monte de burro que acha que pegar um país quebrado igual o nosso e alinhar a economia é fácil.leva tempo e requer boas pessoas com intenções honestas sei que é difícil sua batalha mas tenha certeza que está no caminho certo parabéns pela sua coragem e comprometimento com nosso país estamos juntos...
Renan Fagundes
Renan Fagundes 22.02.2022 17:08
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
quebrado?????? quem quebra o pais sao os corruptos que continuam com seus super privilegios, superfaturamento em tudo que é obra do governo, desde obras municipais a federais, gastos com diversas coisas desnecessárias e cada vez mais diminuindo o investimento em educação, deixando um povo leigo a politica e muitos gênios sobre futebol, uma quadrilha que está em todos os partidos seja na esquerda, direita ou centrao .
Lucas Nascimento
Lucas Nascimento 22.02.2022 12:43
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O governo não está pagando nem o pis que é um direito dos trabalhadores.. paga pra um , e dez não recebem... chega! volta Lula! Lula2022!
Mant Neuman
BombeirAristides 22.02.2022 11:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ainda tem trouxa que defende o Frankstein tributário enviado pelo Jegues. Cria imposto e aumenta a carga tributária das empresas. Retira o desconto simplificado da PF e ferra com a vida de todos. So quem ganha são os bancos com a redução do IR sobre fundos.
Fabio Piloto
Fabio Piloto 22.02.2022 10:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
A mini retorma do IR corrige a tabela da PF e também diminui impostos da PJ está parada no senado desde 2021, portanto quem reclama com o PG está reclamando no lugar errado.
Ricardo P Silveira
Ricardo P Silveira 22.02.2022 10:47
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O maior assalto ("legalizado") só de IOF 🇧🇷🇧🇷 *** Pra frente Brasil??? 🤔
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Nossos Aplicativos
DownloadApp store
Investing.com
© 2007-2022 Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos neste site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas neste site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos neste site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos neste site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
  • Faça seu cadastro GRÁTIS e obtenha:
  • Alertas em tempo real
  • Carteira com recursos avançados
  • Gráficos personalizados
  • Aplicativo totalmente sincronizado
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail