Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Últimas Notícias

BRF viu alta de custos sem precedentes, aposta em produtos de maior valor agregado

Premiê do Japão cria conselho para estudar redistribuição de riqueza

Economia15.10.2021 11:10
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. 14/10/2021 Eugene Hoshiko/Pool via REUTERS

TÓQUIO (Reuters) - O novo primeiro-ministro do Japão, Fumio Kishida, criou um conselho nesta sexta-feira para elaborar uma estratégia para lidar com as disparidades de renda e redistribuir a riqueza para as famílias, o que descreve como uma "nova forma de capitalismo".

A medida é uma parte crucial da política econômica de Kishida, que combina as diretrizes pró-crescimento das medidas de estímulo do ex-premiê Shinzo Abe, batizadas de "Abenomics", e esforços para transferir a riqueza mais diretamente das empresas para as famílias.

Ela também vem na esteira da decisão da quinta-feira de Kishida de dissolver o Parlamento e preparar o cenário para uma eleição na qual reparar a economia abalada pela pandemia será o foco.

"Para atingir um crescimento econômico forte, não basta contar somente com a concorrência de mercado. Isto não produzirá os frutos do crescimento para a população em geral", disse Kishida em uma coletiva de imprensa na quinta-feira, falando da necessidade de medidas governamentais mais fortes para distribuir mais riqueza.

O conselho fará sua primeira reunião no final deste mês e pretende formular propostos preliminares até o final do ano para que elas possam ser refletidas em debates sobre uma reforma tributária para o próximo ano fiscal, disse o ministro da Economia, Daishiro Yamagiwa, aos repórteres nesta sexta-feira.

Comandado por Kishida, o conselho consiste de ministros de gabinete e 15 membros do setor privado, incluindo acadêmicos e representantes de lobbies do empresariado, sindicatos e empresas privadas.

(Por Kantaro Komiya e Daniel Leussink)

Premiê do Japão cria conselho para estudar redistribuição de riqueza
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (4)
Wilson Sato
Wilson Sato 18.10.2021 5:05
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
eh aki no japao nw ta facil nw
antonio fracasso
antonio fracasso 16.10.2021 17:55
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
"Brasil que pais é esse!" Até políticos e empresarios falam que o Brsail tem de tudo e mais um pouco para ser um pais sem desigualdades. Mas o imperialismo não deixa, essa política de ser quintal do mundo está ferrando a todos.
thiago lima
thiago lima 16.10.2021 17:55
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Acertamos no presidente. Agora temos q acertar nos 27 governadores, 513 deputados e 83 senafores
Danilo Fraga
Danilo Fraga 15.10.2021 11:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
E o Brasil é o país mais desigual do mundo. Algo vergonhoso, que prejudica a nossa sociedade, a economia e trata-se de mais de 20 milhões de pessoas passando fome no celeiro de produção de alimentos no mundo, mais da metade da população em insegurança alimentar, números superiores a Venezuela que achamos o fundo do poço. Precisamos de um projeto de País pra deixarmos um país melhor para as futuras gerações!
Arquimedes Mariano
Arquimedes Mariano 15.10.2021 11:20
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
agente fala da china, a bolha da china etc. Mais o Japão está bem aí também.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail