Últimas Notícias
Investing Pro 0
PROMOÇÃO prorrogada Cyber Monday: Até -60% no InvestingPro+ GARANTA A OFERTA

Lula e Bolsonaro travarão tenso segundo turno nas eleições brasileiras

Política 03.10.2022 01:15
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. 02/10/2022 REUTERS/Felipe Iruata

Por Pedro Fonseca e Flavia Marreiro

(Reuters) - Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi o mais votado na eleição presidencial deste domingo, mas disputará um tenso segundo turno com o presidente e candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL), que superou o estimado pelas principais pesquisas de opinião e ficou a pouco mais de 5 pontos de distância do ex-presidente.

Com 99,96% das seções eleitorais apuradas, Lula obteve 48,42% dos votos válidos neste domingo, contra 43,21% de Bolsonaro, seguido de Simone Tebet (MDB), com 4,16%, e Ciro Gomes (PDT), com 3,04%.

"Eu sempre achei que a gente ia ganhar essas eleições e vamos ganhar. Isso para nós é apenas uma prorrogação", disse Lula. "Vai ser importante fazer um debate tête-à-tête com o presidente da República", afirmou o petista, que discursou a apoiadores na av.Paulista.

Já Bolsonaro falou a jornalistas e seguidores no Palácio da Alvorada, em Brasília. Não quis comentar o desempenho das urnas eletrônicas, que ele ataca frequentemente, e sinalizou que tentará cortejar o eleitorado mais pobre, que se inclina a Lula, irritado com a inflação.

"Eu entendo que tem muito voto que foi pela condição do povo brasileiro, que sentiu o aumento dos produtos. Em especial, da cesta básica. Entendo que há uma vontade de mudar por parte da população, mas tem certas mudanças que podem vir para pior", disse o presidente.

O resultado indica que o trabalho do petista para atrair o voto útil e definir a disputa já neste domingo ficou longe de ser suficiente, enquanto a estratégia do candidato à reeleição de atacar duramente o adversário nos últimos dias conseguiu manter aberta a disputa, atraindo ao que tudo indica o voto útil de Ciro Gomes e Simone Tebet.

Os números não só de Bolsonaro como de seus apoiados para o Senado mostram uma arrancada final do força política do presidente, aumentando a pressão sobre as principais pesquisas de opinião, que projetavam vantagem de Lula e aliados.

"As pesquisas não conseguiram captar o voto de direita", disse Rafael Cortez, analista da Tendências Consultoria.

As próximas semanas até o segundo turno em 30 de outubro devem registrar uma disputa tensa --de agosto para cá houve vários episódios de violência-- e acirrada, ainda mais agora quando, definitivamente, todas as atenções estarão centradas em Bolsonaro e Lula.

De cara, a campanha do petista admite a frustração com os resultados, mas já tenta buscar os votos dos eleitores de candidatos derrotados. Segundo uma fonte do PT, as conversas com o MDB de Simone Tebet, que teve acenos de aproximação com Lula, já começaram.

Apesar das críticas ferrenhas ao petista durante a campanha, Ciro Gomes não declarou neutralidade --ainda. Pediu "tempo" para definir seu posicionamento no segundo turno.

Já Bolsonaro ganha combustível para mobilizar ainda mais sua fiel militância. O presidente vinha desacreditando os institutos de pesquisas, dizendo preferir o "datapovo".

De acordo com fontes de sua campanha, a ideia é centrar forças num primeiro momento em Minas Gerais, segundo colégio eleitoral do país e onde Romeu Zema (Novo) foi reeleito e deve apoiar Bolsonaro.

"Deve ser uma eleição muito apertada", prognostica Cortez, da Tendências.

"Lula tem mais atributos para trazer fatos novos para a campanha", diz o analista, mas pondera que, com mais tempo, Bolsonaro pode se beneficiar da melhora recente da economia.

Os mercados devem reagir positivamente à demonstração de força de Bolsonaro nas urnas, com os investidores se voltando a apostas no cenário de reeleição do candidato considerado mais alinhado a uma agenda liberal.

(Reportagem adicional de Lisandra Paraguassu, Ricardo Brito, Eduardo Simões, Tatiana Bautzer, André Romani e Fernando Cardoso)

Lula e Bolsonaro travarão tenso segundo turno nas eleições brasileiras
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (42)
Priscilla Gabriela
Priscilla Gabriela 03.10.2022 9:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bolsonaro estava na frente, de repente no final, não contabiliza mais votos pra ele e lula que estava bem atrás passa na frente. Em SP para deputados a Zambeli estava bem a frente e Eduardo Bolsonaro tbm. Aí de repente vem Boulos que estava desempregado na política e apagado nesses últimos 4 anos, ficou com 1 milhão de votos. Na era Dilma o segundo turno tbm foi assim. Ela estava perdendo bonito e no final passou a frente. Esse sistema corrupto está manjado. Sem contar que foram 38 milhões de votos nulos e em branco. E esses votos juntando com todos os candidatos passa de 100%. Essa conta não fecha. A mentira tem perna curta. Isso tudo virá a tona.
Priscilla Gabriela
Priscilla Gabriela 03.10.2022 9:51
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Corrigindo 5 milhões de votos nulos e em branco.
Erijanio De Freitas
Erijanio De Freitas 03.10.2022 8:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bom dia pra todos a minha opinião que tem alguma coisa errada sobre essa eleição sobre os presidentes sair não estou apontando ninguém eu estou dizer nada com ninguém só tem alguma coisa estranha
Dr Paulo Vieira
Dr Paulo Vieira 03.10.2022 8:09
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se Lula entrar.. Vai virar Venezuela aqui.. Povo que voto no Lula tá só prolongando mais sofrimento. Em 14 anos o PT acabou com o Brasil... Fora cambada de ladrões..fora PT.
Lucas Prata
Lucas Prata 03.10.2022 6:19
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
LULA PRESO, BANDIDO
João Guilherme Júnior
João Guilherme Júnior 03.10.2022 6:11
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Minas Gerais me surpreendeu. Fez Romeu Zema vencer no primeiro turno, mas deu a Lula a maioria de votos a presidente. Até agora não consigo entender a lógica mineira.
Andre Luiz
Andre Luiz 03.10.2022 6:11
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
mas não vi onde q ganhou , pq na minha cidade foi 47 % Bolsonaro e aqui é o segundo maior colégio eleitoral, 44 pro lula, essas urnas já vieram com votos
Carlos Eduardo Santos
Carlos Eduardo Santos 03.10.2022 5:54
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
FRAUDE ENORME, não tem lógica Presidente Bolsonaro eleger 16 senadores ter seus governadores eleitos ou vencendo no primeiro turno e mesmo assim ficar em 2 lugar.
Jair Penedo
Jair Penedo 03.10.2022 5:54
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
FALOU O AUTENTICO BOÇAL BOLSONARISTA
Carlos Gatto
Carlos Gatto 03.10.2022 5:24
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Barzilzil
Carlos Gatto
Carlos Gatto 03.10.2022 5:24
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Barzilzil
Carlos Gatto
Carlos Gatto 03.10.2022 5:24
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Barzilzil
Mamoru Uehara
Mamoru Uehara 03.10.2022 5:23
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
engraçado como que agora ele entende kkk e antes nao. ele nem sente o peso dos preços so baixando dolar a 3.30 pra baixar os preços SQN. governo é exportador nao vai baixar nada.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail