🚀 Ações escolhidas por IA em alta. PRFT com alta de +55% em 16 dias. Não perca as ações de junho!Acessar lista completa

Georgieva é aprovada para segundo mandato como diretora-gerente do FMI

Publicado 12.04.2024, 18:49
Atualizado 12.04.2024, 18:51
© Reuters. Diretora-gerente do FMI fala em entrevista durante cúpula do G20, em São Paulo
27/02/2024
REUTERS/Carla Carniel

Por Andrea Shalal

WASHINGTON (Reuters) - A diretoria executiva do Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovou nesta sexta-feira a economista búlgara Kristalina Georgieva para ocupar o cargo de diretora-gerente por um segundo mandato de cinco anos, a partir de 1º de outubro deste ano, informou a instituição.

"O Conselho elogiou a liderança forte e ágil da Sra. Georgieva durante seu mandato, navegando uma série de grandes choques globais", disse em um comunicado. Georgieva era a única candidata ao cargo.

No mês passado, os ministros das Finanças da União Europeia endossaram Georgieva para um segundo mandato no comando da instituição financeira de última instância, praticamente garantindo sua aprovação. Tradicionalmente, os países europeus recomendam o diretor administrativo do FMI e os Estados Unidos recomendam o diretor do Banco Mundial.

Georgieva disse estar grata ao conselho e honrada por ter sido escolhida para um segundo mandato, além de ansiosa para continuar trabalhando com a equipe "excepcional" do Fundo.

"Nos últimos anos, o FMI ajudou nossos países membros a enfrentar sucessivos choques, incluindo a pandemia, guerras e conflitos, e uma crise de custo de vida", disse ela.

"Também intensificamos nosso trabalho sobre mudanças climáticas, fragilidade e conflitos, e a transição digital, de acordo com sua crescente importância para a estabilidade macroeconômica e financeira, o crescimento e o emprego."

Georgieva é a segunda mulher a chefiar o FMI e a primeira pessoa de uma economia de mercado emergente. Ela é a 12ª diretora-gerente do Fundo desde sua fundação em 1944.

Autodenominada "eterna otimista", Georgieva liderou a instituição em meio a enormes choques na economia global, desde o surto da pandemia da Covid-19, poucos meses depois de assumir o cargo, até a invasão da Ucrânia pela Rússia em fevereiro de 2022.

© Reuters. Diretora-gerente do FMI fala em entrevista durante cúpula do G20, em São Paulo
27/02/2024
REUTERS/Carla Carniel

No início de sua gestão, ela foi alvo de críticas dentro e fora do FMI por sua iniciativa de incluir as mudanças climáticas como um fator nos relatórios de supervisão das economias dos países membros e por seu foco nos mercados emergentes e nas economias em desenvolvimento.

Georgieva foi fundamental na garantia de grandes empréstimos para a Ucrânia, supervisionou uma reformulação do programa de empréstimos maciços da Argentina e trabalhou de forma constante para ajudar a China a adotar reestruturações de dívidas soberanas.

Ela também sobreviveu a um desafio pessoal em 2021, quando o conselho executivo do FMI expressou sua total confiança nela após analisar alegações de que ela teria pressionado a equipe a alterar dados para favorecer a China enquanto trabalhava no Banco Mundial.

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.