Últimas Notícias
Investing Pro 0
PROMOÇÃO prorrogada Cyber Monday: Até -60% no InvestingPro+ GARANTA A OFERTA

EUA impõem sanções à Rússia por anexação de territórios ucranianos

Gerais 30.09.2022 12:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Pessoas se reúnem para ver declaração de Putin em Luhansk 30/9/2022 REUTERS/Alexander Ermochenko

Por Daphne Psaledakis e Steve Holland

WASHINGTON (Reuters) - Os Estados Unidos impuseram nesta sexta-feira sanções abrangentes à Rússia por sua anexação declarada de territórios da Ucrânia, visando centenas de pessoas e empresas, incluindo aquelas do complexo militar industrial da Rússia e membros do legislativo.

Os Estados Unidos agiram depois que o presidente russo, Vladimir Putin, proclamou nesta sexta-feira a maior anexação na Europa desde a Segunda Guerra Mundial, declarando o domínio russo sobre 15% da Ucrânia.

"Não vamos ficar parados enquanto Putin tenta de forma fraudulenta anexar partes da Ucrânia", disse a secretária do Tesouro, Janet Yellen, em comunicado.

"Os Estados Unidos rejeitam inequivocamente a tentativa fraudulenta da Rússia de mudar as fronteiras internacionalmente reconhecidas da Ucrânia, inclusive realizando falsos referendos", afirmou o secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, em comunicado.

O Departamento do Tesouro dos EUA disse que impôs sanções a 14 pessoas no complexo militar industrial da Rússia, duas autoridades do banco central do país, familiares de autoridades graduadas e 278 membros da legislatura da Rússia "por permitir referendos falsos da Rússia e tentativa de anexar território soberano da Ucrânia".

O Tesouro também emitiu orientações alertando sobre um risco aumentado de sanções para aqueles que estão fora da Rússia, caso forneçam apoio político ou econômico a Moscou.

O Departamento de Estado dos EUA, em um comunicado separado, disse que impôs restrições de visto a mais de 900 pessoas, incluindo membros das Forças Armadas russas e bielorrussas e "representantes da Rússia por violarem a soberania, integridade territorial e independência política da Ucrânia", impedindo-os de viajar para o Estados Unidos.

A Rússia declarou as anexações depois de realizar o que chamou de referendos em áreas ocupadas da Ucrânia. Governos ocidentais e Kiev disseram que as votações violaram a lei internacional e foram coercitivas e não representativas.

(Reportagem de Daphne Psaledakis, Steve Holland, Karen Freifeld, Doina Chiacu e Heather Timmons)

EUA impõem sanções à Rússia por anexação de territórios ucranianos
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (17)
Angelo Lattari
Angelo Lattari 02.10.2022 7:11
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Investing covarde !!
Angelo Lattari
Angelo Lattari 02.10.2022 7:10
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
O que é que estes gringos FDP tem que se meter em uma briga que não  é dele !! É o mesmo que querer dar pitaco em briga de marido e mulher !! Com isso a UE e o resto do mundo estão se ferrando em suas economias e livre comércio !  O mundo tem que exigir que eles não sejam intriguentos, abelhudos, mau-caráter !! E a Europa tem que parar de ser capacho americano !  Reconheçam que a Rússia está apenas defendendo a sua segurança de fronteiras e a sua SOBERANIA   !!!
Joao AB
Joao AB 02.10.2022 7:10
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Vai pra la defender a soberania da russia...
Antonio Dondoni
Antonio Dondoni 01.10.2022 16:27
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bolsonaro 22 reeleito no primeiro turno. Lularapio ex-presidiário de volta pra cadeia
Geraldo R Silva
LeoMoreira 01.10.2022 15:02
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se Trump louco ainda fosse presidente o risco de uma guerra nuclear seria quase 100% e não haveria mais ninguém pra contar estória... eh isto que daria com um louco na presidência... neste caso ainda bem que eh Bidê... enquanto aqui outro louco tb deve ser defenestrado amanha....
Oseias Carvalho
Oseias Carvalho 01.10.2022 14:34
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se Trump fosse o presidente americano a Russia ia ficar apenas nos sonhos com a Ucrânia, mas com um esquerdista no poder por lá a bagunça é certa. Amanhã é dia de nós refletirmos sobre isso tmb e sermos um país mais forte… MITO😎🇧🇷
Claudenir Soares
Claudenir Soares 01.10.2022 13:52
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Infelizmente EUA virou piada com seu democrata no poder
César Ferreira
César Ferreira 01.10.2022 10:15
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
7 de meses de sanções que valorizaram a moeda e economia Russa.
Rafael Maia
Rafael Maia 30.09.2022 20:17
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Eua esta adorando isso sanções depois de 6 meses de guerra? kkkk piada né
BozLu Lapinante
BozLu Lapinante 30.09.2022 17:35
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Brasil da rachadinha não condena o ditador Russo. Submetida à votação dos 15 países-membros do Conselho de Segurança, a resolução teve, além do veto da Rússia, 10 votos a favor e 4 abstenções. Os países que se abstiveram foram Brasil, China, Índia e Gabão.
Nelson Matos
Nelson Matos 30.09.2022 16:48
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Alguém lembra qdo o bozo foi a Rússia e disse que tinha resolvido o problema e que não haveria guerra? não vamos set gado.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail