Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Dólar e a Disputa Entre a Selic, Variante Delta e Tensões Políticas

Por Vanessa Blum CollocaCâmbio03.08.2021 08:23
br.investing.com/analysis/dolar-e-a-disputa-entre-a-selic-variante-delta-e-tensoes-politicas-200443721
Dólar e a Disputa Entre a Selic, Variante Delta e Tensões Políticas
Por Vanessa Blum Colloca   |  03.08.2021 08:23
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

Apesar da queda do dólar de ontem pela manhã, a moeda americana puxou forte no final do pregão, mas acabou fechando em queda a R$ 5,1654. Existe possibilidade de quedas no decorrer da semana com a taxa Selic que está por vir, mas os crescentes ruídos políticos impõem um cenário negativo para o real e geram risco de nova pressão nas taxas de juros de longo prazo, em meio a aumento do receio de uma abordagem fiscal menos conservadora. Além disso, as eleições 2022 também estão no radar de aumento de risco pais. A variante delta do coronavírus também preocupa quanto à recuperação das economias mundo a fora e ainda precisamos considerar a situação da diferença entre as retomadas econômicas do Brasil e das economias mais desenvolvidas, principalmente com relação à vacinação. Por mais otimista que eu queira ser, precisamos ter o “pé no chão”.

O Copom se encontra hoje e amanhã em sessões presenciais para discutir o futuro dos juros básicos, e boa parte dos agentes do mercado aposta numa elevação de 1 ponto percentual. As expectativas de aumento de 1 ponto na Selic fizeram o dólar cair e aumentar o apetite a risco e obviamente devido ao diferencial dos juros aqui e lá fora. Custos de empréstimos mais altos no Brasil tornam o real mais atrativo para a realização de estratégias de "carry trade", que consistem na tomada de empréstimos em moeda de país de juro baixo e compra de contratos futuros de uma divisa de juro maior. O investidor, desta forma, ganha com a diferença de taxas.

A queda do dólar de ontem de manhã também refletiu uma realização de lucros em relação à sexta-feira, quando a divisa foi para R$ 5,2099 com uma alta diária de 2,57%. O ganho acumulado de julho foi de 4,76%. O dólar ontem cedo estava desvalorizado não apenas no Brasil, mas ante os principais pares. A volatilidade foi grande, na mínima ficou em R$ 5,1145 e na máxima em R$ 5, 219.

Boa notícia para o real: as indústrias brasileiras ampliaram o nível de estoques de bens finais em julho para um recorde, diante do aumento da demanda, e o crescimento do setor chegou ao maior nível em cinco meses. As empresas ainda esperam que a retomada da demanda continue, sustentando as projeções otimistas para o índice de produção no próximo ano juntamente com a crescente cobertura de vacinas.

De qualquer forma o mercado segue cauteloso com as declarações mais recentes do governo, indicando a possibilidade de quebra do Teto de Gastos para financiar um Bolsa Família mais robusto e a manutenção do auxílio emergencial caso a pandemia continue a afetar a economia, além da inflação e ameaça da variante delta.

Vamos de dados divulgados pelo Focus de ontem: a expectativa do mercado para a inflação neste ano aproximou-se ainda mais de 7%. Já a expectativa para a alta do IPCA em 2021 agora é de 6,79%, contra 6,56% na semana anterior, superando ainda mais o teto da meta, de 5,25%. Para 2022 a projeção aumentou em 0,01 pontos percentuais, indo a 3,81%. A mudança reflete o aumento na projeção para a alta dos preços este ano a 10,70%,antes a previsão era de 10,45%. O centro da meta oficial para a inflação em 2021 é de 3,75% e para 2022 é de 3,50%, sempre com margem de tolerância de 1,5 pontos percentual para mais ou menos. Para o PIB, a estimativa de crescimento passou a 5,30% este ano, antes era de 5,29%. A mediana das expectativas para o câmbio no fim de período foi de R$ 5,09 para R$ 5,10, ante R$ 5,04 de um mês atrás. Para 2022, a projeção para o câmbio permaneceu em R$ 5,20, mesmo valor de quatro pesquisas atrás.

Mais dados: a balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 1,869 bilhão na quarta semana de julho (dias 19 a 25), o valor foi alcançado com exportações de US$ 5,913 bilhões e importações de US$ 4,044 bilhões. Em julho, até o dia 25, a balança comercial acumula saldo superavitário em US$ 6,939 bilhões, com exportações em US$ 20,473 bilhões e importações de US$ 13,534 bilhões. No acumulado do ano, o saldo comercial é superavitário em US$ 43,670 bilhões.

Os PMIs oficiais da China aumentaram a evidência da desaceleração da economia chinesa em julho, com o PMI industrial caindo para apenas 50,3, o menor desde abril do ano passado.

Dados dos PMI da zona do euro saíram maiores que o esperado. Os dados promissores da zona do euro estão ajudando a reduzir temores sobre o impacto da variante Delta na economia global.

Para hoje teremos IPC-FIPE mensal de julho e dados da produção industrial mensal e anual de junho aqui no Brasil. Nos EUA teremos às 15 horas (horário do Brasil) discurso de Michelle W. Bowman, membro do FOMC e seus discursos costumam ser utilizados para fornecer indicações sutis relacionadas à política monetária futura.

Como sempre digo, é uma queda de braços entre notícias boas para o real e tensões e cenários incertos. E segue a luta do cambio para tentar segurar o dólar, mas está difícil.

Dólar e a Disputa Entre a Selic, Variante Delta e Tensões Políticas
 

Artigos Relacionados

Dólar e a Disputa Entre a Selic, Variante Delta e Tensões Políticas

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (2)
Adalberto Leal
Adalberto Leal 03.08.2021 9:53
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Você é brilhante Vanessa!!!
Nelson Brockes
Nelson Brockes 03.08.2021 8:31
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Queda do dólar ocorreria se o dólar passasse a valer exatamente o que valia no início da campanha que elegeu o governo atual. O que o dólar tem feito é oscilar em alta o tempo todo desde que o Paulo Guedes assumiu o governo do Brasil.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail