Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Moedas: índice DXY fecha em leve alta, com cautela por Evergrande e Fed

Moedas20.09.2021 18:40
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Moedas: índice DXY fecha em leve alta, com cautela por Evergrande e Fed

O dólar ficou misto ante moedas rivais no início desta semana. Ainda assim, o índice DXY, que mede a divisa americana ante um cesto de seis moedas competitivas, fechou em leve alta. A sessão foi marcada pelo sentimento de cautela, com os mercados internacionais em menor busca por risco, diante dos problemas de liquidez da Evergrande (OTC:EGRNY), segunda maior companhia do setor imobiliário da China, e seus possíveis impactos. O anúncio de política monetária do Federal Reserve na próxima quarta-feira também contribui para a parcimônia nos mercados.

O índice DXY avançou 0,08%, a 93,276 pontos. No fim da tarde em Nova York, o dólar recuava a 109,40 ienes, o euro avançava a US$ 1,1732 e a libra caía a US$ 1,3661.

A maior busca por risco garantiu o avanço de moedas consideradas seguras, como o dólar, o iene e o franco suíço, observa a Western Union. O dólar caiu em relação ao iene e ao franco suíço, mas saltou para máximas em quatro semanas em relação ao euro, à libra esterlina e ao dólar canadense, pontua o analista Joe Manimbo.

O ING observa ainda que esta é uma semana decisiva com decisões de política monetária dos bancos centrais dos EUA, Inglaterra, Japão, Suécia e Suíça - membros do G10. "Devemos notar que, considerando o tom de cautela que está dominando os mercados no início desta semana, há um risco significativo de que o impacto pós-reunião sobre o câmbio possa ser mais do que compensado por mais oscilações no sentimento global", pontua o banco holandês.

Em relação ao Federal Reserve (Fed), o ING acredita que o tom a ser adotado quanto ao tapering não deve ser de grande surpresa, mas o gráfico de pontos será observado com atenção pelo mercado. Caso a primeira elevação de juros seja adiantada de 2023 para 2022, isso sustentaria a retórica do presidente do Fed, Jerome Powell, sobre a desvinculação do tapering e da elevação de juros. No câmbio, isso deve se traduzir em um dólar mais fraco após o anúncio da decisão monetária, já que o adiamento do aperto monetário do Fed poderia mitigar as preocupações sobre a desaceleração econômica no médio a longo prazo e, potencialmente, favorecer alguma inclinação na curva de juros dos EUA, prevê o ING.

Moedas: índice DXY fecha em leve alta, com cautela por Evergrande e Fed
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail