Últimas Notícias
Garanta 40% de desconto 0
👀 Invista igual ao Warren Buffett e lucre +174.3% acima do badalado S&P 500 Aproveite desconto de 40%

A rentabilidade projetada do S&P é muito baixa para compensar o risco, diz gestor

Publicado 30.11.2023 16:51 Atualizado 01.12.2023 07:30
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Finacap

Investing.com – As ações de países desenvolvidos, incluindo as americanas, estariam com preços demasiadamente elevados e devem passar por uma correção ou estagnação. Enquanto isso, países emergentes estariam com tendências mais favoráveis. Essa é a visão de Luiz Fernando Araújo, CEO da Finacap Investimentos.

CYBER MONDAY Prorrogada: Tenha mais desconto no plano bianual com cupom “investirmelhor”

“Então a gente acha que a perspectiva pra commodities e mercados emergentes, nos próximos anos, se seguir esse padrão histórico, vai ser bem interessante e tende a superar essa performance dos países desenvolvidos, que nos últimos anos foram os grandes vencedores”, destacou, em entrevista ao Investing.com Brasil.

Sediada em Recife e com escritório em São Paulo, o foco da companhia é direcionado à renda variável e estratégia de investimento em valor. A casa atua no mercado desde 1997, tanto na área de gestão de investimentos, com três fundos, quanto na de gestão de patrimônio. No total, contempla R$ 1,5 bilhão sob gestão, considerando as atividades de asset e wealth.

Confira entrevista:

Investing.com – Quais os principais fatores que devem movimentar os mercados neste final de ano e começo do próximo no mercado local?

Luiz Fernando Araújo – O custo de oportunidade para investir em bolsa ficou muito desinteressante. A gente trabalha muito com o investidor de fundo de pensão. Por exemplo, o fundo de pensão, tem a principal meta bater inflação mais 5,5% ou mais 6%, por exemplo. Então, hoje, esses gestores conseguem esse tipo de rentabilidade investindo em título público. A gente observou muita saída, muita rotação de portfólio para renda fixa devido aos juros altos.

Preço das ações é oferta e demanda. Se tem pouca demanda, é os preços caem. À medida que os juros caem, com curva descendente, todas reformas econômicas dos últimos anos, a própria autonomia do Banco Central, convergência da inflação da meta, isso gerou muita credibilidade, então a tendência é de que as taxas longas também fechem.

Ainda, há expectativa de um retorno desse fluxo que saiu nos últimos anos, esse é o principal fator que o investidor deve monitorar. Com juros caindo, pode ter fluxo de entrada local, principalmente do investidor institucional, e isso afeta positivamente a performance da bolsa.

Inv.com – E no mercado externo?

Araújo – Nossa leitura é de que, no cenário internacional, o ciclo chegou em um patamar de virada ou próximo deste. Então, a expectativa é de entrar novamente em um ciclo de retração, de estagnação para os ativos de risco, porque inclusive estão ainda com precificação muito elevada.

A rentabilidade projetada do S&P é muito baixa para compensar o risco. Então vai ter que ter um ajuste nesses preços para que novamente os ativos americanos e dos países desenvolvidos gerem um retorno esperado com um prêmio que justifique o risco. Então, para isso ocorrer, precisa ocorrer uma queda, que pode ser brusca ou pode ser gradual, ao longo dos próximos anos.

Esse fenômeno pode já estar ocorrendo. A pandemia adiou esse processo na medida que ela desorganizou todo sistema e fortaleceu principalmente aqueles players de tecnologia, que são os grandes drivers americanos.

Logo na sequência da pandemia, as ações ainda ficaram mais caras. Mas agora, depois de 2021 e 2022, esse movimento parece que já voltou, essas empresas já têm corrigido negativamente, a performance desse ano já não deve ser tão interessante.

Então a gente acha que a perspectiva pra commodities e mercados emergentes, nos próximos anos, se seguir esse padrão histórico, vai ser bem interessante e tende a superar essa performance dos países desenvolvidos, que nos últimos anos foram os grandes vencedores.

Inv.com – Quais os principais setores que podem ser destaque neste final de ano ou no ano que vem? Alguma mudança de estratégia vem sendo recomendada neste final de ano?

Araújo – Temos exposição muito forte de commodities, tendo em vista ciclo econômico. Nos primeiros 10 anos do século, a grande locomotiva foi a China. Dessa vez, pode ser uma das locomotivas para esse rali de commodities, a transição energética.

Para mudar do petróleo para energia elétrica, vai precisar muito aço, eólica, energia solar, etc. A Índia também é uma economia que está entrando numa fase parecida que a China teve há uns 30 anos, o que tende a fazer com que a economia indiana consuma mais e substitua perda de consumo da China, que deve ter taxa de crescimento mais moderada, levando em conta o envelhecimento da população. Assim, focamos na transição energética e performance das commodities.

A rentabilidade projetada do S&P é muito baixa para compensar o risco, diz gestor
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por esse motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (3)
Ogait Tcheva
Ogait Tcheva 01.12.2023 10:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Papo de vendido kkkk
Mauricio CORREA
Mauricio CORREA 01.12.2023 6:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Esse rapaz deveria estudar um pouco mais...quem colocou dinheiro nas mãos destes caras vai perder muito
Matuzalem Raupp
Matuzalem Raupp 30.11.2023 21:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
hora de comprar
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar esse comentário

Diga-nos o que achou desse comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail