😎 Promoção de meio de ano - Até 50% de desconto em ações selecionadas por IA no InvestingProGARANTA JÁ SUA OFERTA

Na comemoração do Dia D, Biden promete apoio contínuo à Ucrânia contra Rússia

Publicado 06.06.2024, 10:31
Atualizado 06.06.2024, 10:35
© Reuters. Comemoração do Dia D na Normandian 6/6/2024   Gareth Fuller/Pool via REUTERS

Por Jeff Mason e Elizabeth Pineau e John Irish

COLLEVILLE-SUR-MER, França (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, fez um apelo pela defesa da liberdade e da democracia no 80º aniversário do desembarque do Dia D na Normandia, nesta quinta-feira, pedindo às potências ocidentais que mantenham o apoio à Ucrânia e não se rendam à tirania russa.

Em uma cerimônia conjunta com o presidente francês Emmanuel Macron e veteranos dos EUA no Cemitério Americano da Normandia, Biden disse que é "simplesmente impensável" render-se à agressão russa e prometeu não deixar de apoiar a Ucrânia.

Ele pediu aos aliados ocidentais e da Otan que recapturem o espírito do Dia D e trabalhem juntos em um momento em que, segundo ele, a democracia está sob maior ameaça do que em qualquer outro momento desde o fim da Segunda Guerra Mundial.

"O isolacionismo não era a resposta há 80 anos e não é a resposta hoje", disse Biden em seu discurso.

Em 6 de junho de 1944, mais de 150.000 soldados aliados invadiram a França por mar e ar para expulsar as forças da Alemanha nazista, desembarcando em cinco praias de codinome Omaha, Juno, Sword, Utah e Gold ou caindo do céu.

Com o número de veteranos, muitos com 100 anos ou mais, diminuindo rapidamente, é provável que essa seja a última grande cerimônia na Normandia a homenageá-los em sua presença.

Biden afirmou que era a maior honra saudar os veteranos norte-americanos reunidos, afastando-se do púlpito para dizer-lhes: "Deus ama vocês".

"Os homens que lutaram aqui se tornaram heróis", disse ele. "Eles sabiam, sem sombra de dúvida, que há coisas pelas quais vale a pena lutar e morrer."

Com a guerra em curso na Ucrânia, nas fronteiras da Europa, o aniversário desse momento decisivo da Segunda Guerra Mundial tem uma ressonância especial. Ocorre em um ano de muitas eleições, inclusive para o Parlamento Europeu nesta semana e nos EUA em novembro.

Os críticos temem que o ex-presidente norte-americano Donald Trump, que estará em uma disputa acirrada com Biden na eleição, reduza o apoio dos EUA à Ucrânia.

Falando em uma cerimônia britânica em Ver-sur-Mer no início da quinta-feira, o rei Charles, em uniforme militar completo, também pediu uma maior colaboração internacional para lutar pela paz.

"Relembramos a lição que nos chega repetidas vezes ao longo das décadas: as nações livres precisam se unir para se opor à tirania", disse Charles, que falou em francês e inglês.

O presidente ucraniano Volodymyr Zelenskiy, o chanceler alemão Olaf Scholz e muitos outros também participariam do dia de homenagens.

Mas a Rússia, que invadiu a Ucrânia em 2022, dando início ao maior conflito armado da Europa desde a Segunda Guerra Mundial, não foi convidada.

© Reuters. Comemoração do Dia D na Normandia
 6/6/2024   Gareth Fuller/Pool via REUTERS

Os líderes devem adotar nesta quinta-feira uma declaração dizendo que a democracia está mais uma vez sob ameaça na Europa e prometendo defender a liberdade e a democracia, disseram duas fontes.

Cerca de 200 veteranos, a maioria deles norte-americanos ou britânicos, estavam participando de cerimônias durante todo o dia em praias que ainda carregam as cicatrizes dos combates que eclodiram no Dia D, a maior invasão anfíbia da história. Milhares de militares de Reino Unido, Estados Unidos, Canadá e de outras nações foram mortos, assim como seus inimigos alemães.

(Reportagem de Elizabeth Pineau, John Irish, Lucien Libert, Jeff Mason na Normandia, Muvija M e William James em Londres)

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.