Garanta 40% de desconto
⚠ Alerta de Balanço! Quais ações estão prontas para disparar?
Veja as ações no nosso radar ProPicks. Essas estratégias subiram 19,7% desde o início do ano.
Não perca a lista completa

Explicando o Preço/Lucro e sua Importância para um Investidor de Valor

Publicado 06.02.2022, 11:15
Atualizado 29.08.2023, 23:01

Em 2017 escrevi um artigo que teve grande circulação nas redes sociais, fazendo uma analogia que facilitava a compreensão de um dos indicadores mais importantes para o Value Investing: a relação Preço/Lucro. Como se trata de um conceito atemporal, vou reproduzi-lo com números mais próximos da realidade econômica atual.

Imagine que você decida se tornar um motorista de aplicativo. A planilha abaixo demonstra seus investimentos, receitas e despesas.



Agora imagine que o seu trabalho seja uma empresa negociada na bolsa.

O PREÇO é o valor gasto na aquisição do carro: 70 mil reais. O LUCRO no ano foi de 17.300 reais. Para achar o P/L basta dividir 70.000 por 17.300. P/L = 4,05. Isso significa que, nessa profissão, você demoraria cerca de 4 anos para recuperar o dinheiro investido na aquisição do veículo.

Agora já imaginou se fossem necessários de 43 anos? Valeria a pena ingressar nessa profissão sabendo que o seu retorno pelo investimento demoraria todo esse tempo?

Cotação de WEG. Base 3/1/21

 

 

 

 

 

 

 

WEG (SA:WEGE3) é um bom exemplo de empresa com um índice de Preço/Lucro esticado. É importante ressaltar que isso não significa que seja um mal investimento, que fique claro. Trata-se apenas de um exemplo comparativo.

ESTRATÉGIAS PARA MELHORIAS OPERACIONAIS

Podemos utilizar esse fator qualitativo para entender como as empresas podem melhor seus resultados.

Num determinado momento, você decide investir num kit de GNV (gás natural), reduzindo em 15% as despesas com combustível. Também negocia suas taxas com o aplicativo, diminuindo em mais 5% seu custo. E decide trabalhar aos sábados.

O resultado será um lucro aumentando significativamente. Agora, calculando o novo P/L, você demoraria um ano e dez meses para recuperar o investimento inicial (R$70.000/R$39.770 = 1,76). 

Esses são exemplos de melhorias operacionais que aumentam o denominador do P/L impactando nos resultados das empresas sem interferir em sua qualidade. 

E QUANDO A GOVERNANÇA ERRA?

Se ao invés das decisões acima você optasse por cortar custos com o seguro do veículo, no curto prazo haveria um impacto positivo na lucratividade. Mas será que o risco assumido de uma eventual sinistralidade compensaria tal economia?

E olhando para uma empresa, tal decisão seria vista com bons ou maus olhos pelo investidor?

Por esses exemplos é possível compreender que o indicador P/L é um excelente referencial de PREÇO, mas isoladamente não define um racional de investimento.  

O QUE UM VALUE INVESTOR PROCURA?

Analisar o P/L é ótimo para saber se você está pagando barato ou caro. Mas também é necessário entender o negócio, o mercado e os ciclos econômicos.

No value investing, buscamos empresas que aumentem sua frota de veículos pagando mais barato por eles.

LEIA MAIS - 2022 será o ano do Value Investing?

Que trabalhem com vários aplicativos simultaneamente.

Tenha motoristas que trabalhem mais dias na semana e que saibam economizar combustível.

Por fim, mas não menos importante, que sejam honestos.

A conclusão a qual chegamos (mais uma vez, como em quase todos os textos que escrevo), é que escolher uma boa empresa exige do investidor uma dedicação que transcende a interpretação das linhas de um balanço.

As vezes bons resultados podem ser consequência de decisões equivocadas que poderão impactar o negócio no longo prazo, mesmo que a empresa esteja barata naquele trimestre. Se você pretende se tornar um investidor bem sucedido, precisa entender a empresa como o seu negócio como motorista de aplicativo. Não existe atalho pra isso.        


Últimos comentários

👏👏👏👏
Veja DIDI
Simples e objetivo sem lengas!!!👏👏👏
👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻
Parabéns pela explicação, muito objetiva.
Parabéns pela explicação, muito objetiva.
Excelente!!! Olhem para IRBR3 e verão um exemplo claro.
Carlos, por favor para que eu possa entender, você pode completar seu raciocinio. Porque acreditar que IRBR3 seja esse exemplo?
👍
Muito bom, parabéns! Explicação simples e objetiva, mas sem tornar o conhecimento superficial.
Muito bom, parabéns! Explicação simples e objetiva, mas sem tornar o conhecimento superficial.
Muito bom, parabéns! Explicação simples e objetiva, mas sem tornar o conhecimento superficial.
Ótimo artigo. Parabéns.
Excelente explicação Rodrigo! Top.
Excelente explicação Rodrigo! Top.
muito bom!!!
Maravilha sua explicaçao . Belo exemplo sobre como balanços podem conter armadilhas . Valeu!!
Pode informar qual era o preço/lucro de Vale e demais empresas do setor em 2017?
Ótimo. Quem leu seu artigo vai evitar fazer críticas, às vezes, infundadas.
muito bom!!clareza e objetividade. legal!!
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.