Últimas Notícias
Garanta 40% de desconto 0
🔎 Confira as ProTips completas de NVDA e descubra riscos e retornos DESCONTO de 40%

Investidores dos EUA Podem Recorrer aos Mercados Emergentes para Melhores Retornos

Por Investing.com (Investing.com Brasil)Resumo do Mercado03.01.2019 04:16
br.investing.com/analysis/investidores-dos-eua-podem-recorrer-aos-mercados-emergentes-para-melhores-retornos-200224383
Investidores dos EUA Podem Recorrer aos Mercados Emergentes para Melhores Retornos
Por Investing.com (Investing.com Brasil)   |  03.01.2019 04:16
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
 
US500
+0,17%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
US2000
+1,37%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
EEM
+0,17%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
SPY
+0,17%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
IMOEX
-0,11%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
XU100
-1,66%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

por Natalie Erlich

Depois de Wall Street sofrer suas piores perdas anuais em uma década, os investidores que buscam melhores retornos podem finalmente voltar suas atenções aos mercados emergentes, que continuam muito baratos em comparação com as ações norte-americanas.

"Acreditamos que os mercados emergentes estão sobrevendidos”, declarou James Ashley, diretor de estratégia de mercados internacionais do Goldman Sachs Asset Management, em uma reunião realizada em Cingapura. “Podemos considerar isso como uma boa oportunidade de entrada”.

Os mercados emergentes oferecem aos investidores um clássico cenário de “alto risco/alto retorno”. As nações emergentes, que incluem países como Rússia, Índia, Taiwan e Brasil, representam 40% da produção econômica mundial, mas apenas 12% do valor do mercado global, e à medida que as nações em desenvolvimento fazem a transição de uma economia baseada em agricultura e commodities para a indústria e a tecnologia, a expectativa é que a oportunidade cresça ainda mais.

Mas o nível de risco deve ser levado em consideração. O Índice de Mercados Emergentes da MSCI registrou perdas de mais de 16% em 2018 de maneira geral, e os mercados acionários da Turquia, China e África do Sul também tiveram seus piores desempenhos anuais em uma década. Em um cenário mais otimista, as ações da Rússia, que tiveram seu último pregão na sexta-feira passada, terminaram o ano com valorização de 12%.

EEM vs SPY 2018 Performance
EEM vs SPY 2018 Performance

O desempenho relativo das ações norte-americanas em comparação com o resto do mundo ainda está no seu nível mais alto desde 1970, de acordo com o Financial Times. Analisando apenas os mercados emergentes, o índice do ETF iShares MSCI Emerging Markets (NYSE:EEM) e do ETF SPDR S&P 500 (NYSE:SPY) está em 0,16, ou seja, perto de níveis vistos pela última vez em 2004.

A Research Affiliates, que presta consultoria a investidores institucionais com ativos avaliados em mais de US$ 160 bilhões, afirma que essa disparidade de valuation entre EUA e mercados emergentes não encontra justificativa nos fundamentos. De acordo com os últimos dados do fim de novembro, o CAPE (sigla em inglês para índice de preço/lucro ajustado ciclicamente) dos mercados emergentes era de 14,9. O CAPE da Rússia estava em seu menor patamar, a 6,5, enquanto o da Turquia estava em 8,1; o da China, em 14,8; e o do Brasil, em 14,9. Já o CAPE da Índia está muito maior, em 21,5.

O índice CAPE tem demonstrado prever ganhos futuros. Se o índice estiver baixo, ou seja, se o preço estiver baixo em relação ao lucro, o ganho futuro tende a ser alto.

A mediana é 16, declara Chris Brightman, diretor de informação da Research Affiliates. O mercado de ações dos EUA, enquanto isso, está sendo negociado a 29,7, ou seja, ao nível mais caro já registrado pelo mercado. Segundo Brightman:

“Os únicos momentos da história em que vimos o mercado de ações dos EUA com um índice CAPE acima de 30 foi em 1929 e no final da década de 1990, e nenhum desses episódios terminou bem para os investidores de ações.”

Compradores devem ter cautela com cenário adverso em 2019

Entretanto, os riscos dos mercados emergentes são variados e podem ter como base um conjunto de catalisadores.

“Tudo o que você lê e observa é verdadeiro”, de acordo com Brightman.

“Estamos vivendo uma deplorável guerra comercial com a China. O ambiente político no Brasil está uma bagunça total. A Rússia é um país malicioso, que interfere em nossas eleições e acaba de iniciar uma guerra de fato com a Ucrânia novamente. A Índia enfrenta problemas consideráveis com seu governo nacionalista e populista. A África do Sul está mergulhada em corrupção. É melhor nem tratar dos problemas na Turquia.

Tudo isso é verdade. E é por isso que os preços estão baratos, e os preços baratos são justamente aqueles que oferecem a possibilidade de altos ganhos futuros.”

Há razões para se preocupar com a Turquia e a Argentina. Mas as ações turcas representam menos de 1% dos papéis dos países emergentes, de acordo com a Research Affiliates. Por outro lado, China, Coreia do Sul, Taiwan, Índia e Rússia possuem uma baixa relação de dívida externa/PIB, além de vastas reservas cambiais. "Em seu conjunto, esses grandes mercados com baixo risco de crise correspondem a cerca de 60% do Índice MSCI de Mercados Emergentes", segundo a companhia.

Mas nem todos os gestores financeiros estão convencidos.

Gabriela Santos, estrategista de mercado global do JPMorgan Asset Management, afirma que a perspectiva para as ações dos países emergentes em 2019 é difícil de avaliar, pois diversas variáveis, como a elevação da taxa de juros pelo Fed, as contínuas tensões comerciais e a desaceleração da China dificultam a visibilidade. Mesmo assim, apesar das incertezas, agora é um bom momento para os investidores que não têm exposição a mercados emergentes adotarem uma abordagem de vários anos, afirma Santos.

“Para determinados investidores, principalmente nos EUA, que estão um pouco hesitantes em investir em mercados emergentes, enxergamos uma oportunidade de compra, porque vimos os valuations ficarem abaixo de 15%.”

Consumidores da China e da Índia podem impulsionar o crescimento no longo prazo

Laura Geritz, CEO da Rondure Global Advisors, adota um tom ainda mais cauteloso com os mercados de maneira geral. “Os mercados emergentes já tiveram alguma correção, mas eu já os vi mais baratos”, afirmou.

“Os mercados norte-americanos, principalmente as ações com baixa capitalização, conforme o Russell 2000 Growth, me parecem caros, supervalorizados. A minha análise é que, olhando de baixo para cima, os mercados dos EUA estão muito caros. Eles vão corrigir, e é difícil ver um recuo nos EUA sem que o resto do mundo o acompanhe.”

Mesmo assim, Laura vê oportunidades na China e afirma que sua empresa aproveitou algumas barganhas no país nos últimos meses.

“Adoramos a Yum China (NYSE:YUMC) aqui. É uma empresa que tem caixa no balanço patrimonial, portanto, mesmo que haja uma desaceleração dos negócios, ela tem muita reserva financeira para nos recompensar com dividendos e recompras de ações, mas ainda temos liquidez para selecionar alguns nomes se surgir uma oportunidade.”

Alguns dos seus setores favoritos e de alta qualidade, no entanto, como produtos básicos de consumo na Índia, continuam caros, em sua visão. “São negócios de altíssima qualidade. Estamos fazendo nossas apostas."

O que torna os grandes países emergentes, como China e Índia, tão atraentes é que seu crescimento econômico está fundamentalmente ligado à ascensão da classe média, nas palavras de Gabriela Santos, do JPMorgan. “Neste momento, apenas 12% da população indiana pertence à classe média.” Entretanto,

“A expectativa é que, na próxima década, 80% dessa população se torne classe média. Imagine as centenas de milhões de pessoas que serão capazes de comprar produtos considerados normais nos mercados desenvolvidos, como produtos de beleza, acessórios de cozinha, eletrônicos. Essas pessoas vão ingressar no setor financeiro, vão abrir contas bancárias. Quando compramos os mercados emergentes, queremos aproveitar um cenário de vários anos.

Embora grandes economias, como China e Índia, apresentem trajetórias sólidas, mercados menores são mais arriscados, de acordo com Geritz. “Mercados emergentes menores e de fronteira não despertam nenhum interesse neste momento. Pode ser uma oportunidade para divergentes. Ainda me preocupo com o ciclo da taxa de juros no mundo e seu impacto nas ações.”

Geritz, no entanto, não é totalmente avessa aos mercados emergentes. Os múltiplos nos EUA parecem estar tão altos quanto na bolha de 1999 e, em alguns casos, estão até piores, segundo ela. “Eu teria cautela em todas as partes".

Investidores dos EUA Podem Recorrer aos Mercados Emergentes para Melhores Retornos
 

Artigos Relacionados

Olivia Bulla
Mercado busca respostas Por Olivia Bulla - 27.02.2024 2

A agenda econômica começa a ganhar força nesta terça-feira (27), ditando o rumo dos mercados, ao menos no Brasil. Após um pregão...

Investidores dos EUA Podem Recorrer aos Mercados Emergentes para Melhores Retornos

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por esse motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (1)
Luiz Dombroscki
Luiz Dombroscki 07.01.2019 22:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
quando vai sair o artigo do fechamento das corretoras do mês de dezembro? muito obrigado!
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar esse comentário

Diga-nos o que achou desse comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail