Garanta 40% de desconto
🚀 6 ações que subiram +25% no 1º tri selecionadas pela nossa IA. Quais ações vão subir no 2º tri?Não perca a lista completa

Nem todas as Big Techs tiveram resultados magníficos no 4º tri

Publicado 06.02.2024, 12:06
Atualizado 29.08.2023, 11:02
  • Alguns resultados de grandes empresas de tecnologia esfriaram, mas houve dois destaques na semana passada
  • Nove empresas do S&P 500 têm datas de resultados atípicas esta semana - MCD, IEX, EW, MAA, MCK, HSY, COP, TROW, CTLT
  • 1.558 empresas devem relatar durante a segunda semana de pico da temporada do 4º trimestre

As gigantes de tecnologia Meta (NASDAQ:META) e Amazon (NASDAQ:AMZN) se destacaram na temporada de resultados do quarto trimestre de 2023, superando as projeções de receita e lucro por ação (LPA) e compensando os desempenhos mais fracos de outras empresas do setor, como Alphabet (NASDAQ:GOOGL), Microsoft (NASDAQ:MSFT) e Apple (NASDAQ:AAPL). A Meta, que mudou seu nome do Facebook em outubro, também anunciou seu primeiro dividendo de US$ 0,50 por ação e um programa de recompra de ações de US$ 50 bilhões, enquanto o CEO Mark Zuckerberg reafirmou seu compromisso com a eficiência operacional. Com os resultados positivos das duas empresas, o EPS misto do S&P 500 subiu de -1,4% para 1,6%, segundo a FactSet.

No entanto, os mercados também foram influenciados pela decisão do Federal Reserve (Fed, banco central americano) de manter a taxa básica de juros inalterada em sua primeira reunião de 2024, frustrando as expectativas de um corte iminente diante da desaceleração econômica global e das tensões comerciais. O presidente do Fed, Jerome Powell, sinalizou que a autoridade monetária ainda não está convencida da necessidade de uma ação mais agressiva e que vai monitorar os dados antes de ajustar a política. A ferramenta FedWatch do CME Group reduziu a probabilidade de um corte de juros na reunião de 20 de março para 21% e aumentou a chance de um corte na reunião de 1º de maio para 60%.

Apesar da cautela do Fed, os mercados se recuperaram no final da semana, impulsionados pelos resultados de tecnologia e pelo relatório de emprego de janeiro, que mostrou a criação de 353 mil vagas não agrícolas e a manutenção da taxa de desemprego em 3,7%. Esse foi o 24º mês consecutivo em que o desemprego ficou abaixo de 4%, o maior período desde os anos 1960.

Resultados de Diversos Setores Movimentam a Semana

A temporada de resultados do quarto trimestre de 2023 continua esta semana com a divulgação dos balanços de empresas de vários setores, como restaurantes (McDonald’s Corporation (NYSE:MCD), Chipotle Mexican Grill Inc (NYSE:CMG)), industriais (Caterpillar Inc (NYSE:CAT), Uber Technologies Inc (NYSE:UBER)), farmacêuticas (Gilead Sciences Inc (NASDAQ:GILD), Eli Lilly and Company (NYSE:LLY)) e a esperada Walt Disney Company (NYSE:DIS).Anúncio de resultados

Fonte: Wall Street Horizon

Atraso nas Datas de Resultados Pode Sinalizar Problemas

Estudos acadêmicos indicam que quando uma empresa confirma uma data de divulgação dos resultados trimestrais mais tardia do que o habitual, geralmente é um indício de que a empresa trará más notícias em sua próxima teleconferência, enquanto antecipar uma data de divulgação sugere o contrário.

Esta semana, várias empresas de grande porte em índices relevantes adiaram suas datas de divulgação dos resultados do quarto trimestre de 2023 em relação às suas médias históricas. Nove empresas do S&P 500 confirmaram datas de divulgação atípicas para esta semana, todas mais tardias do que o normal e, portanto, com Fatores de Quebra de Data* negativos. Essas empresas são McDonald's Corporation, IDEX Corporation (NYSE:IEX), Edwards Lifesciences Corp (NYSE:EW), Mid-America Apartment Communities (NYSE:MAA), McKesson Corporation (NYSE:MCK), The Hershey Company (NYSE:HSY), ConocoPhillips (NYSE:COP), T. Rowe Price Group Inc (NASDAQ:TROW) e Catalent Inc. (NYSE:CTLT).

Últimos comentários

Olha, tem tempo que não lia um artigo tão bom. Parabéns
Ótimo artigo!
Excelente visão! Parabéns! 👏👏👏 principalmente o parecer a cerca do setor tecnológico.
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.