Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Dólar cai 1,23% e vai a R$4,7619, mínima em mais de um mês, sob pressão externa

Moedas 26.05.2022 17:50
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Notas de cem dólares 07/02/2011 REUTERS/Lee Jae-Won

Por José de Castro

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar fechou em queda de mais de 1% e no menor patamar em mais de um mês nesta quinta-feira, na casa de 4,76 reais, com os negócios mais uma vez orientados pela direção dos preços de ativos de risco no exterior, que melhoraram na parte da tarde e minaram a atratividade da moeda norte-americana.

O dólar à vista caiu 1,23%, a 4,7619 reais na venda. É o valor mais baixo desde 20 de abril (4,6186 reais).

Na jornada, a cotação variou de 4,8449 reais (+0,50%) a 4,7509 reais (-1,45%).

O real teve neste pregão o maior ganho ante o dólar considerando uma cesta de 33 pares relevantes.

Na parcial da semana, o dólar perde 2,25%, aprofundando a queda no mês para 3,67%. Em 2022, a moeda cede 14,56%.

A semana tem sido de recuperação para várias divisas de risco, com destaque para o real, que lidera os ganhos num grupo que conta ainda com as moedas de México (que se valoriza 0,4% ante o dólar), Colômbia (+1,3%), Turquia (-2,8%), Rússia (-4,3%), Peru (+1,9%), Chile (+1,5%) e África do Sul (+0,7%).

O mote é comum: a perspectiva de que o banco central dos Estados Unidos talvez não precise subir tanto os juros, uma vez que a economia norte-americana já começa a dar sinais de resfriamento.

A possibilidade de altas mais fortes das taxas nos EUA havia assustado investidores de mercados emergentes porque, tradicionalmente, esse movimento drena recursos desses países, já que aplicadores se sentem mais atraídos pelo retorno na margem maior e pela estabilidade do mercado de risco-base da comunidade financeira.

O resultado é um fortalecimento do dólar, uma vez que mais investidores convertem suas divisas de origem para a dos EUA.

Com as reavaliações iniciais sobre os passos do Fed, contudo, operadores passaram a desmontar parte das posições construídas em cima da tese de aperto monetário mais contundente, o que tem ditado uma correção do dólar.

Aqui, a cotação recua 7,63% desde a máxima de fechamento de 5,1554 reais de 9 de maio, a mais alta desde meados de março. No exterior, o dólar já cai 3,1% desde os picos em 20 anos alcançados duas semanas atrás.

"Hoje saiu o dado do PIB americano, que veio um pouco mais fraco e alimentou no mercado esperança de um Fed mais brando", disse Felipe Steiman, gerente comercial da B&T Câmbio, para quem o mercado segue se movimentando "muito com o sentimento sobre o Fed".

"A eleição (de outubro no Brasil) sem dúvida vai trazer volatilidade, mas sem dúvida o assunto do momento são os juros americanos, até onde eles vão", completou.

No curtíssimo prazo, a queda recente do dólar pode atrair algumas compras, pelo menos é o que indicam alguns indicadores técnicos. A linha da taxa de câmbio tem tangenciado a curva inferior das Bandas de Bollinger, uma ferramenta de análise técnica de volatilidade, sem romper definitivamente os suportes, o que pode ser lido como algum esgotamento da força vendedora.

Associado a um índice de força relativa de 14 dias (IFR-14) em 37 (próximo, portanto, de 30, abaixo do qual um ativo é considerado excessivamente fraco), a moeda pode passar por algum ajuste antes de voltar a cair, a julgar por recentes episódios semelhantes.

Dólar cai 1,23% e vai a R$4,7619, mínima em mais de um mês, sob pressão externa
 

Artigos Relacionados

Dólar fecha em alta de 0,61%, a R$5,2671 na venda
Dólar fecha em alta de 0,61%, a R$5,2671 na venda Por Reuters - 28.06.2022 20

Por Luana Maria Benedito SÃO PAULO (Reuters) - O dólar fechou em alta contra o real nesta terça-feira, no maior patamar em quase cinco meses, depois que dados fracos sobre a...

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (6)
Roberto Vbr
Roberto Vbr 26.05.2022 23:25
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Acho que quem escreveu a matéria não se deu ao trabalho de olhar o gráfico do ativo... Se pressão externa significar que o mercado está buscando a mínima de Março de 2020, algo que todo mercado faz quando retrata uma crise e a mesma atenua, ok. Então vamos intitular o movimento comum de mercado como "pressão externa". No restante? É o mercado agindo como sempre  fez desde que começou a existir.
Rosildo da Silva
Rosildo da Silva 26.05.2022 20:37
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Com Lula 13 na frente consolidado, surtindo efeitos positivos no câmbio.
Mant Newmann
Mant Newmann 26.05.2022 18:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Quando o Bozo ixquirdixta virou liberal??? Bozo é contra a PPI da PBR e quer usar ela para roubalheira e fins eleitoreiros, Lula tb. Bozo é contra o teto de gastos, Lula tb. Bozo quer tributar grandes fortunas e criar um novo imposto para alimentar a roubalheira e populismo, Lula tb. Bozo diz que a culpa é da Globo, Lula tb. Bozo acusa a justiça de injusta, Lula tb. Bozo faz armação com o Centrão, Lula tb. Bozo votou contra o fim do monopólio da PBR, o PT tb. Bozo votou contra TODAS as reformas da previdencia, tributária e trabalhista enquanto era congresista, PT tb. Bozo votou contra a privatização da Vale, PT tb. Bozo defende o ditador russo, Lula tb. Bozo é a favor de auxilio eleitoreiro, Lula tb. Bozo nunca tem culpa de nada, Lula tb. BOZO = LULA = LADRÃO POPULISTA
Paulo Conceição
Paulo Conceição 26.05.2022 18:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Cala essa boca retardado kkk
Mant Newmann
Mant Newmann 26.05.2022 18:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Paulo Conceição  Esta nervosinho com a verdade dos fatos??? Dobra a dose do seu supositorio de cloroquina com leite condensado e vermifugo para acalmar. Lembra que é um de cada vez, não se empolga.
Carlos Zanetti
Carlos Zanetti 26.05.2022 18:23
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
essa Reuters é brincadeira, povim esquerdista, olha a frase: "sob pressão externa" , "mínima em mais de um mês " , e de dar risada
Michel Kamikoga
Michel Kamikoga 26.05.2022 18:18
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bolsomito!
Almeida Galvão
Almeida Galvão 26.05.2022 17:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Bolsonaro2022 no primeiro turno!
Rodrigo Leite
Rodrigo Leite 26.05.2022 17:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Nao ganha nunca prefiro ladrao e a comida barata
José Raimundo Dos Santos
José Raimundo Dos Santos 26.05.2022 17:22
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail