Junte-se a +750 mil investidores que copiaram as ações das carteiras dos bilionáriosAssine grátis

2 ETFs Agrícolas Podem se Beneficiar com a Alta da Inflação

Publicado 14.02.2022, 15:38
DE
-
BAYGN
-
SB
-
ZS
-
ZW
-
ZC
-
IQCD
-
TAGS
-
VIX
-
CORN
-
WEAT
-
FTAG
-
SOYB
-
BASFY
-
BAYRY
-
CANE
-
NTR
-
DEEC34
-

Em janeiro, o índice de preços ao consumidor (IPC) subiu nos EUA, com destaque para as regiões urbanas (IPC-U), que registrou alta de 0,6%. A inflação alcançou 7,5%, maior patamar em quatro décadas.

Como mostra uma análise detalhada do relatório oficial, “o índice de alimentos subiu 0,9% em janeiro”. Além disso, de acordo com o índice de alimentação em casa, o segmento de bebidas não alcoólicas foi o único grupo de supermercado a registrar estabilidade de preços. O valor de todos os outros produtos subiu.

Agora, economistas e consumidores estão de olho nos níveis de inflação anunciados pelo Departamento de Trabalho. Muitos debatem se o dado atingirá o pico no início de 2022 e depois se retrairá. No entanto, todos estão convencidos de que já estamos no topo, como evidencia a volatilidade do mercado acionário e o sentimento negativo em Wall Street.

Enquanto isso, analistas também prestam atenção ao índice de preços de alimentos (FFPI, na sigla em inglês) anunciado pela Organização de Alimentos e Agricultura das Nações Unidas. O FFPI mede “a mudança mensal nos preços internacionais com base em uma cesta de commodities alimentícias”. Em janeiro, o índice subiu 1,1% em relação ao mês anterior.

A média de cinco grupos de commodities considerados no cálculo do FFPI inclui os índices de preços de óleo vegetal, cereais, laticínios, carne e açúcar.

Em outras palavras, os preços dos alimentos estão disparando em todo o mundo. Por isso, apresentamos no artigo de hoje dois fundos negociados em bolsa (ETFs) que podem interessar a investidores em busca de retornos nesse ambiente inflacionário. Recentemente também cobrimos outros fundos relacionados.

1. First Trust Indxx Global Agriculture

  • Preço atual (US$): 32,05
  • Média de 52 semanas: 28,61 - 32,75
  • Retorno do dividendo (Yield): 1,50%
  • Taxa de administração: 0,70% por ano

Uma pesquisa recente de George Silva, da Universidade do Estado de Michigan, sugere que “a produção agrícola mundial precisa subir cerca de 60-70% em relação aos níveis atuais para satisfazer a maior demanda por alimentos em 2050”.

Por isso, Wall Street presta bastante atenção ao setor. O First Trust Indxx Global Agriculture (NASDAQ:FTAG) investe em empresas do setor agrícola. Essas empresas podem ser fabricantes de químicos e fertilizantes, produtores de sementes ou distribuidores de equipamentos e maquinário para fazendas. O fundo tem como foco empresas que estão melhorando a produtividade da agricultura. Ele foi listado em março de 2010.

FTAG diário

O FTAG possui 51 participações e rastreia o índice Indxx Global Agriculture. As 10 principais participações do fundo correspondem a 58% do seu patrimônio de US$9,3 milhões. Por isso, trata-se de um fundo pequeno.

Em termos subsetoriais, temos materiais (53,61%), indústria (29,45%), saúde (8,61%) e produtos básicos de consumo (5,98%). Cerca de 29% das empresas têm sede nos EUA. Em seguida vem Alemanha (22,70%), Japão (7,90%), Índia (7,19%), Canadá (6,78%) e Catar (4,83%), além de outros países.

Entre os destaques da carteira estão: a gigante da indústria química BASF (OTC:BASFY); a fabricante de equipamentos agrícolas Deere (NYSE:DE) (SA:DEEC34); a fornecedora de insumos agrícolas Nutrien (NYSE:NTR); a farmacêutica alemã Bayer (DE:BAYGN) (OTC:BAYRY); e a Industries Qatar (QA:IQCD), com foco em petroquímicos, fertilizantes, energia e aço.

O ETF subiu 10,5% nos últimos 12 meses e 5% no acumulado do ano. Os múltiplos de preço-lucro e preço-livro (valor contábil) são 15,17x e 2,07x. O FTAG pode ser adequado para investidores que querem ter exposição acionária ao setor agrícola.

2. Teucrium Agricultural Fund

  • Preço atual (US$): 28,67
  • Média de 52 semanas: 21,36 - 29,06
  • Taxa de administração: 0,18% por ano

Nosso próximo fundo é o Teucrium Agricultural Fund (NYSE:TAGS) que fornece exposição aos preços do milho, trigo, soja e açúcar no mercado futuro. O fundo começou a ser negociado em março de 2012 e possui um patrimônio de US$12,5 milhões.

TAGS diário

O TAGS atualmente investe em outros quatro fundos em quantidades iguais. São eles:

  • Teucrium Corn Fund (NYSE:CORN) – alta de 9,1% no acumulado do ano;
  • Teucrium Soybean (NYSE:SOYB) - alta de 16% no acumulado do ano;
  • Teucrium Sugar (NYSE:CANE) – queda de 3% no acumulado do ano;
  • Teucrium Wheat (NYSE:WEAT) - alta de 4,3% no acumulado do ano.

O TAGS retornou 27,5% nas últimas 52 semanas e 6,4% no acumulado do ano. Em outras palavras, 2021 foi um excelente ano para o ETF e 2022 também começou com tudo. Os leitores interessados nos grãos podem querer pesquisar melhor o fundo.

 

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.