Últimas Notícias
0

A Ameaça Chinesa: Governos e Bitcoins

Por Investing.com (Jamil Civitarese/Investing.com)Criptomoedas10.10.2018 12:33
br.investing.com/analysis/a-ameaca-chinesa-governos-e-bitcoins-200223203
A Ameaça Chinesa: Governos e Bitcoins
Por Investing.com (Jamil Civitarese/Investing.com)   |  10.10.2018 12:33
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

Como sempre afirmo, a maior beleza do Bitcoin é a independência de governos e organizações centrais. Isso se dá por meio da descentralização e do protocolo de consenso criado por Satoshi Nakamoto. Na visão descrita por Satoshi em seu white paper, havia uma crítica ao sistema de reservas fracionárias; no primeiro bloco do Bitcoin havia uma inscrição criticando esse aspecto do sistema bancário e sua relação com governos.

Entretanto, desde a criação por Satoshi, as coisas mudaram. As placas ASIC chegaram e aumentaram a concentração de mercado do Bitcoin por meio da criação de custos fixos para a mineração. Outras economias de escala e energia elétrica formaram mais um tipo de concentração: a em lugares com energia elétrica barata. O país que mais se destacou nisso foi a China. Cerca de 80% do hashpower do Bitcoin vem de seis mineradores; cinco deles estão no gigante asiático.

Pode-se ver que há fatores geopolíticos que podem vir a prejudicar o Bitcoin. Apesar da proeminência do mercado de mineração e produção de ASICs, a China é extremamente volátil quanto ao que fazer com as criptomoedas. Já houve banimentos completamente draconianos da tecnologia e, por isso, criptomoedas como, por exemplo, a NEO tiveram grande destaque justamente por serem chinesas e possivelmente mais próximas de pautas as regulações do governo.

No dia 5 de outubro, saiu um artigo no repositório ArXiv a respeito do poder descomunal da China na manutenção do Bitcoin. O artigo é extremamente interessante por mapear os possíveis ataques do governo chinês ao Bitcoin e demais criptomoedas onde ele tenha poder. Além do mais, esses resultados são relacionados a motivações para a China realizar esses ataques e evidências de que ela já tenta influenciar o desenvolvimento do mercado quando necessário.

Para recapitular os potenciais impactos da China, podemos lembrar que reguladores emitiram decretos políticos para influenciar diretamente exchanges e setores de mineração; eles também afetam o Bitcoin indiretamente através de externalidades como os preços da energia. Sua estrutura de vigilância da internet permite bloqueio de exchanges e sites relacionados a ICOs e criptoativos. Apesar desse passado, julgo que os motivos da China para ataques são, no curto prazo, improváveis; ideologia, controle de lavagem de dinheiro, controle financeiro e ataques a países dependentes não parecem justificar o mal-estar internacional de atacar uma tecnologia que o Ocidente está olhando de maneira razoavelmente positiva.

Por fim, recomendo a leitura desse artigo. As motivações listadas, ainda que improváveis, dão uma dimensão da geopolítica do Bitcoin. Acompanhar a evolução da posição da China frente aos temas que a motivariam é fundamental para evitar surpresas. Como sempre, “o preço da liberdade é a eterna vigilância”: as criptomoedas, como ferramenta para um mundo descentralizado e investimento, pode vir a ter oponentes poderosos. Saber quando sair, portanto, pode ser importante para retornos positivos em todas as frentes.

A Ameaça Chinesa: Governos e Bitcoins
 

Artigos Relacionados

A Ameaça Chinesa: Governos e Bitcoins

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias ou ataques pessoais dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários
Helliton Soares Mesquita
Helliton Soares Mesquita 11.10.2018 11:01
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Que leitura rasa. A china sempre tentou banir o Bitcoin sem sucesso. Além disso, existe um movimento dos políticos, para tornar legal o Bitcoin como investimento. Isso, se deve ao fato deles estarem comprando muito Bitcoin.
Responder
1 0
Anderson Silva
Anderson Silva 10.10.2018 15:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
E se os mineradores deixarem a China, muda algo no cenário?
Responder
2 0
Mauricio Muruci
Mauricio Muruci 10.10.2018 15:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
mas é na China que se encontram os grandes clusters de energia elétrica barata que justificam o emprego da grande capacidade computacional que é necessária para liderar a oferta de mineração. E a energia elétrica é "barata" exatamente por existir uma relação entre governo (provedor da energia eletrica dr baixo custo) e mineradores, que usam a grande capacidade computacional que também é governamental.
Responder
2 0
Julius Durand
Durand 10.10.2018 15:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Mauricio Muruciresumindo queira ou nao o governo tem o controle. Na verdade nada neste mundo vai estar for do controle de algum governo.
Responder
1 0
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Registrar-se com Google
ou
Registrar-se com o e-mail