Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Banco Central Europeu e Fed Divergem na Resposta à Inflação

Por Investing.com (Darrell Delamaide/Investing.com)Resumo do Mercado14.02.2022 10:30
br.investing.com/analysis/banco-central-europeu-e-fed-divergem-na-resposta-a-inflacao-200447741
Banco Central Europeu e Fed Divergem na Resposta à Inflação
Por Investing.com (Darrell Delamaide/Investing.com)   |  14.02.2022 10:30
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

James Bullard, presidente da sucursal do Federal Reserve em St. Louis, é membro votante do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) neste ano e deseja que as autoridades monetárias dos EUA elevem a taxa básica de juros em um ponto percentual até julho.

Até lá, o Fomc realizará três reuniões: 15-16 de março, 3-4 de maio e 14-15 de junho. Se a visão de Bullard prevalecer, o comitê terá que elevar as taxas de overnight dos fundos federais em pelo menos meio ponto percentual, considerando que as elevações das duas reuniões subsequentes sigam o padrão de 25 pontos-base.

Como disse Bullard à Bloomberg:

“O momento certo disso, não acredito que seja crítico, já que a ideia é começar o movimento de remoção da acomodação em breve".

Em outro sinal de maior rigidez, Bullard também deseja começar a reduzir o enorme portfólio de títulos do Fed no segundo trimestre. “Gostaria de resolver a questão no comitê. Quem sabe consigamos implementar isso no segundo trimestre”, disse ele.

Bullard sugeriu que houve uma época em que o Fomc teria elevado os juros em 25 pontos-base “imediatamente”, ou seja, na sexta-feira, um dia após o índice de preços do consumidor atingir 7,5% no ano. O Fed pode atuar entre as reuniões agendadas e, de fato, fez isso ao rebaixar os juros com o surgimento da Covid-19.

Não se trata de gerar pavor e pânico, disse Bullard, que não acredita que os mercados entrariam em rebuliço com essa tática. Mas o rendimento da nota de 2 anos do Tesouro americano já havia subido para 1,34% no início da sexta-feira, observou, o que indicava que os mercados já haviam precificado suas projeções para a ação do Fed.

Movimentos graduais do Fed vs. postura de “esperar para ver” do BCE

Se as duas medidas não evitarem que a inflação continue alta até meados do ano, bem, ainda temos o segundo semestre de 2022, quando o Fed pode fazer mais, disse Bullard efusivamente.

“Temos a inflação mais alta em 40 anos, e acredito que precisamos ser muito mais humildes e reativos aos dados do que fomos na última década, pré-pandemia”.

A chefe do Fed de São Francisco, Mary Daly, disse, no domingo, que as elevações dos juros devem ser “graduais” e responder aos dados. “A história nos mostra que uma política abrupta e agressiva do Fed pode ter um efeito desestabilizador dos preços e do crescimento que estamos tentando alcançar”, afirmou no programa Face the Nation, da CBS.

Daly, que não é membro votante neste ano, não estava necessariamente falando sobre a reunião de março em si, mas sobre o caminho que o Fed deveria seguir ao longo do ano. Ela não é a favor de um movimento em março, mas recomenda esperar para ver o que acontece.

Quando até mesmo uma autoridade “dovish” como Daly se mostra preparada para elevar juros em março, o Fed se coloca em posição completamente oposta ao Banco Central Europeu, cuja presidente, Christine Lagarde, reconheceu apenas recentemente que poderia haver uma elevação de juros neste ano.

O chefe do Banco Central da Irlanda alertou, em uma entrevista publicada no domingo, que seria um erro presumir que o Banco Central Europeu começaria a elevar os juros em junho.

Gabriel Makhlouf, que é membro ex-officio do conselho dirigente do BCE, disse ao Financial Times que as autoridades monetárias terão cuidado para não prejudicar a recuperação econômica da Europa.

“A ideia de que podemos elevar os juros em junho me parece ser bastante irrealista. Acredito que existe uma pequena diferença entre o calendário com o qual estamos trabalhando e o que alguns participantes do mercado têm em mente”.

As autoridades do BCE não sabem ao certo se a inflação na Europa é durável, embora a zona do euro tenha registrado um aumento de preços de 5,1% no ano até janeiro.

Philip Lane, antecessor de Makhlouf no banco central irlandês e atual economista-chefe do conselho executivo do BCE, disse, na semana passada, que a inflação na zona do euro se acalmará sem qualquer aperto significativo da política monetária.

Ao escrever no blog do BCE, Lane afirmou:

“Como os gargalos serão eventualmente resolvidos, as pressões de preço devem diminuir, e a inflação, retornar para sua tendência, sem a necessidade de um ajuste significativo da política monetária”.

Para Lane, os distúrbios nas cadeias de fornecimento que estão elevando os preços na Europa são apenas resultado de um choque externo, e o aperto da política monetária só adicionaria um segundo choque, ao reduzir a demanda doméstica. Ele alertou que efeitos de “segunda rodada” da disparada inicial de preços em outros setores e salários exigiam um monitoramento cuidadoso, mas eles deveriam se dissipar, concluiu.

Joachim Nagel, novo presidente do banco central da Alemanha, não está tão confiante. Nagel, que também é membro do conselho de política monetária do BCE, disse que seria a favor de um aperto da política se a inflação continuasse alta, encerrando as aquisições de títulos ao longo do ano e elevando os juros ao final do ano.

Isabel Schnabel, integrante alemã do conselho executivo do BCE, composto por seis pessoas, mostrou-se de certa forma menos rígida que seu conterrâneo, ressaltando a necessidade de elevar juros diante da evidência de que as pessoas já estavam começando a esperar uma inflação mais alta.

 

Banco Central Europeu e Fed Divergem na Resposta à Inflação
 

Artigos Relacionados

Banco Central Europeu e Fed Divergem na Resposta à Inflação

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail