Garanta 40% de desconto
⚠ Alerta de Balanço! Quais ações estão prontas para disparar?
Veja as ações no nosso radar ProPicks. Essas estratégias subiram 19,7% desde o início do ano.
Não perca a lista completa

Fique Rico (com a Bolsa) ou Morra “Tradando”

Publicado 13.02.2022, 07:55
Atualizado 29.08.2023, 23:01

Não, esse título não é um clickbait. A alusão ao filme biográfico que conta a história de Marcus (50 Cent), um traficante que sonhava em se tornar uma estrela do Rap, pode ter mais semelhanças com o mercado financeiro do que se pode imaginar.

Nos últimos 10 anos, com o avanço das redes sociais, os mentores, criptoanarquistas, traders profissionais e empresas de forex trading nunca estiveram tão presentes. Principalmente, graças aos avanços algorítmicos, àqueles que buscam atalhos para a riqueza.   

Podemos dividir esses atores do mercado financeiro em dois grupos:

O primeiro são pessoas que afirmam ter desenvolvido um método garantido de interpretação de padrões gráficos e que qualquer um que se dedique pode aprender. Com muito treino, você saberá a hora exata de comprar e vender vários ativos ao mesmo tempo, diariamente e alavancado em 100 vezes. Se você errar, provavelmente não treinou o bastante.

Nesse caso, compra o curso quem quer.

Já o segundo – criminoso – são os Ponzis modernos. Empresas fraudulentas que te convencem a investir em seus “produtos” garantindo rentabilidades mensais acima de 10%. Há uma série no Netflix (NASDAQ:NFLX) (SA:NFLX34) chamada “Explicando o Dinheiro”, que conta em detalhes como esses golpes funcionam. O mais comum é uma plataforma fake, mas com um nome tão poderoso e um trabalho de branding tão impecável que consegue convencer alguma subcelebridade (com a educação financeira de um cacto) a ser seu garoto propaganda.

O segredo está em te “ganhar” aos poucos. Você começa com 100 reais e vê na tela que em menos de um mês tem R$115. Decide por mais mil. No outro, vê esses R$1115 se tornando R$1300 e aporta mais 3 mil. Em 6 meses toda a sua reserva está lá. O negócio é tão bom que tem a genial ideia de fazer um empréstimo no banco pagando 4% de juros ao mês, afinal, o retorno na Turbo Forex Binary Coin é muito maior. O sonho acaba quando tenta resgatar o dinheiro e percebe ser impossível, pois na verdade, no momento de cada aporte, ele já não era mais seu.

Antes de começar a investir, é fundamental entender duas coisas:

1 - Não existe curva de aprendizagem na aleatoriedade. Não dá pra ser profissional em cara ou coroa. Quem faz day trade uma hora perderá dinheiro. Se estiver alavancado, então, pode perder dinheiro que não tem. Estudos realizados pela FGV demonstram que 97% dos daytraders realizam mais prejuízo que lucro ao longo de sua vida de apostador. Recomendo o documentário Money Doper$ (Viciados em Dinheiro), que mostra a vida de luxo construída... POR QUEM VENDE CURSOS DE DAY TRADE.  

2 – Não existe retorno garantido na renda variável. Se alguém te abordar prometendo 5, 10, 15% ao mês, tenha absoluta certeza que está tentando “pegar um pato”. Denuncie imediatamente na CVM – Comissão de Valores Mobiliários (0800-025-966).

Stephen Hawking disse certa vez: “A poluição, a ganância e a estupidez são as maiores ameaças ao planeta”. Arrisco afirmar que a ganância é a maior ameaça ao seu bolso.

Então, voltando ao título. Para ficar rico LICITAMENTE, não como rapper, mas na bolsa de valores é necessário desenvolver habilidades e seguir um método. Se eu tivesse que resumir em 3 palavras o que considero mais importantes para aumentar suas chances, seriam: destreza (obtida pelo estudo) para ter segurança nas tomadas de decisão; paciência para ver o tempo passar e as cotações acompanharem os resultados; recorrência nos aportes, para que seu resultado no longo prazo seja exponencial.   

Últimos comentários

análise tecnica só funciona para vender curso....e serve para dizer que o mercado pode cair, subir e andar de lado. Simples assim...vendedores de curso vão tentar te enrolar falando que existe uma lei de probabilidades e gerenciamento de risco mas isso e apenas para tentar te vender algum curso...qdo o mercado derreter igual aos anos de 2012 a 2015 eles vão dizer que não operar faz parte da estratégia.
A pergunta que fica se é impossível ganhar com Daytrade pq os grandes bancos operam todos os dias nos índices futuros? Analise gráfica é muito difícil, acertar sempre é impossível, mas se tiver controle emocional e gerenciamento de risco, vc saberá perder e saberá ganhar, mas não vai fuçar rico, vc ganhará proporcional ao seu saldo na corretora e os contratos que opera.
A resposta é óbvia: porquê os bancos são sellside!!!! A capacidade de um banco ou corretora de gerar volume transacional é absurda! QlOu vc acha que os "calls dos grafistas" existem pra fazer você ganhar dinheiro? Será que, muito antes de uma recomendação de LONG, a instituição que a soltou já não está compradassa no ativo ou derivativo?
A resposta é simples: não é impossível ganhar dinheiro no day trade. O que acontece é que querem fazer o público em um geral acreditar nisso. Análise técnica não é difícil, confesso que tem curva de aprendizado lenta da mesma forma que o tape reading. O que existe de fato é uma indústria do fracasso que vende a ideia de que day trade é para poucos, que se perde muito etc. Sugiro que estude o paradigma de negociação desenvolvido por Richard Demille Wyckoff (falecido em 1934) e que divulgou este mesmo método ao público em geral em 1910. Sobre banco ser "sellside" isso é falácia. Movimentos de mercado (clímax de compra ou venda. Resposta automática, range, uptrusht / empurrão/ falso rompimento de topo - , springs / molas / falsos rompimentos de fundo, testes de liquidez de venda e compra) e o real propósito de cada um deles são conhecidos e amplamente estudados nos mais diversos ativos e derivativos há anos.
Qualquer um que aprenda o que é oferta versus demanda, esforço versus resultado e causa e efeito (a força que um ativo ou derivativo toma ao seguir em uma direção de alta ou baixa e o porque desta mesma) saberá quando entrar e quando sair de uma negociação, assim como saberá quando não deve entrar em um movimento de queda ou alta identificando a falta de apoio profissional (bancos, corretoras, instituições financeiras) que sustentam este mesmo movimento.
Esse negócio de usar percentual pra dizer que traders só perdem não cola!!! Quantos % dos que se formam engenheiros se tornam de fato engenheiros??? Se dissesse que o percentual dos que se tornam é de fato bem baixo??? E a medicina??? Quantos % se tornam médicos??? também não é a maioria!!! As faculdades de engenharia e medicina como tão??? Não me parece que tá diminuindo os cursos!? ou tô equivocado??? É sim possível ter sucesso em operações day trade!! Mas é preciso muita dedicação e estudo!!! O médico estuda a vida toda!!! O Engenheiro de sucesso quase 10 anos aí com pós graduação e especializações...então não se torna um trader de sucesso fazendo um cursinho online desses picaretas!!! É preciso muito mais!!! E é isso que as pessoas não entendem...
70% dos universitários se formam médicos, engenheiros e advogados. E ganham 5K/mês em média. Ou, dá pra ser 3% dos investidores que são traders e ganham em média 2K/mês. Onde estão as maiores chance de sucesso para as pessoas construírem uma carreira?
Estão no estudo. 70% dos universitários se formarem como médicos, engenheiros ou advogados não significa que este percentual garanta que estes sejam competentes em suas atribuições ou, que em dado momento de suas vidas, não tomem outro rumo profissional. A maior chance de ter sucesso em qualquer profissão é pensar por si mesmo(a) e não repetir argumento falacioso para alicerçar tese que não leva em conta a qualidade do profissional formado e nem de suas futuras expectativas.
ponto de compra, análise gráfica bem estudada, vai t ajudar muito....mas não é p qualquer um.
"destreza (obtida pelo estudo) para ter segurança nas tomadas de decisão;" Estamos aqui diante de uma contradição clara. O mercado como dito na matéria é de renda variável então ninguém por mais habilidoso que seja terá segurança que ao entrar em uma negociação obterá lucro. O que há de fato é estudo de probabilidade e controle de perdas e ganhos Mais do que isso é apenas sonho.
seus exemplos são clássicos ativos anti-value investing: uma empresa mista num país historicamente estatista e extremamente populista e uma resseguradora cujo negócio nunca realmente me convenceu. Muito antes do Aché encontrar as "pedaladas" em seus balanços. Estudo te dá a destreza de pensar em segundo nível, como teoriza Marks, ampliando suas análises não apenas sobre o balanço mas tampem sobre práticas da controladoria e cultura organizacional. Bazim dizia que não se pode comprar uma empresa sem antes visitar sua fábrica, olhar nos olhos dos funcionários e visitar seu refeitório. Escrevo muito sobre análise qualitativa. Governança e independencia, na minha visão, são aspectos fundamentais na tomada de decisão. Aspectos esses que as empresas que citou como exemplo passam longe da excelência.
sobre o a Petrobras ser "anti value investing" é uma opinião sua no atual momento. Poderia me demonstrar algum artigo, comentário ou aviso de sua parte para os demais quanto ao risco de aportar recursos na Petrobras na época que citei? Sim, porque os indicadores fundamentalistas na época praticamente demonstravam que quem não comprasse o papel da empresa estaria quase que perdendo o "negócio do século". No tocante a "visitar a fábrica antes antes de comprar a empresa", convenhamos: qualquer um poderia na época visitar a mesma, saber de sua cultura organizacional e, nem por isso, deixaria de passar apuros como escrevi antes... Sobre a resseguradora, novamente estamos diante da origem desta conversa: sua opinião. Mas não li nenhuma linha de artigo seu, e pode ser descuido de minha parte, demonstrando e fundamentando a sua aversão à mesma para os demais, além do fato de tal aversão ser um direito seu de opinião, mas antes de achar as "pedaladas" fato concreto não havia.
 "Aspectos esses que as empresas que citou como exemplo passam longe da excelência." o que peço é a prova na qual se fundamenta esta mesma opinião.Opinião todos temos, provas que as alicercem já é mais difícil. Aliás quando citou que 97% das pessoas perdem dinheiro no day trade não citou que o 4º perfil de profissional, na mesma pesquisa, que também perdia dinheiro eram economistas (o 1º era estudante, o 2º médico e o 3º advogado). O 1º, 2º e 3º até é compreensível, mas o 4º confesso, me surpreendi.
"O primeiro são pessoas que afirmam ter desenvolvido um método garantido de interpretação de padrões gráficos e que qualquer um que se dedique pode aprender. Com muito treino, você saberá a hora exata de comprar e vender vários ativos" Não li o autor citar que há também analistas certificados que indicam investimentos aos seus clientes e estes, os clientes, também perdem dinheiro. Então tenhamos bom senso, todos perdem dinheiro quer seja realizando day trade, swing trade ou buy hold. Basta ter gerenciamento de risco. Até aqui nenhuma novidade, até porque, mesmo os bancos e grandes instituições financeiras perdem dinheiro.
Meu caro, o fato de existir uma certificação de analista CNPI-T, não significa que a análise técnica deva ser usada para daytrade. Ela é mais uma ferramenta que, somada à outras destrezas, como domínio de conceitos sobre macroeconomia, te ajudam a entender, via fluxo, o momentum de um ativo. O resto, é bola de cristal.
creio que o senhor não leu completamente o meu texto. Em nenhuma parte do mesmo eu citei que ou deixei a entender qual seria a ferramenta de análise usada pelo analista. O que deixei claro foi: não é somente as pessoas que realizam day trade que perdem dinheiro. Perdem também dinheiro bancos, instituições financeiras e analistas ainda que estes tenham "destreza" acerca dos conceitos de macroeconomia. Tanto isso é verdade que o 4º profissional que desiste do day trade na mesma pesquisa que afirma que 95% perdem dinheiro nesta atividade, são justamente, economistas. Sejamos francos: sua intenção foi clara até pelo título que deu ensejo ao artigo. Desacreditar o day trade, negando o fato de 5% das pessoas segundo a mesma pesquisa ganham dinheiro por esta atividade dando a entender que somente os que realizam trade position ou negociação por análise dos fundamentos da empresa ganham.
"O primeiro são pessoas que afirmam ter desenvolvido um método garantido de interpretação de padrões gráficos e que qualquer um que se dedique pode aprender. Com muito treino, você saberá a hora exata de comprar e vender vários ativos" Pelo visto nunca ouviu falar de Richard Demille Wyckoff que desenvolveu, enquanto em vida e ativo no mercado de ações ainda no início do século 20, um paradigma de negociação válido e confirmado desde de 1910 até os dias atuais. Então colocar todos os pseudo educadores. Vale lembrar que na época acima citada, alavancagem não existia.
Boa analise , a maioria dos vendedores de altas rentabildiades são espertalhoes q querem que vc de alguma forma pague uma mensalidade para eles ( esse sim é um bom negocio )
Muito sóbria a análise e atrai exatamente para esse tipo de "aconselhamento".
Não existe profissão que seja fácil a ponto de se tornar hábil sem dedicação, estudo, resiliência e paciência. O problema é que a maioria das pessoas se iludem com os vendedores de cursos, mas como bem ressaltado, se a coisa der errada, não foi culpa do curso e sim da forma como foi estudada. Daí o daytrader põe a culpa em tudo: no mercado, no cachorro que latiu, nas conversas paralelas, enfim, menos nele que se dedicou tempo suficiente antes de começar a operar. Se existe 3% de pessoas que conseguiram, acredito que exista um "gate" possibilitando alcançar o objetivo, basta apenas estudar, estudar, estudar, estudar, estudar e ser resiliente. Pois como disse no início, não existe profissão fácil de se aprender em curto espaço de tempo. Esta é a minha opinião!
Day trade é o cemitério do malandro.
Verdade, mais que faz continuar as pessoas acreditar é ver esse valor de 97% che ta na perca isso quer dizer ao longo de 10 anos o 100%....O seja impossivel a nivel matemático. Por isso aconselho querendo desminuir a profissão utilizar % ruins, mais menso de impacto.
Excelente artigo!
Esse artigo pode ser considerado de utilidade pública de tão importante que foi a mensagem. Parabéns Rodrigo
Excelente orientaçao
Ótimo artigo, toda profissão requer tempo de evolução. E ser Day Trader não é diferente. Os 97% que a pesquisa a pesquisa da FGV se refere não deixa claro o tempo de experiência e conhecimento de mercado financeiro, os pesquisados tinham. Sem dúvidas esses vendedores de cursos e os influenciados em dinheiro fácil vão manter esse índice altos. mas quando pesquisarem de fatos profissionais que se dedicam de verdade ao Day Trader e operam em mercados regurlarmentado por órgãos de seu país ou o país que a sua corretora se encontra. Os dados vão ser diferente.
Mensagem simples e direta. Nao tem formula magica ou atalhos. Parabens, Rodrigo!
Hfhj
Um dos melhores artigos que li nos últimos tempos sobre o assunto. Parabéns!!!
Parabens pelo artigo
Eu já desisti do trading faz algum tempo. A melhor aposta é investir em companhias que dão lucro. As Blue Chips não são Blue Chips por acaso.
Excelente comentário. O segredo é: estudo, estratégia e paciência. O resultado final é incrível!
Daytrade, é uma profissao arriscada, mas para quem realmente se dedicar, vai ter muito sucesso o problema é a ganacia das pessoas, tendo um gerenciamento 2 para 1 ou 3 para 1 pode sim ter mais prejuizo, mas no fim do mes saira positivo.
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.