Libere dados premium: até 50% de desconto InvestingProGARANTA JÁ SUA OFERTA

Investimentos Alternativos ao IBOV no Presente Cenário Econômico Mundial

Publicado 24.08.2019, 12:28

Caros leitores,

Neste artigo abordarei as medidas internas adotadas pelo Poder Executivo e Legislativo, bem como sobre o cenário econômico externo, conforme se apresentará a seguir.

A priori, cabe mencionar que o Brasil intenta medidas com o objetivo de equilibrar as contas públicas, por meio do ajuste fiscal.

Em que pese o Brasil caminhar com o seu ajuste fiscal que é imprescindível para possibilitar crescimento econômico no próximo ano de 2020, ainda assim a economia interna sente os efeitos da guerra comercial externa, bem como a desaceleração da economia mundial.

Isto é verificável por meio do IBOV, sendo que desde 11.07.2019, por meio de análise do gráfico diário iniciou movimento de baixa, consoante se infere no canal traçado, além das confirmações por meio de leitura do MACD, CCI/MA e volume demonstrando a força vendedora sobre os ativos do IBOV, vide:

IBOV DIÁRIO

A confirmação do movimento baixista no médio prazo se verifica por meio de leitura do gráfico semanal, em que traçando-se Fibonacci, infere-se que o IBOV tocou a linha de suporte de 50% (97.343,71 pontos), vide:

IBOV SEMANAL

Se, por ventura, houver rompimento do aludido suporte o IBOV caminhará em direção aos 95.155,84 pontos, consistindo na linha de expansão do movimento de baixa em 61.80%. Além disto, o MACD já sinaliza movimento de baixa, que já foi apontado pelo CCI/MA em 22.07.2019.

Quanto ao gráfico mensal do IBOV, verifica-se incertezas quanto aos próximos movimentos, visto que ainda permanece no canal de alta, bem como está andando dentro da banda superior do Keltner Channel, contudo o CCI/MA, indicou neste mês possível início ao movimento de baixa, veja:

IBOV MENSAL

Tais incertezas que marcam o andamento do IBOV no longo prazo é proveniente do cenário econômico externo, em que a China impôs tarifas a produtos norte-americanos em retaliação às sanções norte-americanas. Some-se a isto a contração da atividade econômina na Alemanha em 0,1% e China, além de crise câmbial na Argentina, entre outros fatores externos.

Ciente do cenário mundial cujas economias apresentam inversão da curva de juros, sem movimentos de crescimentos da inflação de bens e serviços, infere-se um cenário de possível recessão econômica que está por vir.

Ademais, é notório que o investidor é avesso a risco, desta forma, tenderá a realizar investimentos que demonstrem maior segurança e rentabilidade, caso a recessão econômica mundial se confirme.

Dentre estes investimentos estão a aquisição de dólares americanos, cujo movimento de alta se iniciou em 25.07.2019, estando o dolar comercial quotado a R$ 3,7788, superando nesta sexta-feira (23.08.2019), resistência de R$ 4.097, vide:

DOLAR DIARIO

Sendo que o CCI/MA indica manutenção do movimento de alta, além do fato do dolar estar caminhando na banda superior do Keltner Channel. Assim, a aquisição de dolar, ou o investimentos de fundos cambiais atrelados à moeda norte americana devem conferir ao investidor rentabilidade neste período de diminuição da atividade econômica mundial.

OURO1

O mesmo crescimento se verifica na aquisição de contratos derivados ao Ouro, (OZ1D e OZ2D), cujo movimento de alta, também, iniciou-se em final de julho/2019, vide:

OURO2

Portanto, apresenta-se análise com o objetivo de contribuir a análise de custo-benefício realizada pelo investidor na opção dos seus investimentos, de modo que, não assuma investimentos cujos riscos são maiores do que o retorno esperado.

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.