🚀 Escolhas por IA em junho seguem subindo, com Adobe +18.1% em 11 dias. Não perca as ações de Julho.Acesse aqui

O reinado da Apple(AAPL34): Por quanto tempo mais?

Publicado 18.09.2023, 17:40
T
-
MSFT
-
AAPL
-
IBM
-
GE
-
AAPL34
-

No mundo dos negócios, assim como no esporte, ninguém pode ser campeão para sempre. A Apple (NASDAQ:AAPL), que há muito tempo reina como a maior empresa do mundo em valor de mercado, está começando a enfrentar desafios que levantam a questão: por quanto tempo mais a Apple poderá manter seu reinado?

Nos anos 1980, a maior empresa em valor de mercado era a IBM (NYSE:IBM), com um valor de mercado que às vezes era o dobro do segundo colocado, que durante a maior parte da década foi a AT&T (NYSE:T) ou a Exxon. No entanto, as coisas mudaram, e hoje a Exxon é a 17ª maior empresa do mundo.

Ao entrar nos anos 1990, a General Electric (NYSE:GE) dominou boa parte da década, até que a Microsoft (NASDAQ:MSFT) assumiu o posto com o surgimento da internet e da mania dos computadores pessoais. Hoje, a General Electric está longe de seu auge.

À medida que avançamos no século 21, a Apple entrou no cenário, tornando-se a maior empresa do mundo em valor de mercado em 2012. No entanto, como a história nos ensina, esses reinados raramente duram para sempre.

O X da Questão

A Apple não está mais crescendo no mesmo ritmo de antes. Isso, por si só, não seria um problema, mas quando olhamos para o seu valuation, a situação se complica. A empresa está sendo negociada como uma empresa de crescimento, mas seus números recentes não refletem isso.

Em 2016, a Apple passou por um período de três trimestres consecutivos de queda na receita em relação ao ano anterior, devido à queda nas vendas do iPhone. Agora, em 2023, estamos vendo números semelhantes, com a receita trimestral caindo em comparação com o ano anterior.

Enquanto em 2016, a Apple tinha um valuation com um P/L entre 9 e 14, hoje, seu P/L futuro hoje está em torno de 27. Isso a coloca na categoria de empresas de crescimento, mas o crescimento previsto de 6%, de acordo com analistas do mercado, nos próximos dois anos não se parece com uma história de crescimento sólido.

Na minha opinião, para justificar um múltiplo desse a empresa precisaria crescer pelo menos a um ritmo de 2 dígitos.

Perspectivas futuras

A Apple precisa encontrar novas fontes de crescimento. Embora tenha lançado produtos como o Apple Watch, já se passaram oito anos desde o último grande lançamento da empresa. Especulações sobre o que a Apple fará em seguida têm sido muitas, mas até agora nenhuma delas se concretizou.

No entanto, existe um grande potencial de crescimento na Ásia, especialmente na Índia, que é o país mais populoso do mundo. Outros países da região também estão mostrando crescimento na classe média, o que pode impulsionar as vendas da Apple. No entanto, essa expansão levará tempo e é uma incógnita.

O segmento de serviços da Apple, que inclui a App Store, o Apple Pay e serviços de assinatura, tem desempenhado um papel cada vez mais importante nos resultados financeiros da empresa. A Apple agora tem mais de um bilhão de assinaturas pagas em seus serviços, o que é impressionante.

Essa expansão do ecossistema de serviços é uma estratégia inteligente, pois permite que a empresa monetize sua base de usuários existente de forma contínua. Embora exista um limite para quanto uma pessoa está disposta a gastar em serviços da Apple, esse é um caminho que a empresa pode explorar ainda mais.

O Poder Financeiro da Apple e o Orçamento de P&D

A Apple tem uma incrível capacidade de gerar fluxo de caixa livre, com mais de $100 bilhões anuais. Além disso, possui um dos maiores orçamentos de P&D do mundo, o que lhe dá a capacidade de inovar e se adaptar às mudanças do mercado.

Com esses recursos financeiros, a Apple tem espaço para errar e ainda se recuperar. Isso é uma vantagem significativa para a empresa.

Conclusão

Diante do valuation alto da Apple, é importante que os investidores ponderem cuidadosamente suas decisões. Embora a empresa continue a ser uma das mais sólidas e influentes do mundo, seu valor de mercado atual pode representar um desafio para novos investidores.

Para aqueles que já possuem ações da Apple, pode ser sensato manter sua posição no momento. A empresa tem um histórico impressionante de inovação e adaptação, e sua capacidade de gerar fluxo de caixa substancial oferece uma certa estabilidade mesmo em momentos de incerteza.

No entanto, para investidores em potencial, pode ser prudente esperar por uma oportunidade mais favorável de entrada no mercado. A Apple continua a explorar novas fontes de crescimento, especialmente em mercados emergentes, mas seu valuation atual pode não refletir adequadamente os riscos associados.

Últimos comentários

Carregando o próximo artigo...
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.