Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Qual Setor Pode Ajudar o Ibovespa a Seguir Batendo Recordes?

Por Carlos MullerAções07.06.2021 21:37
br.investing.com/analysis/qual-setor-pode-ajudar-o-ibovespa-a-seguir-batendo-recordes-200442437
Qual Setor Pode Ajudar o Ibovespa a Seguir Batendo Recordes?
Por Carlos Muller   |  07.06.2021 21:37
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 

“A bolsa vai seguir subindo, buscando novos e novos recordes?” Não faço a mínima ideia.

“Há espaço para seguir se valorizando?” Sem dúvidas.

Inicio o texto com essas duas perguntas e respostas para não frustrar ninguém que entrou no artigo buscando uma resposta definitiva. O número mágico não existe e muito menos a empresa do momento. Se eu falar que a bolsa irá a tantos mil pontos e que a empresa ABCD será o destaque, e por um acaso acertar em cheio, será mais sorte do que técnica. E isso não só comigo, mas com qualquer participante do mercado. Não se iluda.

Dito isso, semana passada escrevi sobre o quanto devemos focar nossa energia nas empresas, fundos de investimentos, em que alocamos nosso dinheiro. Tratei sobre o quanto o Ibovespa bater recordes, na realidade, não faz diferença na nossa vida.

Com a sequência de altas observadas na semana, o recorde da outra semana foi dia a dia sendo superado. Mudou alguma coisa? Nada.

“Então se a pontuação não faz diferença, por quê você faz um artigo falando sobre novos recordes?”

A realidade é que quando vemos o principal índice de ações brasileiro chegando em patamares cada vez maiores, é natural ficarmos com aquele receio de que estamos entrando no fim da festa ou termos aquela sensação de que estamos perdendo oportunidades. A intenção desse texto é mostrar que ainda temos empresas ou setores descontados e que, caso resolvam andar, novos recordes podem ser batidos.

Obviamente que entrar na bolsa aos 130 mil pontos não é a mesma coisa do que se posicionar aos 100 mil. Como já mencionado, com a bolsa em patamares maiores, a margem de risco está mais apertada e, portanto, a seletividade deve ser maior. Como a ideia aqui é pensar nos segmentos que ainda apresentam oportunidades quero apresentar alguns dados sobre composição e concentração do principal índice da bolsa brasileira. O gráfico abaixo mostra a composição do Ibovespa por setores, conforme classificação da bolsa:

A partir dele conseguimos imaginar o quanto algumas empresas ou segmentos podem impactar na variação do índice. Os setores financeiro, de materiais básicos e de petróleo e combustíveis representam 60% da variação do índice. São 31 das 84 ações do Ibovespa (36%) que “explicam” a maior parte da sua variação.

Quando pensamos na alta da bolsa no ano, o setor de materiais básicos sozinho explica metade da alta. Quando olhamos os 3 maiores, são 73% da elevação no ano.

Olhando pelo lado da concentração, a tabela abaixo mostra o quanto as 10 maiores ações (que representam 9 empresas), possuem de participação no índice e o quanto impactaram na sua valorização em 2021:

Os números são estimativas, mas ajudam a ilustrar o ponto que quero mostrar. As 10 maiores ações possuem mais de 48% de participação, ou seja, a oscilação de 12% dos papéis do índice impacta em metade da sua variação. Afunilando ainda mais, dos pouco mais de 9% que a “bolsa” está subindo no ano, 4% vêm só de Vale!

Olhando somente esse top 10, existem ações caras, mas na minha opinião a maioria ainda apresenta oportunidades. Somente o crescimento de lucros que está sendo apresentado por algumas delas já justificaria valorizações futuras e, portanto, Ibovespa em alta. Não estou dizendo se A, B ou C são as boas ou ruins porque não é este o propósito do artigo. Tenho habilitação para fazer recomendações de investimentos, mas a ideia é pontuar muito mais um cenário macro.

Seguindo essa lógica, e retomando os gráficos acima, vemos que um setor em específico não só está não está ajudando, como ainda prejudica em uma alta mais robusta do Ibovespa. As empresas classificadas de consumo cíclico ainda estão deixando a desejar.

Por quê isso?

Como consumo cíclico temos empresas ligadas ao consumo (Magazine Luiza (SA:MGLU3), Via (SA:VVAR3), B2W (SA:BTOW3), Lojas Americanas (SA:LAME4), Lojas Renner (SA:LREN3), CVC (SA:CVCB3) e Hering (SA:HGTX3)), construtoras (Cyrela (SA:CYRE3), MRV (SA:MRVE3), Eztec (SA:EZTC3) e JHSF (SA:JHSF3)), locadoras de veículos (Localiza (SA:RENT3) e Unidas (SA:LCAM3)), além do setor de educação (Yduqs (SA:YDUQ3) e Cogna (SA:COGN3)). Olhando essa classificação, fica fácil perceber que se tratam de empresas extremamente ligadas ao mercado interno e dependentes de um desempenho robusto do Brasil.

As empresas citadas são apenas aquelas que fazem parte do Ibovespa. O universo de oportunidades, se bem explorado, é ainda maior.

Semana passada tivemos a divulgação do PIB brasileiro. Os dados superaram positivamente as estimativas do mercado, levando várias casas a reverem suas projeções para o ano. Com um PIB forte, empresas ligadas ao mercado interno são favorecidas.

O processo de vacinação no país, por mais que não seja perfeito, corrobora também com essas revisões. Diversos estados brasileiros divulgaram calendários que preveem a população inteira vacinada até o final do ano. Se voltarmos alguns meses, vamos lembrar que o esperado era que esse cenário se concretizasse somente em 2022. Novamente, poderia ser melhor, mas não deixa de ser um cenário positivo.

Com a população amplamente vacinada, podemos imaginar uma volta à vida normal, vide o que já acontece em nações cujo processo de vacinação está mais avançado. A volta da ampla circulação das pessoas tende a favorecer o mercado interno. Com o consumo em alta, temos lucros crescendo e, se o resultado melhora, a valorização da empresa fica mais fácil de acontecer.

“Então está tudo certo? Posso comprar qualquer empresa ligada ao mercado interno?”

Lógico que não.

O fato dessas empresas ainda estarem devendo não é garantia nenhuma de valorização. É aquela história, nada está tão caro que não possa ficar mais, nem tão barato que o preço deixe de cair. Além de cada empresa possuir a própria história, não podemos descartar efeitos mais fortes que prejudiquem todo mundo.

Um deles não deixa de ser uma potencial terceira onda de contaminação no país. Alguns indicadores mostram aumentos nas taxas de transmissão, bem como elevação na ocupação dos leitos de UTI. Como já temos uma parcela importante da população vacinada, uma eventual terceira onda poderia ter efeitos menores do que as anteriores, ainda assim haveria algum impacto na economia.

Outro aspecto que deve ser monitorado é a crise hídrica que o país enfrenta. A maior parte da energia gerada/consumida no Brasil vem de usinas hidrelétricas. Por mais que hajam outras fontes, a matriz brasileira de geração é muito concentrada, elevando o risco de potenciais apagões ou, na melhor das hipóteses, elevação dos custos de energia. Qualquer um dos cenários prejudicaria o desempenho do nosso PIB.

Enfim, as oportunidades existem, bem como os desafios. Fazendo bem o dever de casa, as possibilidades de acerto aumentam. Investimento não é ciência de foguete, mas também não é jogo jogado. Se alguém disser que é fácil, que sabe a fórmula mágica, fique atento. Abraço e até o próximo!

Qual Setor Pode Ajudar o Ibovespa a Seguir Batendo Recordes?
 

Artigos Relacionados

Qual Setor Pode Ajudar o Ibovespa a Seguir Batendo Recordes?

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (16)
Silvio Modenese
Silvio Modenese 10.06.2021 22:04
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
gostei! parabéns
Silvio Modenese
Silvio Modenese 10.06.2021 22:04
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
gostei! parabéns
Paulo Rodrigues
Paulo Rodrigues 10.06.2021 9:38
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Parabéns.Excelente texto.
Paulo Rodrigues
Paulo Rodrigues 10.06.2021 9:38
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Parabéns.Excelente texto.
Michel Geiarf
Michel Geiarf 08.06.2021 23:33
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
parabéns Carlos pela análise realista!
Sergio Verginio
Sergio Verginio 08.06.2021 17:50
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Carlão , parabéns por esse artigo maravilhoso e muitíssimo exclarecedor !!!!
Marcelo Vilaça Rosa
Marcelo Vilaça Rosa 08.06.2021 9:44
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Parabéns pelo texto. Bastante informação e até leigos vão entender.
Alexandre da Rocha
Alexandre da Rocha 08.06.2021 9:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
interessante como sempre aparecem em artigos que deveriam ser técnicos, pitacos críticos ao governo. O resultado econômico do país, surpresa para todo o mundo, e mostrando a capacidade positiva de gestão do governo atual, não e citada, aí surge a opinião pessoal de um "especialista" em vacinação. Fale apenas do que você entende ou perca sua credibilidade, #ficadica
meu financeiro
meu financeiro 08.06.2021 9:41
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Michel Thomashuk Leis
Michel Thomashuk Leis 08.06.2021 7:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Teremos por fim o despertar da MGLU3!!!
Julio Santos
Julio Santos 08.06.2021 7:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
No caso do varejo, VVAR3 está descontada em relação a seus pares, e o mercado sabe disso, logo, VVAR3 se destacando nessa retomada da economia.
Alessandro Ribeiro
Alessandro Ribeiro 08.06.2021 7:30
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Carlos Muller você esta de parabéns pela LOGICA da alta do índice inserida neste texto. Obrigado.
Lineu Barros advogado
Lineu Barros advogado 08.06.2021 7:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
A questão da vacinação o maior erro foi ter começado com a Coronavac, esse desempenho péssimo dessa vacina em imunizar idosos é que está atrasando a redução das mortes pela doença em nosso país.
Mostrar respostas anteriores (1)
Fabio Machado
Fabio Machado 08.06.2021 7:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
rssss, outro advogado que também é médico
Albuquerque Tomaz
Albuquerque Tomaz 08.06.2021 7:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
a terra é plana
Darcio Souza
Darcio Souza 08.06.2021 7:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Uai, ia comecar por qual? Ou ia esperar morrer mais 500 mim pra comecar com a pfizer??? Pelo amor de Deus! Temos que dar gracas a Deus por ter a Coronavac, senao ja estariamos batendo 600 ou 700 mim mortos e a economia estaria ainda muito pior. Acorda!
Leonardo Cardoso
Leonardo Cardoso 08.06.2021 7:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Concordo, foi um erro ter começado com a coronavac, se não tivesse começado, ainda não teriamos nenhuma vacina. Esse Brasil (bando de aproveitador) devia ser extinto de vez como Sodoma e Gomorra. Se não é Politico roubando, é quadrilha de PIX, se não é os dois juntos, é tráfico de mulher, se não é os 3 juntos, é lagosta pra STF, leite moça pra Presidente e seus parça e auxílio emergencial de de 150,00 pro povo. (Vergonha de ser brasileiro).
Pedro Brandes
Pedro Brandes 08.06.2021 7:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
A questão da vacinacão é que temos mais de 40 milhões de doses em território nacional, porem não vacinamos nem 1 milhão de pessoas por dia, não conseguem sequer programarem uma logista decente, Brasil já vacinou 10 milhoes de pessoas em 1 dia. Enquanto isso nosso dinheiro é afetado, e a maior duvida do mercado externo com a nossa economia continua sendo o presidente e sua relacão com a pandemia e vacina. Ou foca na vacina ou a economia não volta a girar. E quero comentar antes de uma infeliz queda começar pra não acharem que não sei do que estou falando! 🤬😵‍💫
Alberto Júnior
Alberto Júnior 08.06.2021 5:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
BBAS3 - Banco do Brasil - Excelente oportunidade de entrada - Alvo R$ 68,00 ( Cotação atual - R$ 36,50 )
Fabio Roberto
Fabio Roberto 08.06.2021 5:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
banco podre.... só se privatizar logo
Alessandro Gagliardi
Alessandro Gagliardi 08.06.2021 5:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
compra lá
Cláudio Carvalho
Cláudio Carvalho 08.06.2021 5:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Sem noção… A ação do BB caiu quase 50% considerando o preço negociado antes da pandemia e o valor inicial pós pandemia. A Bolsa chegou a 65 mil pontos e hoje está em 130 mil pontos. Não vimosnpoder de reação das açoes do BB, mesmo considerando números bons de balanço. A possibilidade de interferência governamental e a entrada forte das Fintechs no mercado vão dificultar a manutencão do preço em R$ 37,00. Análise bem simplista mas real.
Fábio Henrique
Fábio Henrique 08.06.2021 5:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Muito difícil chegar a esse valor.
Roberto Camiza
Roberto Camiza 08.06.2021 5:58
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Com certeza vai subir mais! Mas difícil saber quanto acima dos 40! Banco forte, bem posicionado na carteira de crédito, e com excelentes resultados! De fato, se fosse privado, chegaria fácil no valor mencionado. Agira, chamar o BB de podre, como um aí escreveu, é lamentável!
Ronaldo Almeida
Ronaldo Almeida 07.06.2021 23:55
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Muito bom!! Didático, e colocado de modo simples e esclarecedor. Só não concordo que o grupo " cíclicas" misture e-commerce, turismo (CVC, Localiza), construção civil e educação. É sabido, por exemplo, que uma pandemia ajuda e-commerce e prejudica educação. O grupo deveria ser sub-dividido para ficar mais claro suas tendências
Gelson Araújo
Gelson Araújo 07.06.2021 21:55
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Muito bom mesmo! Esclarecedor
Fabio Luiz Honda
Fabio Luiz Honda 07.06.2021 21:45
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Muito bom !
Ademir Gutierri
Ademir Gutierri 07.06.2021 21:42
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Sensacional meu amigo! Eu estava atrás desses dados e dessa análise! Parabéns!
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Declaração de Riscos: Fusion Media would like to remind you that the data contained in this website is not necessarily real-time nor accurate. All CFDs (stocks, indexes, futures) and Forex prices are not provided by exchanges but rather by market makers, and so prices may not be accurate and may differ from the actual market price, meaning prices are indicative and not appropriate for trading purposes. Therefore Fusion Media doesn`t bear any responsibility for any trading losses you might incur as a result of using this data.

Fusion Media or anyone involved with Fusion Media will not accept any liability for loss or damage as a result of reliance on the information including data, quotes, charts and buy/sell signals contained within this website. Please be fully informed regarding the risks and costs associated with trading the financial markets, it is one of the riskiest investment forms possible.
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail