IRB Brasil Resseguros SA (IRBR3)

BM&FBovespa
2,16
+0,01(+0,47%)
  • Volume:
    23.891.500
  • Compra/Venda:
    2,16/2,17
  • Var. Diária:
    2,10 - 2,19
Alto retorno com dividendos

IRBR3 Fórum de Discussão

Qual sua opinião sobre IRB Brasil ON?
ou
O mercado está atualmente fechado, a votação está disponível somente quando o mercado estiver aberto.
Você está vendo só uma thread de comentários.
Ver toda a discussão
  • É uma empresa que exise há mais de 80 anos. 1939 - É criado o Instituto de Resseguros do Brasil com a missão de reter no país os riscos de empresas nacionais que antes eram transferidos para o exterior. [7]1960 - Passa a ter poder de regulador do mercado de resseguro a partir da criação do Sistema Nacional de Seguros Privados.1996 - Torna-se uma sociedade de economia mista e passa a se chamar IRB Brasil Resseguros S.A.2000 - Transfere para Susep a responsabilidade pela regulação do mercado de resseguro.2007 - Fim de um ciclo de 69 anos de monopólio no mercado brasileiro de resseguro.2017 - Abre capital com o lançamento das ações no Novo Mercado da B3, nível máximo de Governança. Assume a 9ª posição entre os 10 maiores resseguradores do mundo em valor de mercado.2019 – Realiza dois dos mais bem-sucedidos follow-ons da bolsa brasileira, no valor de aproximadamente R$ 10 bilhões, e se torna uma corporation.
    1
    • O balanço de 2019 foi auditado por duas auditorias de renome, Price Waterhouse e Ernst Young. Será que as duas não enxergaram nenhum erro, contrabilidade criativa ou mesmo falcatruas se elas realmente existem, O fato da Berkshire (Warren Buffet) não ter nenhuma participação, e, a afirmação de "que não vai investir da IRB", altera ou modifica os números e resultados do balanço de 2019? E os dois maiores acionistas, o Bradesco e o Itau, tb. desconhecem a administração toda da IRB, e as decisões que ela toma? Acredito que a IRB realmente falhou, cometeu erros em sua comunicação com o mercado e seis investidores, especialmente a respeito com relação ao relatório da Squadra. Acredito tb. que uma parte da administração mentiu para o mercado, com relação à saída do Presidente do Conselho da empresa, e, com relação à participação (investimento) da Berkshire na empresa, e, isso, claro, causa uma crise de credibilidade.
      2
    • Penso que para corrigir isso, a administração toda da empresa tem que ser trocada imediatamente e, que o preço da ação vai sofrer por um tempo até que a credibilidade dos investidores retorne.Finalmente, a empresa está lá, funcionando, faturando, gerando caixa e lucros, não corre nenhum risco de quebrar, especiamente levando-se em conta que nossa economia começa a crescer, abrindo mais oportunidades também para o mercado de seguros.
      0