😎 Promoção de meio de ano - Até 50% de desconto em ações selecionadas por IA no InvestingProGARANTA JÁ SUA OFERTA

Coinbase entra com recurso judicial contra a SEC

Publicado 23.05.2023, 18:33
© Reuters Coinbase entra com recurso judicial contra a SEC
COIN
-
C2OI34
-

CriptoFácil - Em resposta à falta de clareza sobre o mercado de criptomoedas da Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC), a Coinbase (NASDAQ:COIN) entrou com um pedido de mandado de segurança nesta terça-feira (23) contra o regulador. O diretor jurídico da exchange, Paul Agrawal, tuitou: “Mandamus é o remédio sob medida para os fatos extraordinários apresentados aqui”, referindo-se ao recurso judicial.

“A SEC demonstrou sua intenção de continuar sua campanha de fiscalização contra a indústria de criptomoedas nos mesmos tópicos levantados pelo pedido da Coinbase, ignorando esse pedido como fez por anos com outros pedidos regulatórios relacionados a ativos digitais”, afirmou a Coinbase em seu pedido de abertura de processo.

Caso a SEC decida negar o pedido da Coinbase, ainda pode ser compelida por um mandado de segurança – definido nos EUA como uma ordem judicial para garantir que um órgão governamental cumpra determinadas solicitações – para tomar uma decisão em relação à regulamentação de ativos digitais.

Uma ordem de mandado de segurança de um tribunal, segundo a Cornell Law School, exige que um funcionário governamental “cumpra adequadamente seus deveres oficiais ou corrija um abuso de discricionariedade”.

Coinbase vs. SEC

A Coinbase questiona a suposta falta de ação da SEC ao não fornecer detalhes sobre a regulamentação de ativos digitais quando a exchange solicitou regras mais claras.

“A SEC também não nega que sua atual campanha de execução representa uma mudança significativa em relação às suas visões anteriores sobre a aplicabilidade das leis de valores mobiliários aos ativos digitais. Em vez disso, alega autoridade para instaurar ações de execução contra o setor indefinidamente por violações de novos padrões nunca divulgados”, afirmou a Coinbase em seu resumo.

Mesmo que o pedido feito pela Coinbase seja rejeitado, a exchange argumenta que o tribunal deve continuar monitorando a SEC, pressionando ainda mais a comissão a avançar com sua regulamentação. Se o tribunal emitir um mandado de segurança, a SEC terá sete dias para responder.

A Coinbase afirmou que o tribunal também poderia “ordenar que a SEC explique seu atraso até o momento, indique quando responderá e forneça relatórios de progresso” ao tribunal.

Por CriptoFácil

Últimos comentários

Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.