Últimas Notícias
Investing Pro 0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Atualize já

Bastidores: Via (VIIA3) se torna palco para briga da família Klein

Ações 15.07.2022 09:11
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters Via se torna palco para briga da família Klein
 
VIIA3
0,00%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar a uma lista de Favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

Maior acionista da Via (BVMF:VIIA3), dona das Casas Bahia, Michael Klein tornou pública uma rixa com o alto escalão da companhia. Ao se colocar contra a remuneração da diretoria, Michael também colocou em evidência desavenças com seu filho, Raphael, que preside o conselho de administração da varejista.

Segundo apurou o Estadão, pai e filho não se falam há dois anos, e a relação teria se deteriorado após o segundo casamento de Michael, com sua atual esposa, Maria Alice, mãe dos quatro filhos mais novos do filho do fundador das Casas Bahia e 19 anos mais jovem. O relacionamento entre os dois azedou de vez, disse uma fonte próxima à família, depois que Raphael substituiu o pai na presidência do conselho da Via, logo no início da pandemia.

Segundo fontes, com o nascimento dos irmãos - hoje, ainda crianças -, Raphael começou a fazer questionamentos sobre o patrimônio da família, deixando Michael ofendido.

Paralelamente à briga familiar, o afastamento do patriarca do dia a dia da Via também gerou incômodo. "Michael Klein tem estado frustrado por não ter conseguido influenciar o dia a dia da empresa", diz uma pessoa próxima à situação. Como foi Michael quem escolheu Roberto Fulcherberguer, o atual CEO, ele esperava mais "gratidão", e não ser deixado de lado.

Outro ponto de conflito foi a renegociação de contratos de aluguel, na qual Michael - dono de vários pontos da marca - teria se sentido preterido. "Estávamos negociando com todos os senhorios, no meio de uma pandemia. Tivemos de tratá-lo como um senhorio, defendendo a empresa e todos os seus acionistas", frisou uma fonte.

Diante disso, Michael tornou públicas algumas de suas insatisfações. A Via, ao se defender, disse que poderá ir à Justiça, embora dentro da empresa essa hipótese seja vista como pouco provável. "A matéria foi aprovada em assembleia pela maioria dos acionistas. Grande parte do que ele (Michael) questiona foi aprovada por ele mesmo", diz uma pessoa próxima ao assunto.

O empresário e seu fundo de investimento decidiram se abster da votação sobre a proposta de fixação da remuneração global anual dos membros da administração da companhia por entender que a aprovação "teria o poder de 'assinar um cheque' de R$ 105 milhões para o conselho de administração".

A Via rebateu as alegações em documento feito pelos escritórios de advocacia Pinheiro Neto, Sergio Bermudes e Lefosse. O texto diz que Michael e o fundo de investimento têm "o dever legal de se retratar, sob pena de responderem por quaisquer danos causados à companhia". A empresa reafirmou essa posição ontem, em nota. Procurado, Michael Klein não comentou.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Bastidores: Via (VIIA3) se torna palco para briga da família Klein
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (15)
Diego Serrano
Diego Serrano 16.07.2022 20:08
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ainda tem muita gente Vendida nas ações da VIA. Apostando na queda. Então quanto mais cair o valor da ação mais esses apostadores em queda ganham.. por isso ficam fazendo essas notícias contra
André Rosa
André Rosa 16.07.2022 7:30
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Ele está certo!! A diretoria da empresa aumenta em 12% os bônus de prêmios para diretores e entregam um rombo trabalhista de quase bilhão há 6 meses atrás!!! São uns incompetentes!!
Rafael Evangelista Rocha
Rafael Evangelista Rocha 16.07.2022 7:30
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Até onde eu sei esse rombo vem da ADM anterior.
jonatas souza
jonatas souza 15.07.2022 12:10
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Pessima administração
Sandro Edgar
Sandro Edgar 15.07.2022 12:03
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Q cafetinagem é essa???
Etienne Xavier
Etienne 15.07.2022 11:07
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Tem que chamar o João Kleber ( Casos de Família) pra resolver essa parada kkk
Arley Martins
Arley Martins 15.07.2022 10:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Se a empresa esta dando lucro é o que importa. Se pai e filho está de picuinha, o problema é deles. So investidor e não quero saber de vida pessoal. Quem de briga de gente com $$$ e canais de fofoca. Noticia totalmente sem noção para ser postada em um site de investimento.
Rico Santos
Rico Santos 15.07.2022 10:12
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
grande investidor vc kkkkk ver a diretoria querer 105 milhões e achar que tá tudo bonitinho.
Sayuri Sayuri
Sayuri Sayuri 15.07.2022 10:02
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Fofoca, mas pesa no papel! E o caso que nao é fotoca “Saul Klein” o pedófilo!Familia trash!
Diego William
Diego William 15.07.2022 10:01
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Fofoca repercute no mercado.
Rafael Gomes
Rafael Gomes 15.07.2022 10:00
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Sucession brazil.
Rafael Gomes
Rafael Gomes 15.07.2022 9:59
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
está parecendo sucession. kkkkkk
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail