Garanta 40% de desconto
⚠ Alerta de Balanço! Quais ações estão prontas para disparar?
Veja as ações no nosso radar ProPicks. Essas estratégias subiram 19,7% desde o início do ano.
Não perca a lista completa

Seguradoras: Após dados do regulador, o que esperar dos lucros no 1T24

Publicado 03.04.2024, 14:17
Atualizado 03.04.2024, 16:09
© IRB Brasil

Investing.com – Após a divulgação de dados de janeiro pelo órgão regulador de players de seguros, a Superintendência de Seguros Privados (Susep), analistas avaliam como o início de 2024 pode refletir nos dados do primeiro trimestre.

Segundo o BTG (BVMF:BPAC11), os indicadores de BB Seguridade e IRB estariam à frente do consenso até o momento, enquanto os do Porto estariam abaixo. “É difícil tirar conclusões significativas a partir de apenas um mês de dados, no entanto, esses dados fornecem algumas dicas sobre como o primeiro trimestre está se desenvolvendo”, apontam os analistas em relatório divulgado aos clientes e ao mercado.

Investe em seguradoras? Veja qual possui o maior potencial de valorização com o InvestingPro. Assinando hoje, você tem desconto de até 40%! Use o cupom INVESTIR para desconto ainda maior.

Com base nesses dados, o BTG estima um lucro líquido de R$ 688 milhões para a BB Seguridade (BBSE) em janeiro, levando a um possível lucro de R$ 2,06 bilhões no trimestre, ao multiplicar o valor por três meses. Para a Porto, com lucro de R$ 109 milhões no mês, os dados sugerem resultado final de R$ 400 milhões nos primeiros três meses do ano, ainda que o banco tenha sinalizado que a companhia pagou juros sobre o capital próprio somente em março.

Para o IRB, com dados acima do esperado, o resultado final para R$37 milhões em janeiro sugere R$72 milhões no 1T24, “o que indica que os números de janeiro o posicionaram antes do previsto para o trimestre”, conforme o BTG.

Na opinião do Bank of America (NYSE:BAC) (BofA), os dados sugerem lucros mais baixos do que o esperado pelos seus analistas para todas as ações, no entanto. "Os prêmios emitidos pela indústria aceleraram, apoiados por seguros de vida e automóveis. A sinistralidade ficou estável na comparação anual, com melhor sinistralidade em prestamista/vida/automóvel, mas pior em rural", detalha.

BB Seguridade Participações (BVMF:BBSE3)

Dados da Brasilseg indicam bom desempenho, com forte expansão mensal da receita e bom controle de custos, enquanto resultados financeiros ficaram praticamente estáveis, aponta o BTG. Os números da BrasilPrev foram mais fracos, com resultados financeiros mais baixos, mesmo com receita mais forte e controle de custos.

Com base nos dados da Susep, o BTG projeta um lucro líquido de R$688 milhões para o BB Seguridade em janeiro, queda de 5% na base mensal, mas alta de 11% ano a ano. Assim, para o primeiro trimestre, ao multiplicar o dado por três, o indicativo seria de um lucro de R$2,06 bilhões, demonstrando estabilidade no trimestre, mas alta anual de 17%, cerca de 8% das projeções dos analistas e do consenso.

Para o BofA, os indicadores de sinistralidade surpreenderam, enquanto os resultados financeiros mais que compensaram esse impacto positivo – o que sugere um lucro 9% abaixo do que era projetado pelo banco. “Do lado negativo, os resultados financeiros estão abaixo das nossas projeções, impactados negativamente pela queda da Selic”, afirma o BofA.

Porto Seguro (BVMF:PSSA3)

Segundo dados da Susep, a Porto teve um lucro líquido de R$ 109 milhões em janeiro, baixa mensal de 63% e 7% na comparação anual. Conforme o BTG, a diminuição mensal ocorre diante de maior sinistralidade, em linha com fatores sazonais de janeiro, além de impostos mais elevados. A sinistralidade aumentou para 52% no mês. Dessa forma, o banco estima lucro líquido estimado em torno de R$ 400 milhões no primeiro trimestre, um recuo trimestral de 40%, mas variação positiva em 20% na relação com o mesmo período do ano passado, em torno de 25% inferior ao consenso.

O Bank of America concorda que a deterioração da sinistralidade pressionou os dados, mas é fundamental monitorar a sazonalidade em fevereiro e março. “Os resultados financeiros ficaram quase 40% abaixo do esperado, mas os ganhos ao nível da holding poderão compensar este impacto”, pontua o BofA.

IRB Brasil Resseguros (BVMF:IRBR3)

O IRB também divulgou seus números de janeiro, avaliados como positivos pelo BTG. Os prêmios emitidos alcançaram R$ 731,5 milhões em janeiro, alta anual de 3% e trimestral de 24%. A taxa de sinistralidade foi de 55,3%, queda de 20 pontos percentuais na base anual, com diminuição significativa nos sinistros ocorridos, mas não avisados. Os ganhos financeiros (incluindo equivalência patrimonial) também tiveram destaque positivo, levando a um lucro líquido de R$36,8 milhões. O BTG estima um lucro de R$72 milhões no primeiro trimestre, com dados de janeiro acima do cronograma. O BTG lembra que a resseguradora mira na retomada do pagamento de dividendos até 2025.

Às 14h51 (de Brasília), as ações do IRB recuavam 2,04%, a R$37,38, BB Seguridade estava em baixa de 0,37%, a R$32,55, e Porto ganhava 0,67%, a R$31,41.

***

Para ter acesso aos modelos financeiros referentes ao preço-justo indicado no InvestingPro, histórico de demonstrações financeiras, retorno com dividendos, relação de preço por lucro e comparação com pares de todas as seguradoras brasileiras, além de mais de 135.000 ações de todo o mundo, acesse a plataforma!

Supere o mercado com os melhores insights com até 40% de desconto! Para um desconto EXTRA, use o cupom INVESTIR para as assinaturas anuais e de 2 anos do Pro e Pro+

caption credit

Últimos comentários

alguem acredita no BTG? ehehe ate eu consigo montar um relatorio assim baseado no chute rsrs
Instale nossos aplicativos
Divulgação de riscos: Negociar instrumentos financeiros e/ou criptomoedas envolve riscos elevados, inclusive o risco de perder parte ou todo o valor do investimento, e pode não ser algo indicado e apropriado a todos os investidores. Os preços das criptomoedas são extremamente voláteis e podem ser afetados por fatores externos, como eventos financeiros, regulatórios ou políticos. Negociar com margem aumenta os riscos financeiros.
Antes de decidir operar e negociar instrumentos financeiros ou criptomoedas, você deve se informar completamente sobre os riscos e custos associados a operações e negociações nos mercados financeiros, considerar cuidadosamente seus objetivos de investimento, nível de experiência e apetite de risco; além disso, recomenda-se procurar orientação e conselhos profissionais quando necessário.
A Fusion Media gostaria de lembrar que os dados contidos nesse site não são necessariamente precisos ou atualizados em tempo real. Os dados e preços disponíveis no site não são necessariamente fornecidos por qualquer mercado ou bolsa de valores, mas sim por market makers e, por isso, os preços podem não ser exatos e podem diferir dos preços reais em qualquer mercado, o que significa que são inapropriados para fins de uso em negociações e operações financeiras. A Fusion Media e quaisquer outros colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo não são responsáveis por quaisquer perdas e danos financeiros ou em negociações sofridas como resultado da utilização das informações contidas nesse site.
É proibido utilizar, armazenar, reproduzir, exibir, modificar, transmitir ou distribuir os dados contidos nesse site sem permissão explícita prévia por escrito da Fusion Media e/ou de colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo. Todos os direitos de propriedade intelectual são reservados aos colaboradores/partes fornecedoras de conteúdo e/ou bolsas de valores que fornecem os dados contidos nesse site.
A Fusion Media pode ser compensada pelos anunciantes que aparecem no site com base na interação dos usuários do site com os anúncios publicitários ou entidades anunciantes.
A versão em inglês deste acordo é a versão principal, a qual prevalece sempre que houver alguma discrepância entre a versão em inglês e a versão em português.
© 2007-2024 - Fusion Media Limited. Todos os direitos reservados.