Últimas Notícias
Garanta 40% de desconto 0
👀 Invista igual ao Warren Buffett e lucre +174.3% acima do badalado S&P 500 Aproveite desconto de 40%

Tecnisa tem prejuízo líquido de R$ 8 mi no 3º trimestre, revertendo lucro de R$ 2 mi

Publicado 09.11.2023 17:27 Atualizado 10.11.2023 08:21
Salvo. Ver Itens salvos.
Esse artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
© Reuters. Tecnisa tem prejuízo líquido de R$ 8 mi no 3º trimestre, revertendo lucro de R$ 2 mi
 
TCSA3
+1,41%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

A Tecnisa (BVMF:TCSA3) fechou o terceiro trimestre deste ano com prejuízo líquido de R$ 7,987 milhões, revertendo lucro de R$ 1,656 milhão do mesmo período de 2022. O prejuízo, segundo a empresa, foi em decorrência da ausência de lançamentos nos últimos trimestres e de um mix de vendas com margens menores, "o que prejudicou a diluição dos custos fixos", ressaltou no release que acompanha os resultados.

O Ebitda (lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado totalizou R$ 9,34 milhões, queda de 3,4% em um ano. A margem Ebitda ajustado foi a 10,9%, recuo de 2,5 pontos porcentuais na mesma base comparativa.

A receita operacional líquida totalizou R$ 85,921 milhões, montante 19,1% maior que um ano antes. A margem bruta ajustada chegou a 14,8%, queda de 3,7 pontos porcentuais. No acumulado do ano, a receita operacional líquida totalizou R$ 311 milhões, aumento de 94% sobre os primeiros nove meses do ano anterior.

Segundo a empresa, as variações se devem aos mesmos fatores que influenciaram a receita operacional bruta: maior volume de obras em andamento e de receitas a apropriar e um mix de vendas em projetos em consolidação integral com POC (percentage of completion) menos avançado quando comparado com o segundo trimestre deste ano.

O custo dos imóveis vendidos foi de R$ 83 milhões, aumento de 35%, quando comparado ao ano passado e de 4% em relação ao trimestre imediatamente anterior. As oscilações na conta se devem, majoritariamente, ao maior volume de obras em andamento, mix de vendas em projetos em consolidação integral com margens menores e ao aumento de gastos com manutenção pós-obra.

O resultado financeiro (saldo entre receitas e despesas financeiras) ficou negativo em R$ 2,457 milhões, mais de quatro vezes o resultado negativo de um ano antes, quando atingiu R$ 736 mil.

A Tecnisa encerrou setembro com uma posição consolidada de caixa de R$ 173 milhões, que somado ao caixa disponível no Jardim das Perdizes, totaliza R$ 220 milhões, montante que representa 176% das dívidas a vencer no curto prazo de R$ 125 milhões.

Já o consumo de caixa, medido pela variação da dívida líquida, totalizou R$ 40 milhões no terceiro trimestre. Considerando o aumento de R$ 7 milhões no caixa líquido dos projetos contabilizados por equivalência patrimonial, o consumo de caixa ajustado totalizou R$ 33 milhões.

"Como apresentado em entrega de empreendimentos, a companhia está iniciando um ciclo de entrega de projetos entre 2024 e 2025, o que deve contribuir para a geração de caixa nos próximos anos", informou.

Lançamentos e vendas

A companhia não realizou lançamentos no terceiro trimestre. Como evento subsequente, em 1º de novembro foi comunicado o lançamento do Belaterra, na Chácara Flora, em São Paulo, com VGV de R$ 211 milhões, 28% vendido até a data de divulgação destes resultados, informou.

As vendas líquidas, parte Tecnisa, somaram R$ 122 milhões no trimestre, um aumento de 9% em comparação o mesmo período do ano anterior, com VSO líquida de 13,3%.

Tecnisa tem prejuízo líquido de R$ 8 mi no 3º trimestre, revertendo lucro de R$ 2 mi
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por esse motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
 
Tem certeza que deseja excluir esse gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar esse comentário

Diga-nos o que achou desse comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail