Últimas Notícias
0
Versão sem anúncios. Atualize sua experiência no Investing.com. Economize até 40% Mais detalhes

Tesla tem queda nas vendas pela primeira vez em dois anos

Ações 05.07.2022 21:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
2/2 © Reuters. Placa com logotipo da Tesla em Los Angeles, Califórnia, EUA 12/01/2018 REUTERS/Lucy Nicholson 2/2

BENGALURU (Reuters) - A Tesla (NASDAQ:TSLA) enfrenta uma série de obstáculos que vão desde problemas de produção ao aumento da inflação que pode atingir suas receitas, disseram analistas de Wall Street nesta terça-feira, em um momento em que a fabricante de carros elétricos sofreu uma queda nas vendas pela primeira vez em dois anos.

Atingida pelos lockdowns na China e por custos crescentes, a Tesla vendeu 254.695 veículos no segundo trimestre, uma queda de cerca de 18% em relação aos três primeiros meses deste ano.

Os problemas na rede de fornecedores vinculadas às fábricas da empresa no Texas e na Alemanha também prejudicaram a produção, com analistas alertando que a situação pode prejudicar os resultados da Tesla.

As ações da maior fabricante de carros elétricos do mundo caíram mais de 3% mais cedo, mas reverteram o curso ao longo do pregão e encerraram com alta de 2,6%, para 699,20 dólares, nesta terça-feira. Até agora neste ano, o papel acumula perda de um terço de seu valor.

“O brilho da Tesla diminuiu mais uma vez com esta última queda, que veio acima das expectativas”, disse Susannah Streeter, analista da Hargreaves (LON:HRGV) Lansdown. "A Tesla se depara com um cenário em que quanto mais rápido um problema é resolvido, outro aparece."

Analistas do JPMorgan (NYSE:JPM), que cortaram o preço-alvo das ações da empresa em 10 dólares, para 385 dólares, disseram que a produção e os resultados financeiros da Tesla podem ser prejudicados por problemas de execução específicos da empresa nas novas fábricas da montadora no Texas e em Berlim.

Streeter alertou que o aumento do custo de vida em todo o mundo devido à inflação crescente pode ter um efeito indireto sobre a demanda no futuro. Alguns analistas, no entanto, esperam uma recuperação até o final do ano.

As fábricas de Austin e Berlim provavelmente continuarão a pesar sobre os resultados da Tesla até atingirem taxas de utilização mais altas. A empresa espera que os volumes de produção se recuperem fortemente no segundo semestre do ano, disse Garrett Nelson, analista sênior de ações da CFRA Research.

(Por Eva Matthews)

Tesla tem queda nas vendas pela primeira vez em dois anos
 

Artigos Relacionados

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (3)
Jose Geraldo Dioscanio
Jose Geraldo Dioscanio 06.07.2022 17:24
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Matéria desinformativa, tudo o que foi produzido foi vendido. O problema na produção menor foi o lock down na China!
Luiz Gomes
Luiz Gomes 06.07.2022 5:14
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
A Europa vai quebrar o mundo
Leandro Arrotinho
Leandro Arrotinho 05.07.2022 21:55
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Recessao
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail