Últimas Notícias
Investing Pro 0
❤️ Ajude as vítimas do terremoto na Síria e na Turquia Doar

Biden ameaça indústria petrolífera com imposto extraordinário; risco ou retórica?

br.investing.com/analysis/biden-ameaca-industria-petrolifera-com-imposto-extraordinario-risco-ou-retorica-200453121
Biden ameaça indústria petrolífera com imposto extraordinário; risco ou retórica?
Por Ellen R. Wald, Ph.D.   |  03.11.2022 11:36
Salvo. Ver Itens salvos.
Este artigo já foi salvo nos seus Itens salvos
 
 
CVX
-2,35%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
XOM
-0,87%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
HES
-0,38%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
CL
-0,06%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 
2222
+1,25%
Adicionar/Remover de uma Carteira
Adicionar aos favoritos
Adicionar posição

Posição adicionada com êxito a:

Dê um nome à sua carteira de investimento
 

Na semana passada, as empresas petrolíferas dos EUA divulgaram lucros recordes no terceiro trimestre. Isso já era esperado, pois o preço médio do barril de petróleo no período foi de US$ 91,43. Muito embora os preços tenham recuado em relação aos registrados no primeiro semestre de 2022, essa cotação ainda é muito maior do que a média dos últimos sete anos. Para ilustrar melhor o patamar de preços do 3º tri, a última vez em que a cotação média anual do barril de petróleo ficou acima de US$ 68 foi em 2014, quando atingiu US$ 93,17.

Todas as grandes petrolíferas americanas divulgaram um magnífico aumento dos lucros. Por exemplo, a Exxon Mobil (NYSE:XOM) lucrou US$ 19,7 bilhões no período, ao lado da Chevron (NYSE:CVX), com US$ 11,2 bilhões de lucro, e da Hess (NYSE:HES), com US$ 515 milhões.

Na segunda-feira seguinte ao anúncio dos resultados, o presidente dos EUA, Joe Biden, condenou a indústria petrolífera local por esses lucros, dizendo que eram um “subproduto inesperado da guerra”, além de criticá-la por não ter reduzido o custo dos produtos petrolíferos para os consumidores. Por isso, pediu que o Congresso aprovasse um imposto extraordinário para penalizar as companhias do setor.

É muito pouco provável que tal legislação venha ser apresentada e, caso isso aconteça, menos ainda que o Congresso americano vote a favor dela. Afinal, o aumento da taxação das empresas que produzem petróleo poderia ter um efeito contrário, ao aumentar os preços para os consumidores, diante do repasse dos custos maiores. Tudo indica que essa menção de Biden a um imposto extraordinário tenha sido apenas um discurso político para mostrar aos eleitores americanos que seu governo está tentando reduzir os custos de energia às vésperas de uma eleição.

Ainda que Biden não esteja buscando uma reeleição, pode haver uma grande renovação de deputados, senadores e governadores no dia 8 de novembro, e o presidente deseja que os candidatos do partido democrata vençam. Os investidores saberão que se trata apenas de uma fumaça política, quando os rumores a respeito dessa taxação arrefeceram logo após a eleição de 8 de novembro. Tudo indica que não haverá uma reação séria por parte da indústria aos últimos comentários de Biden, a menos que as ameaças continuem após a eleição da semana que vem. Caso isso ocorra, o mais provável é que os produtores tomem medidas para se preparar.

Outra questão que os investidores devem acompanhar é o montante que as empresas petrolíferas estão destinando a despesas de capital. O governo Biden, de fato, pediu que as petroleiras aumentassem seus investimentos em novas instalações de produção de petróleo e gás nos EUA. As empresas do setor, com exceção da Aramco (TADAWUL:2222), reduziram consideravelmente seu dispêndio de capital durante a queda dos preços nos últimos anos. Com a alta dos preços, os investimentos voltaram a aumentar, mas o fato é que as empresas não estão planejando aumentar muito as despesas de capital.

Uma pesquisa recente com executivas de empresas petrolíferas nos EUA mostrou que os investimentos em ativos upstream (produção e exploração) devem crescer 29% neste ano, para US$ 108 bilhões. Esse ritmo de investimento é muito menor do que os ganhos de fluxo de caixa dessas companhias. O governo Biden pode tentar incentivar uma alocação maior dos lucros das petrolíferas em despesas de capital, o que pode promover o aumento da produção e da oferta de petróleo no futuro. Ocorre que isso iria de encontro com as políticas ambientais da Casa Branca. Novamente, os investidores precisam aguardar até o fim das eleições da semana que vem para ver se se trata apenas de retórica política e de uma política governamental concreta.

Biden ameaça indústria petrolífera com imposto extraordinário; risco ou retórica?
 

Artigos Relacionados

Biden ameaça indústria petrolífera com imposto extraordinário; risco ou retórica?

Adicionar comentário

Diretrizes para Comentários

Nós o incentivamos a usar os comentários para se engajar com os usuários, compartilhar a sua perspectiva e fazer perguntas a autores e entre si. No entanto, a fim de manter o alto nível do discurso que todos nós valorizamos e esperamos, por favor, mantenha os seguintes critérios em mente:

  • Enriqueça a conversa
  • Mantenha-se focado e na linha. Só poste material relevante ao tema a ser discutido.
  • Seja respeitoso. Mesmo opiniões negativas podem ser enquadradas de forma positiva e diplomática.
  • Use estilo de escrita padrão. Incluir pontuação e letras maiúsculas e minúsculas.
  • NOTA: Spam e/ou mensagens promocionais ou links dentro de um comentário serão removidos.
  • Evite palavrões, calúnias, ataques pessoais ou discriminatórios dirigidos a um autor ou outro usuário.
  • Somente serão permitidos comentários em Português.

Os autores de spam ou abuso serão excluídos do site e proibidos de comentar no futuro, a critério do Investing.com

Escreva o que você pensa aqui
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
Postar também no :
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Obrigado pelo seu comentário. Por favor, note que todos os comentários estão automaticamente pendentes, em nosso sistema, até que aprovados por nossos moderadores. Por este motivo, pode demorar algum tempo antes que o mesmo apareça em nosso site.
Comentários (1)
Julio Cesar
Julio Cesar 03.11.2022 20:34
Salvo. Ver Itens salvos.
Este comentário já foi salvo nos seus Itens salvos
Lindo artigo! Parabéns Ellen!
 
Tem certeza que deseja excluir este gráfico?
 
Postar
 
Substituir o gráfico anexado por um novo gráfico?
1000
A sua permissão para inserir comentários está atualmente suspensa devido a denúncias feitas por usuários. O seu status será analisado por nossos moderadores.
Aguarde um minuto antes de tentar comentar novamente.
Anexar um gráfico a um comentário
Confirmar bloqueio

Tem certeza de que deseja bloquear %USER_NAME%?

Ao confirmar o bloqueio, você e %USER_NAME% não poderão ver o que cada um de vocês posta no Investing.com.

%USER_NAME% foi adicionado com êxito à sua Lista de bloqueios

Já que acabou de desbloquear esta pessoa, você deve aguardar 48 horas antes de bloqueá-la novamente.

Denunciar este comentário

Diga-nos o que achou deste comentário

Comentário denunciado

Obrigado!

Seu comentário foi enviado aos moderadores para revisão
Cadastre-se com Google
ou
Cadastre-se com o e-mail